sábado, 12 de setembro de 2015

O desprezo perante a baixeza moral e a insignificância!...


Vai tudo a tiro

«O Sporting quer processar Pedro Guerra? Decisão curiosa, que talvez pudesse levar-nos a pensar que Pedro Guerra é ou muito mau ou muito bom comentador. Tanto quanto percebi pelas poucas vezes que o vi em acção, é um daqueles que fazem da facilidade em ser obnóxio a sua principal força. Nem por isso se destaca dos demais, porém. E processá-lo porque disse que os leões queriam Mitroglou - note-se bem: porque disse que os leões queriam Mitroglou, essa revelação dos diabos, e ademais tão ofensiva - torna a provar que já não importa quem é o alvo nem qual o motivo. O Sporting faz questão de estar em guerra com tudo e com todos na Luz - grandes, médios e pequenos; vermelhos, amarelos e cor-de-rosa às bolinhas. Alguém convenceu Bruno de Carvalho de que se trata de boa estratégia. Ficará para dividir as responsabilidades?...»
(Joel Neto, in O Jogo)

Quantas vezes o desprezo será a melhor forma de colocar a nu a baixeza moral e a insignificância?!...

Leoninamente,
Até à próxima

4 comentários:

  1. A quem quererá enganar o Joel? Ou, de outro modo e para ser simpático com o Joel, quem lhe disse que o motivo do processo é "Guerra ter dito que o Sporting queria Mitroglou" e, muito diferente, o tal Guerra ter berrado, publicamente, frente a câmeras de Tv, que ""tinha uma cópia do contrato que o Sporting apresentara a Mitroglou"?

    A verdade é esta e o Joel sabe-a bem: um jornalista (?) dizer que tem fontes que lhe disseram ser verdade o que, depois, se demonstrou ser completamente falso é completamente diferente de dizer "tenho na minha posse um documento autenticado que comprova que..." (autenticado no sentido em que prova a origem)

    Ai, Joel, Joel, já tens idade para olhares com quem andas ... porque são as companhias que dizem quem tu és.
    Em todo o caso, registe-se o esforço em defesa da sua dama - foste tão óbvio, Joel...


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Julgo, caro Liondamaia, que seria por demais absurdo que a "dama" que JN terá pretendido defender, mesmo em última instância, alguma vez a qualificaria de "obnóxio"!...

      Não sei se erradamente, mas o prisma por onde olhei para a crónica, não coincidirá exactamente com o seu...

      Eliminar
  2. Amigo Álamo, a ideia que me deixa o texto do Joel é a de que, no Sporting, tudo quanto mexe lá para os lados da Colômbia, perdão, do Colombo, é motivo de guerra e pareceu-me ver nessa crónica a necessidade de fazer a defesa do berra, isto é, do Guerra.
    Ora, o motivo que li nos pasquins que nos levariam a pretender levar o berra a "sentar o cu no banco" (deveria ser "no mocho" mas, com aquela envergadura, desconfio que resultaria uma imagem obscena) é totalmente diferente, uma vez que o Clube já negara a apresentação de qualquer proposta e o paineleiro afirmou ((berrou, talvez) que era mentira, pois tinha uma cópia do contrato.

    Estou de acordo consigo ao entender que muitas vezes, se calhar na maior parte das vezes, a melhor solução para lidar com situações estúpidas ou, como bem diz, de baixeza moral, é ignorá-las. Contudo, num caso como este, em que publicamente se afirma "mente e tenho prova" não será de exigir que "mostre a prova"? E aqui chegado, volto ao Joel, que teve tempo mais do que suficiente para pensar bem no que iria dizer e sem deturpações.
    Mas o Joel deturpou o que foi dito, fazendo desse modo a defesa do colega, amigo, o que for.

    Foi neste sentido que escrevi o meu comentário anterior e, bem vistas as coisas, cumpre-me reconhecer que me afastei do que o amigo Álamo propôs. Espero ser desculpado.
    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Liondamaia, nunca terei que o desculpar pelo simples facto de expressar com toda a legitimidade a sua opinião. Mas a questão será a de que JN não terá assumido "a defesa do colega, amigo, o que for". JN além de jornalista, escritor e um homem de elevada craveira cultural e intelectual, é sportinguista. Passa-lhe pela cabeça que alguma vez assumisse a defesa de um energúmeno contra o Sporting? Impossível, meu amigo! O que JN terá pretendido dizer e eu sou forçado a concordar, é que tanto Napoleão, quanto Hitler perderam as suas guerras, porque cometeram o erro de abrir demasiadas frentes de batalha, correndo o Sporting risco idêntico, desgraçadamente contra adversários que apenas deveriam merecer-lhe desprezo.

      Apenas isto.

      SL

      Eliminar

PUBLICIDADE