sexta-feira, 30 de junho de 2017

Fernando Santos terá sido o primeiro a ser infeliz!...



Não sei explicar o porquê da nossa ineficácia

«Não tive oportunidade de ver o jogo (Portugal-Chile). Estava em viagem da Madeira para o continente e quando tomei conhecimento do resultado, naturalmente fiquei triste, mas o futebol é assim mesmo. Claro que é aborrecido perder nos penáltis, mas já houve outras situações em que fomos felizes nos penáltis. [...]

Os jogadores têm muita pressão. Apesar de treinarem, não sei explicar o porquê da nossa ineficácia. Não tenho explicação...» 
(Leonardo Jardim, in O Jogo)


Todos recusarão atribuir a Ricardo Quaresma, João Moutinho e Nani, o talento, a classe e o nível futebolístico que evidenciaram na marcação dos três pénaltis falhados na meia-final da Taça das Confederações frente ao Chile. Serão, cada um à sua maneira, do melhor que neste momento haverá no futebol mundial! Mas a questão sempre se colocará: porque falharam os três, de forma tão clamorosa e infantil e logo num momento de tanta responsabilidade?!...

Leonardo Jardim, elegante como sempre, afirmou não ter explicação. Mas todos nós sabemos que está farto de saber que nós sabemos que ele sabe o que todos há muito sabemos! E Fernando Santos também sabe, mas a "danada da fé" provocou-lhe uma "branca" na hora de escolher a ordem e os protagonistas mais indicados! Imperdoável, para quem certamente conhecerá melhor do que todos nós, o carácter e a estabilidade emocional dos três infelizes intérpretes dos nossos sonhos!...

O primeiro pénalti será bem mais do que decisivo em tal "lotaria", fundamentalmente pela confiança que oferece a todos aqueles que a seguir serão chamados, pelo que só um homem como Fernando Santos seria capaz de, usufruindo do privilégio de possuir na sua equipa o melhor jogador do mundo, não o escalar para ser o primeiro a tentar chamar a si a "taluda" de tão importante lotaria. Embora Cristiano Ronaldo pudesse falhar como ser humano e falível que é, as probabilidades de conseguir converter, seriam incomparavelmente superiores a todo e qualquer dos seus companheiros! Assim...

Fernando Santos terá sido o primeiro a ser infeliz!...

Leoninamente,
Até à próxima

Até os comemos, carago!...


«A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD informa que chegou a acordo com a AS Roma para a transferência do jogador Seydou Doumbia por empréstimo na época desportiva 2017/18 com opção de compra...» (LINK1)

Já está! Havendo "bacalhau" é certo que temos homem! O comunicado da SAD é naturalmente vago e não especifica os contornos do empréstimo. Mas alguns minutos depois do "bacalhau", logo o jornal A Bola veio colocar tudo em pratos limpos, especificando que "o acordo dos leões com o clube italiano inclui a possibilidade de prolongar o empréstimo por duas temporadas e contempla ainda uma opção de compra de três milhões de euros. No entanto, o Sporting fica obrigado a accionar esta cláusula caso Doumbia cumpra determinados objectivos desportivos em 2017/18" (LINK2). Não sei o que seria de nós sem A Bola. Mas seja como for, importante é que a gloriosa verde e branca lhe fica a matar...

O possante avançado costa-marfinense junta-se assim a Bas Dost, Alan Ruiz, Leonardo Ruiz e Gelson Dala como avançados ao serviço de Jorge Jesus. Doumbia é o sexto reforço do Sporting para esta época, depois de André Pinto, Piccini, Mattheus Oliveira, Battaglia e Bruno Fernandes.

Até os comemos, carago!...

Leoninamente,
Até à próxima

Com água na boca pelo que nos poderá estar reservado aí!...


SPORTING DÁ A VOLTA A DOUMBIA

SAD avança para compra do passe do costa-marfinense que está em Lisboa para assinar

Autêntico golpe de mercado, numa transferência que chegou a estar praticamente concluída, por empréstimo de um ano com opção, depois por exigências do empresário quase descartada e parece agora de novo reactivada com sucesso, graças ao esforço negocial da estrutura do futebol leonino, que permitiu chegar a um princípio de acordo com jogador e com a Roma, detentora dos direitos económicos, conseguindo ganhar vantagem relativamente à concorrência externa e interna pelo ponta-de-lança, pois chegaram a circular rumores de uma alegada intromissão do Benfica.

Um dos ajustes perspectivados será a hipótese de o Sporting avançar para a aquisição imediata do passe junto da Roma. No caso do jogador, as conversações que originaram este volte-face, terão permitido baixar as exigências salariais de Doumbia para um nível considerado aceitável na SAD e que rondará 1,5 milhões de euros por época, livres de impostos (sensivelmente o mesmo que aufere Bas Dost, que tem o vencimento mais alto do plantel). Tal redução será obtida através de um prémio de assinatura, que servirá para compensar a diferença para outras ofertas que motivaram o interesse do jogador e vinham atrasando o processo negocial. O facto de Doumbia estar em Lisboa demonstra que, não estando ainda concluído, o acordo está próximo...

Com Bas Dost a chegar na próxima segunda-feira será muito provável que o encontro dessa eventual terrível dupla possa acontecer mais cedo do que seria de esperar... 

Com água na boca pelo que nos poderá estar reservado aí!...

Leoninamente,
Até à próxima

Habemus novum Papa!...




Habemus novum Papa, et novum papam litteras encyclicas!...


Leoninamente,
Até à próxima

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Chegou por e-mail e não veio sozinho!...


Acabadinho de chegar à redacção, este pequeno excerto dos ecos que percorrem toda a Europa do futebol!...

Chegou por e-mail e não veio sozinho!...

Leoninamente,
Até à próxima

Doumbia: o que é bom costuma custar dinheiro!...



Seydou Doumbia estará muito perto de ser reforço do Sporting. O avançado costa-marfinense terá chegado durante a noite desta quinta-feira a Lisboa, para ultimar o acordo com os leões.

Apesar da forte concorrência de outros clubes o Sporting parece ter ganho a disputa para garantir os serviços do possante avançado de 29 anos, que poderá mesmo ser apresentado oficialmente esta sexta-feira.

Deste modo parece confirmar-se o cenário que vinha sendo adiantado desde o início das negociações entre Sporting e Roma, do empréstimo por um ano com opção de compra de 6 milhões de euros, mas num esforço derradeiro para chegar a acordo com o jogador o Sporting terá aceitado colocar o seu salário ao nível mais alto praticado no plantel, aproximando-se dos valores pretendidos pelo jogador através de substancial prémio de assinatura, o que significará um considerável e forte investimento leonino.

O que é bom costuma custar dinheiro!...

Leoninamente,
Até à próxima

Será para a extinção da Liga e um tacho no Benfica?!...


Depois do frete da atribuição e entrega com pompa e circunstância da inédita, estúpida e ainti-regulamentar Taça do Tri, hoje Pedro Proença votou contra a expurgação dos regulamentos da inqualificável introdução dos cigarros electrónicos proposta pelo Benfica e aprovada da forma a que todo o país assistiu, na Assembleia Geral da LPFP.

Para onde correrá Pedro Proença tão convicto e assim, com tanta pressa?!...

Será para a extinção da Liga e um tacho no Benfica?!...

Leoninamente,
Até à próxima

Uma desgraça nunca vem só!...


Assembleia Geral de Federação recusa proibição de cigarros electrónicos (LINK)


Abortou a proposta do Benfica e seus 26 acólitos, de alteração ao artigo 136.º-A do Regulamento Disciplinar,  aprovada em Assembleia Geral da Liga, que reenquadrava o «uso de expressões ou gestos ameaçadores ou indignos» nas áreas técnicas passando a descrever como «revelador de indignidade agravada o ato de fumar na zona técnica, incluindo cigarros electrónicos, e expelir fumo ou quaisquer outras substâncias, tais como saliva, na direcção de dirigentes, jogadores ou quaisquer outros agentes desportivos», reprovada agora na Assembleia Geral da Federação Portuguesa de Futebol, 35 votos contra, 14 a favor e 13 abstenções, tendo todas as restantes alterações ao Regulamento Disciplinar e também ao Regulamento de Arbitragem sido aprovadas.

Em época de tufões, maremotos e outros cataclismos, mais uma desgraça se abateu sobre o fragilizado e depauperado vizinho do outro lado da rua!...

Uma desgraça nunca vem só!...

Leoninamente,
Até à próxima

Ainda mais forte com Divanei!...




«O Sporting Clube de Portugal informa que chegou a acordo com Divanei para o regresso do atleta ao Clube.

Quatro anos depois, Divanei, indiscutivelmente um ídolo para os adeptos do Sporting CP, volta assim a jogar de leão ao peito tal como sempre ambicionou.

O Sporting Clube de Portugal deseja a Divanei as maiores felicidades profissionais e pessoais neste seu regresso a casa.»


Adivinhava-se! O interesse era mútuo! Poucos terão dúvidas de que o Sporting ficará... 

Ainda mais forte com Divanei!...

Leoninamente,
Até á próxima

"Quem não quiser ser lobo, que não lhe vista a pele"!...




Quatro más escolhas de Jorge Jesus

«Ficámos anteontem a saber que o treinador do Sporting, neste recomeço dos trabalhos da equipa principal de futebol, decidiu afastar do plantel quatro jogadores: Douglas, Marvin, Petrovic e Schelotto.

Todos eles foram muito criticados, ao longo da época, no És a Nossa Fé. Douglas, um pinheiro sem mobilidade no eixo da defesa; Petrovic, médio defensivo curto de ideias e curto de passe; Marvin Zeegelaar e Schelotto, laterais mais-que-imperfeitos a defender, responsáveis por muitos golos sofridos pela nossa equipa na época que terminou.

Não esqueçamos, no entanto, que o responsável pela vinda destes jogadores para Alvalade foi Jorge Jesus - o mesmo que acaba de os remeter à proveniência. Por vezes certos factos merecem ser lembrados. E nós, por cá, felizmente não sofremos de amnésia.»
(Pedro Correia, In ÉS A NOSSA FÉ)


Compreendo "leoninamente" a benevolência de Pedro Correia, em pisar e repisar, calcar e recalcar, forçar e reforçar, birrar e embirrar, apenas em relação ao "quarteto sobrante" do carregamento de contratações estapafúrdias a que Jorge Jesus "obrigou" o Sporting desde que chegou a Alvalade! E subscrevendo inteiramente o que hoje afirma em ÉS A NOSSA FÉ, espero que me permita julgar a rejeição da sua amnésia de substancialmente inferior à minha, dado que ainda em mim subsiste o vómito ou, no mínimo, profundo constrangimento e enjoo, que me provocaram espécimes futebolísticos do quilate de Michaël Ciani, João Pereira, Naldo, Lukas Spalvis, Alberto Aquilani, Teo Gutiérrez, Elias Trindade, Hernán Barcos, André "Balada" Sousa, Joel Campbell, Luc Castaignos, Lazar Markovic, Marcelo Meli e Bruno Paulista, sem esquecer Kevin-Prince Boateng e Sandro Cordeiro, cujo ingresso, para grande felicidade do Sporting, foi inviabilizado pela dignidade e competência profissional do Corpo Clínico leonino chefiado pelo doutor Frederico Varandas.

Quero com isto sublinhar, com um traço muito negro e muito grosso que, se não me falha a memória, dos 25 futebolistas "encomendados" por Jorge Jesus nas suas duas primeiras épocas em Alvalade, apenas não se revelaram, recorrendo à designação utilizada pelas agências de ratting para a economia portuguesa, abaixo de lixo, Bas Dost, Sebastian Coates, Alan Ruiz, Bruno César e Beto!...

Convenhamos que, mesmo tendo em conta a redução que eventualmente a dinâmica do mercado possa vir a permitir - e não será fácil a colocação de todo este "refugo"! - nos prejuízos provocados por esta "louca avalanche jesuíta", uma percentagem de aproveitamento tão ridícula - cerca de 20% apenas! - deveria provocar no seu único, exclusivo e teimoso mentor, uma reflexão profunda e um compulsivo arrepelar de cabelos, ao mesmo tempo que explicará cabalmente as razões dos insucessos leoninos, particularmente nesta última temporada. 

Por razões de ética e honestidade intelectual de que me orgulho e que os principescos honorários que Jorge Jesus aufere no Sporting incontornavelmente sustentarão, recuso liminarmente agregar a esta sua autêntica deriva voluptuosa de contratações, uma eventual vertente comissionista. Mas as minhas reservas sobre se todo o universo leonino partilhará desta minha desinteressada complacência serão muitas! E Jorge Jesus deveria pensar seriamente nesta hipótese... 

"Quem não quiser ser lobo, que não lhe vista a pele"!...

Leoninamente,
Até à próxima

A macumba é melhor do que todas as "fezes"!...



Não será bem a minha praia, por via de uma rejeição antiga a quaisquer incursões nos labirintos do obscuro, mas após a estúpida eliminação da selecção nacional ontem à noite, às mãos de um equipa chilena onde se vislumbram algumas réstias de talento, mas que pouco acima estará da classificação de esforçada, lembrei-me de fazer um estudo comparativo entre a fé que tem acompanhado uma boa parte do nosso seleccionado, com o seleccionador inquestionável, óbvia e comprovadamente à cabeça, e a macumba que, ao que consta, tem sido o suporte espiritual - e segundo indícios não desprezíveis também material! - de toda a suspeita caminhada do Benfica para o "glorioso tetra". 

Admitindo que a excepção à regra de que  não terá estado na fé que envolve a selecção de  Fernando Santos o segredo dos seus êxitos, poderá muito bem ter sido aquele golo inesperado e de todo imprevisível do Ederzito no Stade de France a 10 de Julho de 2016, elenquemos o perigo a que conduziram as diversas manifestações de fé depois do descalabro no Brasil2014 e os riscos de caminharmos sempre à beira do precipício desde essa fatídica travessia do Atlântico:

1 - Num dos grupos mais fracos do apuramento para o Euro2016 - Portugal, Dinamarca, Albânia, Sérvia e Arménia -, os equívocos de Fernando Santos conduziram ou condenaram a selecção de todos nós a cometer a façanha de se apurar, embora sem sobressaltos, apenas com vitórias pela diferença mínima.

2 - O Euro2016 foi um modelo de fé, com o apuramento na fase de grupos a surgir da forma mais caricata que poderia ser imaginada.

3 - Acabámos por estar na final, depois de FS ter corrigido a trajectória e ter colocado em jogo os melhores, fundamentalmente, Adrien, William, Cedric e alguns outros e retirar a titularidade a quase todos os "beatos de estimação".

4 - Agora na Taça das Confederações, além da fé, Fernando Santos voltou ao seu velho estilo, canonizou-se a si próprio e o resultado foi o que se viu.

5 - Chegados aos pénaltis na final, a fé de FS, levou-o a preterir CR7 no primeiro pénalti e outros melhores atiradores no segundo e terceiro e por aí fora. CR até poderia falhar, mas a lei das probabilidades nunca apontaria para isso e o resultado foi o que se viu.

6 - Há muito que a fé de Rui Patrício o impele a entregar-se aos deuses e a atirar-se invariavelmente para o seu lado esquerdo. Não sei quem será o seu mentor espiritual nesta sua tão estranha e sistemática opção. Mas sei que os grandes guarda-redes esperam até ao último milésimo de segundo pela oportunidade de o marcador da penalidade se denunciar. E com tal fé, Rui Patrício há muito que não consegue defender nenhum pénalti.

Em contraponto, o Benfica não vai em "fezes"! Prefere as "macumbas" e o segredo do seu êxito resultará talvez da extensíssima variedade dos múltiplos modelos que tem sabido encontrar generosamente na profundidade do "obscuro"!...

A macumba é melhor do que todas as "fezes"!...

Leoninamente,
Até à próxima

À mulher de César não lhe bastará ser séria...




CHEFE DO ESTADO MAIOR DO EXÉRCITO RECEBIDO NO SEIXAL (LINK1)



Ninguém terá dúvidas de que uma imagem há-de sempre valer mais do que mil palavras. Já em 2012 (LINK2) a imagem a seguir, provou valer mais do que a extensa lista de 12 inspectores e ex-inspectores da Polícia Judiciária, a saber, António Correia de Oliveira, Duarte Oliveira Martins, José Vasconcellos e Sousa, Leonel Sérgio Pinto, Luís Coelho Ribeiro, Luís Óscar Morais, Manuel Jesus Carvalho, Miguel Albuquerque de Lemos, Rui Gomes Girão, José Coelho da Costa, Gonçalo Amaral e Vítor Tavares de Almeida:


Escusado será sublinhar que sendo 16 um número superior a 12, o impacto, a importância e a responsabilidade do Exército também me parecem superiores, quando comparados com a instituição anteriormente citada, a Polícia Judiciária. 

É por isso que muito dificilmente alguém me conseguirá impedir de estar convicto, muito particularmente no olho do furacão com que a actualidade nos vai contemplando, que...

À mulher de César não lhe bastará ser séria...

Leoninamente,
Até à próxima

BENFICAGATE18!...


Tudo sobre o "bruxo" que pôs o Benfica a "ganhar" campeonatos (LINK)

«A FLASH! fez uma pesquisa nas redes sociais e conseguiu descobrir o poderoso homem do oculto a quem Luís Filipe Vieira terá alegadamente pago, por duas temporadas efectivamente vitoriosas do Benfica, um total de 175 mil euros, não declarados e limpinhos de impostos...»

Quem é? Quem é? É o bruxo que o Benfica foi buscar à Guiné!...

Leoninamente,
Até à próxima

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Chile, um justo finalista!...



Leoninamente,
Até à próxima

Era transparente, crime nem pensar e... está na moda!...





"El Sporting de Portugal birla un juvenil a la UD Las Palmas" (LINK)












Lá que Coentrão, envolto num inusitado e estranho "banho-maria", se esteja a revelar uma inesperada e complicadíssima "operação", não deveria ser caso para "birlarmos" desta maneira o puto ao Las Palmas, mesmo que eventualmente possa vir a estar por ali um novo Roberto Carlos, ao que se sabe, com apenas 17 anos.

Podiam, no mínimo, ter enviado um "e-mailzito" ao Las Palmas...

Era transparente, crime nem pensar e... está na moda!...

Leoninamente,
Até à próxima

O melhor ainda está para vir?!...




Depois do que vi, ouvi e li ontem à noite, sinceramente nem sei o que vos diga meus amigos!... (LINK)

Já nem sei para qual das três partes devo dirigir a minha piedade. Mas a julgar pela segurança evidenciada, inclino mais o meu sentido piedoso para a investigação e para os investigados: a primeira com as batatas a escaldar nas mãos, os outros com os pés completamente esturricados sobre as brasas...

E o homem diz que o melhor ainda está para vir?!...

Leoninamente,
Até à próxima

terça-feira, 27 de junho de 2017

São contas à moda do Porto ou é a dividir por todos em partes iguais?!...



Por amável deferência do Chefe do Departamento de Arquivos do Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, eis aqui uma panorâmica do arquivo onde são devidamente arquivadas todas as queixas apresentadas pelos clubes e julgadas improcedentes por aquele organismo federativo.


As mais recentemente arquivadas referem-se, a primeira, ao dia de hoje e, apresentada pelo Benfica, dizia respeito ao caso dos futebolistas do Sporting, André Geraldes e Ryan Gauld, que o CD da FPF não considerou e mandou arquivar, alegando a "inexistência de indícios da prática de qualquer infracção disciplinar".

A segunda também do dia de hoje, estava relacionada com Bruno de Carvalho, na sequência da queixa também apresentada pelo Benfica, por declarações relacionadas com arbitragem nas Caldas da Rainha, no passado mês de Janeiro, que o CD considerou terem sido feitas  «no âmbito da sua liberdade de expressão e de crítica específica e objectiva», não tendo ficado provada qualquer infracção disciplinar. O processo foi, por isso, arquivado e o arguido absolvido.

Espero e desejo que a gentileza do arquivista não venha a ser mal interpretada e sobre ele não venham a ser exercidas eventuais represálias da parte de clubes cujas práticas sejam porventura pouco compatíveis com a transparência tão apregoada ...

Já agora, quem é que paga todo este "fabulástico" volume de queixas?!...

São contas à moda do Porto ou é a dividir por todos em partes iguais?!...

Leoninamente,
Até à próxima

A maior potência desportiva nacional?!...


E a história voltou a repetir-se esta época! Campeões Nacionais de Futsal!...

Naturalmente, parabéns ao Braga, vice-campeão nacional de Futsal e a segunda melhor equipa nacional.

Percebem agora o que quer dizer...

A maior potência desportiva nacional?!...

Leoninamente,
Até à próxima

O meu forte aplauso para esta grande contratação!...



«A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD informa que chegou a acordo com a UC Sampdoria para a transferência definitiva do jogador Bruno Fernandes. O atleta assinou um contrato válido por cinco épocas desportivas, com uma cláusula de rescisão fixada nos 100 milhões de euros. O valor da transferência é de 8,5 milhões de euros mais 500 mil euros variáveis, aos quais acresce mecanismo de solidariedade. A UC Sampdoria fica detentora de 10% de mais-valia futura. 

A Sporting SAD deseja a Bruno Fernandes as maiores felicidades profissionais e pessoais.» (LINK)

O meu forte aplauso para esta grande contratação!...

Leoninamente,
Até à próxima

Guille Garcia de verde e branco!...



Estará em vias de concretização a desejada chegada a Alvalade daquele que é considerado uma verdadeira lenda do voleibol argentino. Com toda a sua qualidade e experiência, Guillermo Garcia será, aos 33 anos e no seu regresso ao velho continente, onde militou no Rennes de França, na temporada de 2013/14, uma das peças-chave no regresso do Sporting ao voleibol nacional e um interprete fiel da ansiada recuperação da hegemonia nacional na modalidade, que a grande nação leonina tanto espera e deseja.

Seria fantástico ver ao lado de Miguel Maia...

Guille Garcia de verde e branco!...

Leoninamente,
Até à próxima

João Costa bate recorde mundial de tiro!...


Segundo anunciou hoje a Federação Portuguesa de Tiro, o atirador do Sporting João Costa, em representação de Portugal, bateu na passada sexta-feira em El Salvador, no V Campeonato Iberoamericano, o recorde do mundo de tiro com pistola a 10 metros, ao alcançar a marca de 242,3 pontos, superando a anterior marca de 241,6 pontos, obtida pelo atirador alemão Christian Reitz, em 10 de Março deste ano. O atirador do Sporting superou nesta final o atirador peruano Mark Carrillo, que se ficou pelos 237,5 pontos. (LINK1)

Ainda recentemente, mais exactamente em 13 de Fevereiro passado, João Costa prolongou o seu vínculo ao Sporting, seu Clube de sempre e no qual alcançou mais de 50 títulos nacionais, com vista ao ciclo olímpico que abrange os Jogos Tóquio2020. (LINK2)

João Costa, expoente máximo da modalidade de tiro em Portugal, fazendo jus ao seu e nosso orgulho de pertencer...

À maior potência desportiva nacional!...

Leoninamente,
Até à próxima

O desespero dos nossos inimigos é o reflexo da correcção da nossa posição!...


AINDA MAIS BRUNO

«O presidente do Sporting decidiu chamar a si a pasta do futebol e ser ele próprio a ‘tomar conta’ da equipa profissional. É uma novidade que hoje se anuncia e que não pode deixar de ser vista como uma alteração impactante na estrutura leonina.

Mesmo sabendo-se que Bruno de Carvalho esteve sempre perto do balneário, a verdade é que, a partir de agora, passa a estar… ainda mais perto. O cargo que nos últimos dois anos foi ocupado por Octávio Machado fica com o próprio presidente, tendo a remodelação sido completada com a indigitação de André Geraldes para Team Manager. Está aí um novo Sporting e em marcha acelerada.

A forma como o plantel tem vindo a ser reconstruído já deixava antecipar esta aposta que vai sendo ainda mais clara a cada hora que passa: o leão está definitivamente apostado em conquistar o título que lhe escapa há mais de uma década.

É um desejo que vai ‘contaminando’ o universo leonino e que se pode constatar de várias formas: na qualidade dos reforços que vão chegando; nos alvos que se definem (Valdés é o último caso); e até nas declarações em forma de aviso. Alan Ruiz, por exemplo, falou assim aos adeptos: "Fiquem tranquilos, que este ano sinto que vamos ganhar!" Com esta fome de vitórias e com Bruno de Carvalho ainda mais presente, vai ser difícil alguém ter mais ambição do que o leão.»


Passando a pente fino as novidades avançadas e avençadas pela "gloriosa" comunicação social nesta terça-feira, foi-me assaltando a dúvida sobre que nome se deveria escolher para um "super-homem carregado de missões" em jeito dicotómico com a alegoria de "um burro carregado de livros", a que o povo na sua imensa sabedoria, reconhecendo embora a condição como necessária, não a entende como suficiente e sempre recusou apelidar de doutores os asnos.

Estava eu apreciando o movimento indiferente do pêndulo entre putativos super-homens demasiado ambiciosos e asnos ajoujados por "sebentas culturais", quando se me depara a cortina de fumo contida na crónica madrugadora do enfarelado Nuno Farinha, qual tentativa desesperada para esconder as gigantescas ondas do maremoto a que em momento feliz, o nosso assíduo e interventivo leitor Aboim Serodio, entendeu chamar de forma sublime, de... #BENFICAGUEI-TE

Obviamente que todas as minhas dúvidas sobre o acerto da decisão  de Bruno de Carvalho em se armar em super-homem, ficaram nesse preciso momento completamente desfeitas: tudo aquilo que, irónica ou pesarosamente, o "farelo" venha desdenhar com os seus escritos, será sempre uma medida de excelência eventualmente tomada pelo presidente do Sporting!...

O desespero dos nossos inimigos é o reflexo da correcção da nossa posição!...

Leoninamente,
Até à próxima

É muito provável que perca os anéis, os bigodes e as presas!...



Depois de o vento lhe ter desfeito o guarda-chuva e de se ver obrigada a sair da toca depois de enredada nas malhas do #BENFICAGUEI-TE, a Morsa parece agora disposta a provar, recorrendo às sebentas gamadas a JJ nos tempos de "púcaro e cantarinha", que a melhor defesa é o ataque e aí a vemos a tentar mostrar ao mundo o seu superior intelecto, caindo na idiotice de se aventurar na criação de um suposto #BRUNOGATE... 

É muito provável que perca os anéis, os bigodes e as presas!...

Leoninamente,
Até à próxima

A culpa é do SPORTING!!!...



A culpa é do SPORTING!!!...

Leoninamente,
Até à próxima

Sentido de humor cáustico e leonino!...


«Não gosto de mentir mas qualquer coisa (um passarinho?) que apareceu no TJ das 20:00 pareceu querer dizer-me que já existem casos de "suicídio" devido ao #Benficaguei-te! Se for mentira acho melhor! Para mortes já chegam as de adeptos do Sporting!»
(Aboim Serodio, comentário em Leoninamente)


Sentido de humor cáustico e leonino!...

Leoninamente,
Até à próxima

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Outro gigante holandês a caminho de Alvalade?!...


O nome? Nada que se compare à facilidade com que Bas Dost nos entrou no ouvido! É holandês também, e vejam se se atrevem a pronunciar: Wout Weghorst!...

Joga no AZ Alkmaar, é ponta de lança e embora tendo menos 4 anos de idade, supera a altura de Bas Dost em 1 cm, o peso em 6 kgs e na última temporada alinhou pelo seu clube em 49 jogos e marcou 18 golos.

Outro gigante holandês a caminho de Alvalade?!...

Leoninamente,
Até à próxima

Ninguém pára o futebol feminino da maior potência desportiva nacional!...


O Sporting anunciou esta segunda-feira o primeiro reforço para a época de 2017/18, da equipa campeã nacional e vencedora da Taça de Portugal em futebol feminino. Trata-se da defesa central internacional portuguesa Carole Costa - 79 internacionalizações -, que depois de representar em Portugal a Casa do Povo de Martim e o Leixões, ingressou com apenas 20 anos no futebol alemão, onde representou sucessivamente e ao longo de seis temporadas, os emblemas do Cloppenburg, Duisburgo e Essen-Schönebeck.

Regressa agora a Portugal para representar o Sporting, tendo declarado na apresentação:

«É fantástico e um orgulho enorme representar este grande clube. Vou dar o meu melhor para ajudar esta equipa a atingir os seus objectivos. Estou mesmo muito feliz. [...]

Na altura em que joguei aqui, o futebol não era tão desenvolvido. Considero que regresso na melhor altura possível. Na selecção vamos ao Europeu, o Sporting fez a 'dobradinha' e vai à Liga dos Campeões, por isso só posso estar muito satisfeita e com a motivação no máximo. Queremos continuar a somar títulos e fazer uma boa participação na Liga dos Campeões.» (LINK)


Ninguém pára o futebol feminino da maior potência desportiva nacional!...

Leoninamente,
Até à próxima

Os "flops" apenas acontecem aos outros!...


«No Benfica, o primeiro ano, com Jorge Jesus, correu muito bem. Depois com Rui Vitória tinha menos espaço e pedi para sair. Estou feliz, porque esta Atalanta é melhor do que o Benfica...»
(Bryan Cristante, in Record)

Custou 6 milhões a sua transferência do AC Milan para o outro lado da rua! Com apenas 19 anos, houve quem garantisse que estaria ali no futuro, um dos melhores médios mundiais! E ainda há 3 meses afirmava que "o Benfica era uma religião"! Agora... o puto nem pensou nas pragas que lhe serão rogadas!...

Os "flops" apenas acontecem aos outros!...

Leoninamente,
Até à próxima

Se dúvidas houvessem...



Bruno Fernandes à chegada a Lisboa não falou aos jornalistas e, de cachecol ao pescoço, seguiu directo para Alvalade!... (LINK)


Se dúvidas houvessem...

Leoninamente,
Até à próxima

Primeiro dia e tanto trabalho ainda por fazer!...


Arrancaram hoje na Academia Sporting em Alcochete, os trabalhos da pré-época da temporada de 2017/18, com a presença de 21 atletas:

Guarda-redes 3): Azbe Jug, Pedro Silva e Vladimir Stojkovic;

Defesas (8): Piccini, Mama Baldé, Coates, Domingos Duarte, André Pinto, Paulo Oliveira, Demiral e André Geraldes; 

Médios (6): Petrovic, Battaglia, João Palhinha, Ryan Gauld, Bruno César e Mattheus Oliveira; 

Avançados (4): Matheus Pereira, Alan Ruiz, Gelson Dala e Leonardo Ruiz. 

Dispensados pelo Clube neste primeiro dia de trabalho: Castaignos, Douglas, Zeegelaar e Schelotto; 

Ausentes na Taça das Confederações: Rui Patrício, Beto, William Carvalho, Adrien Silva e Gelson Martins; 

Ausentes em gozo de férias após Europeu de Sub-21: Francisco Geraldes, Tobias Figueiredo, Daniel Podence e Iuri Medeiros; 

Chegarão mais tarde: Bas Dost, que esteve ao serviço da Holanda e Bryan Ruiz que disputará a Golden Cup pela Costa Rica.

Primeiro dia e tanto trabalho ainda por fazer!...

Leoninamente,
Até à próxima

O Sporting precisa de si!...



Ó doutor Varandas, Miguel de Cervantes já morreu há mais de cinco séculos! Nos tempos que correm fará pouco sentido lutar contra moinhos de vento! Tudo se sabe, mesmo que o burro venha a ser albardado à vontade do dono!...

O Sporting precisa de si!...

Leoninamente,
Até à próxima

Quando a coisa começar a sério, veremos!...


ENTRADA DE LEÃO

«O Sporting regressa ao trabalho 35 dias depois de se ter despedido da época 2016/17 com uma vitória frente ao Chaves, em Alvalade, num clima de ‘caldeirada’ anunciada, como receou e referiu Jorge Jesus no final desse jogo, pressentindo o pior no fecho de uma época que ficou muito aquém das expectativas.

Em cada época que arranca, renovam-se ambições e esperanças. No caso do Sporting, os adeptos têm confiado nesta ilusão anos a fio mas continuam sem conseguir matar uma fome de títulos de campeão que dura desde 2002. Mas se dúvidas havia em relação à dimensão da aposta para esta temporada, está visto que os leões reentram em cena com uma vontade sustentada num investimento assinalável. São, pois, óbvias as razões para os sportinguistas voltarem a acreditar de que este ano é que é.

O que disse Jesus na despedida da frustrante época 2016/17 marca o início desta, a avaliar pelo ataque ao mercado. Disse então o técnico que apesar de toda a qualidade que sai da Academia, só ela não chega para conquistar o título. Afirmou JJ: "Temos de arranjar jogadores como o Bas Dost e o Alan Ruiz para fazermos um plantel forte. O Sporting não está habituado a contratar jogadores de 10 milhões". Ora pelo que se vê, está a tomar-lhe o gosto. Lá mais para a frente, veremos se ganha o sabor dos títulos.»
(António Magalhães, Saída de Campo, in Record)


Tenho fundadas reservas sobre a afirmação de António Magalhães de que os adeptos sportinguistas terão óbvias razões para acreditar que este ano é que é! A estratégia adoptada por Jorge Jesus neste defeso e que Bruno de Carvalho parece ter voltado a subscrever,  muito pouco ou mesmo nada de diferente terá trazido em relação àquela esteve na origem do fracasso da temporada passada. Apenas os nomes dos jogadores contratados serão diferentes e sobra a terrível expectativa de sabermos até ao fecho do mercado o que acontecerá a algumas das nossas jóias da coroa!...

É ainda muito cedo para acreditar seja no que for!...

Quando a coisa começar a sério, veremos!...

Leoninamente,
Até à próxima

Sempre no pico da forma e com suprema eficácia!...


PORTUGAL NÃO PÁRA

«A Selecção Nacional está nas meias-finais da Taça das Confederações após golear a Nova Zelândia. Seguros, profissionais e cientes de que não podiam facilitar, os jogadores portugueses transformaram um adversário que causou enormes dificuldades ao México num farrapo. 

Entraram bem os menos utilizados, Fernando Santos tem o grupo na mão ao dar espaço a toda a gente, e não fosse a perda do mais importante elemento da defesa para o próximo jogo e o dia teria sido perfeito. Aqui falhou Pepe, com uma entrada pouco inteligente a dar-lhe o amarelo merecido, mas também o seleccionador. Não custava muito poupar quem estava em risco depois de garantido o resultado. Foi pena.

A polémica dos emails e quejandos continua muito activa. É óbvio que ninguém pode dizer que há corrupção ou sequer tráfico de influências. Isso fica para a Polícia Judiciária e Ministério Público. Mas confesso que me custa ver gente com dois dedos de testa a dizer que não há nada. Não só porque não sabem, mas porque eticamente, pelo menos nesse campo, já se leu demasiado para que a imagem do Benfica não esteja já danificada. É verdade que isso nos dias de hoje conta pouco. Mas é mais, bem mais do que nada. Espero que seja apenas cegueira clubística. Porque para desilusões já me bastava a cartilha.»
(Bernardo Ribeiro, Saída de Campo, in Record)


Este é o Bernardo Ribeiro que sempre apreciei. Como no futebol acontece com os jogadores, também os jornalistas terão momentos forma piores e melhores, mas eu desejaria que o Bernardo fosse como CR7...

Sempre no pico da forma e com suprema eficácia!...

Leoninamente,
Até à próxima

domingo, 25 de junho de 2017

Receio bem que não se trate apenas de uma premonição!...


ÓDIO PELO FUTEBOL E PELO RESTO

«O jornalista Nuno Martins, da equipa cá da casa, escreveu no sábado uma frase no Facebook que tem tanto de simples como de certeira: "No futebol português, deixou de haver rivalidade e passou a haver ódio".

Nos últimos anos do salazarismo, quando o regime apodrecia, os prosélitos do Estado Novo, na tentativa de ilibar o ditador, espalharam a ideia de que Salazar era um bom homem e que os males que então atormentavam os portugueses se ficavam a dever à gente que o rodeava – uma cambada de malandros que chamava a si as benesses e desacreditava o autocrata, que nem sonharia com as malfeitorias que em seu nome se levavam a cabo. Era uma treta com um fundo de verdade.

Acontece algo de semelhante no futebol português – o único negócio que nunca sente a crise da falta de clientes – que teve a desdita de se tornar ponto de confluência de dois interesses demasiado fortes para serem travados. De um lado, a pulverização da informação, que saltou das páginas dos jornais para as multiplataformas e tornou a comunicação um fenómeno complexo e quase incontrolável, o que obrigou os responsáveis por clubes e sociedades desportivas a rodearem-se de "assessores" para conseguirem dar conta do recado.

Do outro lado, um interesse igualmente poderoso, nascido dos tempos difíceis por que passam os média desde o início do milénio, particularmente a partir de 2005: uma imensa legião de desempregados que se espalhou por onde podia, procurando desesperadamente um meio de subsistência. Muitas dessas pessoas têm hoje profissões distantes, reformaram-se cedo ou vivem de biscates, mas os mais afoitos, espertos e bons vendedores de si próprios perceberam que encostar-se aos principais emblemas, fingir dedicação total e mostrar servilismo absoluto podia resultar em fonte de rendimento.

Trata-se de uma fauna que mente se tiver de mentir, e tem de fazê-lo muitas vezes, que insulta se tiver de insultar, e disso depende, que recorre a tudo para sobreviver, o que é da natureza humana. Uma fauna de semeadores de ódios, de cães de fila de quem paga e tem se manter na sombra, de pequenos títeres que serão esmagados mal deixem de servir o dono.

Os profissionais sérios dos aparelhos dos clubes são e continuarão a ser as maiores vítimas desta ausência de escrúpulos. Sim, e se os campeonatos forem suspensos como alguns diletantes exigem? Então, não haverá jogos, nem transmissões televisivas, o dinheiro parará de correr e a falência chegará. Lindo serviço. Permitimos que uma cáfila que odeia o futebol – e odeia tudo o resto – tomasse conta do negócio. E agora, faltando coragem para limpar os balneários e punir os delinquentes, opta-se por suspender o futebol. Que burros somos.»
(Alexandre Pais, Outra vez segunda-feira, in Record)


Quer-me parecer que Alexandre Pais terá pretendido, acima de tudo e de todas as considerações que faz, lançar um duro repto à "fauna que mente se tiver de mentir, e tem de fazê-lo muitas vezes, que insulta se tiver de insultar, e disso depende, que recorre a tudo para sobreviver, o que é da natureza humana, uma fauna de semeadores de ódios, de cães de fila de quem paga e tem de se manter na sombra, de pequenos títeres que serão esmagados mal deixem de servir o dono", constituída pelos que "mais afoitos, espertos e bons vendedores de si próprios perceberam que encostar-se aos principais emblemas, fingir dedicação total e mostrar servilismo absoluto podia resultar em fonte de rendimento."

Mas "bem prega frei tomás"! A fauna apenas se lembrará das suas palavras quando se vir obrigada a trocar a enxada pela picareta, quando lá em casa apenas restarem umas côdeas de pão bolorento, porque "esmagados" e deitados para o lixo, logo que deixarem de servir aos "donos"...

Receio bem que não se trate apenas de uma premonição!...

Leoninamente,
Até à próxima

PUBLICIDADE