terça-feira, 17 de outubro de 2017

E a Taça continuará a ser uma festa!...


É já depois de amanhã, quinta-feira, dia 19 de Outubro, pelas 12h30, que irá realizar-se na Cidade do Futebol o sorteio da quarta eliminatória - 16 avos de final - da Taça de Portugal, envolvendo as 32 equipas apuradas: 13 da I Liga, oito da II Liga e 11 do Campeonato de Portugal.

I Liga: Sporting, V. Guimarães, Marítimo, Feirense, Braga, Benfica, Porto, Moreirense, D. Chaves, Rio Ave, D. Aves, V. Setúbal e Portimonense;

II Liga: Académica, Cova da Piedade, União da Madeira, Famalicão, Arouca, Nacional, Leixões e Santa Clara;

C. Portugal: Oliveirense, Felgueiras, Vilaverdense, Farense, U. Leiria, Caldas, Praiense, Vizela, SC Ideal, Vilafranquense e Freamunde.

Nesta fase da competição o sorteio já não obedecerá a quaisquer condicionantes, pelo que os deuses estarão neste momento na faina habitual de aquecimento e refrigeração das bolinhas e os escrutinadores convidados estarão em adiantado estágio de preparação para que os "absurdos" não aconteçam, tudo corra pelo melhor e não sejam cometidas quaisquer gaffes que possam suscitar dúvidas aos adeptos mais cépticos.

É tudo gente séria e o povo é sereno! Só ainda não se saberá muito bem em que estádios virão a jogar o Benfica e o Porto, mas nada de preocupações que a Federação resolverá tudo da melhor forma e a contento dos mesmos de sempre...

E a Taça continuará a ser uma festa!...

Leoninamente,
Até à próxima

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Mais motivos para acreditarmos!...


Michael Oliver foi o árbitro escolhido pela UEFA para dirigir o encontro da próxima quarta-feira entre o Sporting e a Juventus, a contar para a terceira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

O juiz britânico, de 32 anos, volta por isso a encontrar os leões, depois na última temporada ter dirigido o encontro frente ao Légia de Varsóvia que os leões venceram por 2-0.

Mais motivos para acreditarmos!...

Leoninamente,
Até à próxima

... E a gente nem soubesse que era o fim...

Carlos Queiroz
2 h
Paião, Figueira da Foz, Coimbra. A infeliz experiência de testemunhar a agonia e desespero daqueles que tentam salvar-se a si e a uma vida de trabalho. Fica-me a honra de testemunhar a coragem de gente que nunca vacila, nem perante o horror dantesco das chamas que enfrenta. Este breve testemunho é acima de tudo uma palavra de homenagem para essa gente e para todos aqueles que, com meios limitados, em missão comunitária, combatem os incêndios. Defendem o que é seu e defendem os outros. São heróis, aparentemente abandonados numa guerra que não deveria ser só deles. Que lhes chegue finalmente o apoio devido. Aos que não conseguiram resistir, um pedido de desculpas, que creio deve ser de cada um de nós, que creio deve ser do País. Temos o País que somos. Que as vítimas descansem em paz e que as suas famílias encontrem o conforto urgente e necessário.



A morte deveria ser assim:
um céu que pouco a pouco anoitecesse
e a gente nem soubesse que era o fim…
Mario Quintana
                                   
Leoninamente,
Até à próxima

Quem usará de inocência na análise deste gesto?!...



PAVILHÃO JOÃO ROCHA RECEBE RONDA DE ELITE DA UEFA FUTSAL CUP (LINK)

Anunciou o Sporting no Twitter



«O Pavilhão João Rocha vai receber a ronda de elite da UEFA Futsal Cup, que antecede as meias-finais da principal competição europeia de equipa, anunciou esta segunda-feira o clube lisboeta na sua conta oficial na rede social Twitter.

"Pela sétima vez nas últimas oito épocas, a UEFA entrega ao Sporting a organização do maior evento desportivo a nível de clubes", assinalou o Sporting, bicampeão português de futsal e líder do campeonato desta época, em igualdade pontual com o rival Benfica, mas com menos um jogo.

A equipa leonina, que recebeu a fase de elite em 2010, 2011, 2013, 2014 e 2016, e a 'final four' em 2015, é um dos quatro cabeças de série para a ronda de elite da UEFA Futsal Cup, fase para a qual também está qualificado o Sporting de Braga.

Apesar de já ter organizado várias rondas da prova em anos anteriores, esta será a primeira época que o Sporting vai jogar verdadeiramente 'em casa', uma vez que o Pavilhão João Rocha apenas foi inaugurado a 21 de Junho de 2017.

O Benfica é o único clube português na lista de campeões da mais importante competição europeia de futsal de clubes, graças ao triunfo obtido na temporada 2009/2010.»

Como classificar o jornalismo que, incapaz ou não interessado em alimentar a informação pública que presta, devido a interesses económicos que facilmente se adivinham, nas fontes noticiosas que naturalmente lhe cobrariam o serviço prestado, vai beber a sua informação na conta oficial do Sporting na rede social Twitter, e constrói depois a notícia recorrendo à imagem das traseiras do Pavilhão João Rocha e não resiste a chamar para a liça, com o vísivel destaque que a subserviência lhe impõe, um outro clube rival que, independentemente de desempenhos passados, nenhuma relação tem com a competição noticiada?!...

O honrado passado do jornal Record merece-me o respeito suficiente para que não me atreva a deixar por aqui devidamente explicitada a classificação que me assaltou o pensamento logo que se me deparou há momentos, na sua edição online, a local linkada...

Hoje por hoje, o jornal Record é propriedade da mesma entidade a que pertence um outro tablóide que, pelo uso de um tipo de jornalismo semelhante, foi ontem declarado pelo Sporting Clube de Portugal "persona non grata" em Alvalade. Constituirá a acção hoje levada a cabo pelo Record, um desafio ao Sporting Clube de Portugal?!...

Quem usará de inocência na análise deste gesto?!...

Leoninamente,
Até à próxima

Que se passe das palavras às obras!...




Chorando os seus mortos (37) e vestido de rigoroso luto nacional do Minho até às Ilhas, Portugal, como em quase tudo o que mexe neste país, sabe bem o que é preciso fazer! Apenas aguarda que seja feita Justiça e...


Que se passe das palavras às obras!...

Leoninamente,
Até à próxima

Necessários e urgentes, olho vivo e pé ligeiro!...


Hernâni Fernandes, ex-assistente de João Capela e de Hugo Miguel, terá sido contratado pelo Sporting como principal assessor do clube na área da arbitragem.

Tal como outros clubes há muito acharam por bem fazer, sem que haja necessidade de perguntar porquê, o Sporting entendeu ser esta uma função deficitária na estrutura de futebol e que a mesma teria de ser colmatada o mais rapidamente possível. A escolha parece ter recaído em Hernâni Fernandes, ex-árbitro assistente com uma longa carreira e actual presidente do Conselho Fiscal do Núcleo de Árbitros de Futebol de Almada e Seixal (NAFAS), que agora deixou a arbitragem para se dedicar totalmente às funções que passará a desempenhar em Alvalade.

Precisamente por Hernâni Fernandes já estar fora do activo, esta decisão é vista com naturalidade na arbitragem. É entendido que o ex-árbitro terá plena liberdade para tomar o rumo que entender, após 27 anos ao serviço da arbitragem nacional.

Obviamente que aplaudo leoninamente esta medida, que se enquadra em absoluto no lema que há tanto tempo defendo para o meu/nosso Sporting, de colocar a inteligência e a sagacidade dos seus dirigentes ao serviço do Clube, defendendo-o com pragmatismo, eficácia e todas as suas forças, abandonando com convicção e determinação a poesia das palavras e reforçando e aprofundando em cada dia o primado das obras sobre a verve!...

Necessários e urgentes, olho vivo e pé ligeiro!...

Leoninamente,
Até à próxima

domingo, 15 de outubro de 2017

IRREVOGAVELMENTE!!!...




Por decisão unilateral que cada um terá o direito de entender como lhe aprouver, o jornal Correio da Manhã e o seu director, são banidos a partir de hoje, 15 de Outubro de 2017, deste espaço de sportinguismo...

IRREVOGAVELMENTE!!!...

Leoninamente,
Até á próxima

Teremos o privilégio de assistir a uma Justiça implacável?!...

O pior do "pior dia do ano"
«Cerca de duas dezenas de grandes incêndios estavam activos no país pelas 19:30, mobilizando quase 2.500 operacionais, 730 meios terrestres e três meios aéreos, de acordo com a Autoridade Nacional da Protecção Civil. A adjunta de operações nacional da ANPC, Patrícia Gaspar, afirmou que este domingo "foi o pior dia do ano em matéria de incêndios", com mais de 300. A imagem acima, da autoria de Hélio Madeiras (bombeiro), é de Vieira de Leiria e mostra a dimensão do fogo.»
(in jornal Record, às 20:47)

Insignificantes e impotentes perante a dimensão da violência das forças da Natureza e da maldade e miséria humanas!...

Será que algum dia na nossa terra tocarão a rebate os sinos do "instinto de sobrevivência"...

E teremos o privilégio de assistir a uma Justiça implacável?!...

Leoninamente,
Até á próxima

Uma estrutura exemplar!!!...


Uma estrutura exemplar!!!...

Leoninamente,
Até à próxima

Eu "acardito" que a "senhora velha" vai tropeçar nas saias!...



«Agora temos um jogo importante na quarta-feira frente ao Sporting, para a Champions, e temos de ganhar. [...]

Já frente ao Torino, Sasuolo e Atalanta tivemos sinais de perigo. Nós temos quebras na concentração e pagamos o preço pesado...»
(Massimiliano Allegri, treinador da Juventus à imprensa italiana)


Ora aqui está uma boa questão: Jorge Jesus pensa o mesmo mas, desta vez, entendeu melhor não o dizer, naturalmente à espera da "quebra de concentração da vecchia signora"!...

Um trabalho ciclópico para Jorge Jesus, que tem aqui uma oportunidade única para convencer os mais cépticos, levando para Turim uma equipa "concentradíssima" e disposta a deixar a pele em campo! Será desta que o "rei da táctica" convence tudo e todos?!...

Eu "acardito" que a "senhora velha" vai tropeçar nas saias!...

Leoninamente,
Até à próxima

sábado, 14 de outubro de 2017

Cá por mim deixava-o estar que está muito bem!...



No final do jogo do estádio do Algarve, o "sonso" do Rui "Histórias", compõs a melhor expressão de que foi capaz em momento tão dramático e, de semblante fechado para parecer sério e sem ousar esboçar o mais leve sorriso, disse o que Maomé jamais ousaria dizer do toucinho!...

A julgar pelos cabelos que o "kadafi dos pneus" arrancou esta noite na tribuna, que nós bem vimos com estes olhos que a terra há-de comer, quem quer apostar que o "sonso" já não chega a defrontar o Manchester?!...

Cá por mim deixava-o estar que está muito bem!...

Leoninamente,
Até à próxima

"Ó valha-me deus" do pobrezinho do "kadafi dos pneus"!...





Tal como da "inocente adepta" do postal anterior, eu tenho muito pena dos cabelos que arrancou e, a sério, a sério, do...

"Ó valha-me deus" do pobrezinho do "kadafi dos pneus"!...

Leoninamente,
Até à próxima

O desespero de uma inocente adepta!...



O desespero de uma inocente adepta!...

Leoninamente,
Até à próxima

Eu espero, eu desejo, eu "acardito", pá!...



A Juventus terá disponibilizado um total de 2.199 bilhetes ao Sporting, número correspondente a 5 por cento da lotação do estádio e, ao que se sabe, nas bilheteiras de Alvalade nem um único exemplar restará neste momento. 

Apesar disso e graças aos emigrantes portugueses, sobretudo radicados em Itália, mas também noutros países vizinhos, nomeadamente em França e Suiça, é bem provável que a habitual "onda verde",  bem visível até agora em todos os jogos desta temporada, sobretudo em Alvalade, se faça sentir na próxima quarta-feira, em Turim, no Estádio da Juventus, tudo indicando que será largamente suplantado o número de adeptos correspondentes aos cerca de dois mil e duzentos ingressos vendidos em Alvalade...



Eu queria estar na festa, pá
Com a nossa gente
E colher pessoalmente
Uma flor nesse jardim

Sei que há léguas a nos separar
Tanto mar, tanto mar
Sei também quanto é preciso, pá
Navegar, navegar

Cantem "só eu sei", pá
Cá estou carente
Mandem urgentemente
Algum cheirinho a "alecrim"...

Eu espero, eu desejo, eu "acardito", pá!...

Leoninamente,
Até à próxima

Que o Sporting saiba compreender que esse momento chegou!...


Quanto custará amanhã no mercado internacional um médio defensivo com talento e porte atlético semelhantes aos de William Carvalho se, segundo a ordem natural das coisas, virmos o "nosso King" partir em busca do seus "legitimérrimos" sonhos e anseios, ainda que deixando bem paga em Alvalade, quiçá obscenamente, toda a excelência da formação que fez dele um dos melhores do mundo na sua posição?!...

É apenas esta questão que deixo a quem de direito no Sporting Clube de Portugal, numa altura em que se sabe estar a ser discutida a renovação de João Palhinha, há muito considerado por todo o fantástico universo leonino como o sucessor natural de William Carvalho!...

Nenhum dos quase quatro milhões de adeptos sportinguistas terá visto Jorge Jesus ajoelhar no sintético de Oleiros, da mesma forma como ainda recordará o seu gesto nas Antas! Mas todos aqueles que tiveram o privilégio de apreciar a "flash interview" do técnico leonino no final da recente eliminatória da Taça, terão entendido as palavras de homenagem dirigidas a João Palhinha como um "mea culpa" capaz de apagar para sempre a estranha história que um dia entendeu contar sobre "um guião que o João não terá cumprido"! Jorge Jesus não precisou de ajoelhar para que todo o universo leonino compreendesse as suas palavras!...

João Palhinha nunca precisará do "engenho e arte" que já possui dentro de si, para poder vir a ser o sucessor natural do "nosso King"! Mas precisará do estímulo certo e no momento adequado, para poder juntar aos seus predicados naturais, o esforço, a dedicação e a devoção necessárias para alcançar a glória que todos nós, sportinguistas, lhe desejamos!...

Que o Sporting saiba compreender que esse momento chegou!...

Leoninamente,
Até à próxima 

Haveria de escolher uma prostituta!...



Solução interna

Boas indicações dos jogadores lançados por Jesus em Oleiros dão que pensar

«Mais importantes do que os quatro golos da vitória natural sobre o Oleiros, com que o Sporting garantiu a passagem à quarta eliminatória da Taça de Portugal, foram as boas indicações deixadas a Jorge Jesus por uma mão-cheia de jogadores à procura de espaço em Alvalade. João Palhinha terá exagerado um bocadinho quando disse que a equipa enfrentou o jogo como se o adversário fosse "o Barcelona, o FC Porto ou a Juventus", mas é verdade que tanto ele como Gelson Dala, Matheus Oliveira, Podence ou Iuri Medeiros ultrapassaram as dificuldades colocadas mais pelo diminuto sintético que propriamente pelo Oleiros para demonstrar que, com alguma paciência, a solução para os problemas que o treinador tem identificado no plantel pode ser encontrada dentro de casa. Talvez seja só uma questão de deixar de procurá-la fora...»
(Jorge Maia, Opinião, in jornal O Jogo)


Não será de hoje, nem de ontem ou sequer de anteontem a questão que Jorge Maia coloca. Há muito que os adeptos dos principais clubes por onde Jorge Jesus tem passado, agora com particular relevância em Alvalade, lhe identificaram a terrível e pelos vistos inultrapassável lacuna de "falta de paciência" para encontrar "dentro de casa", a solução para os problemas que vai identificando em dado momento nos planteis que lidera.

E talvez o melhor exemplo desta incompreensível e abominável faceta de Jorge Jesus, um treinador a que  muito poucos recusarão reconhecer as qualidades técnicas de um predestinado, será a de o imaginar lá pelas Antas desde o princípio da época a fazer aquilo que Sérgio Conceição vem fazendo. Com grande margem de certezas julgo que seria impensável, exactamente pela sua incorrigível "falta de paciência", que o impede de "pegar no material que é colocado à sua disposição" e... fazer milagres!...

Que me perdoem os mais puritanos, mas Jorge Jesus há-de sempre fazer-me lembrar aquele "maduro e convencido casanova" que, sem qualquer réstia de paciência mas prenhe de presunção, afirmava no meio de todas as suas "certezas" que, quando pensasse em casar...

Haveria de escolher uma prostituta!...

Leoninamente,
Até à próxima

É impressão minha ou o polvo já só tem sete braços?!...


Francisco J. Marques: "Derrota em toda a linha do Benfica"

"O FC Porto saúda a decisão do tribunal. Ficou evidente com a decisão do juiz o interesse público das revelações que temos feito. É uma enorme derrota do Benfica, que teve todo o tempo para preparar a sua providência cautelar, enquanto o FC Porto teve apenas dez dias para responder. Não só respondemos como também anulámos toda a argumentação do Benfica. Convém lembrar que o Benfica, nesta providência cautelar, pretendia silenciar o FC Porto, parar com a divulgação destas coisas muito comprometedoras da forma de agir do clube, mas também queria ter acesso, saber tudo o que temos. É que no pedido da providência cautelar constava a entrega de duas cópias de todo o material, uma ao tribunal e outra ao Benfica. É uma derrota em toda a linha do Benfica, que nos satisfaz imenso. Permite que o país continue a saber toda a extensão de um sem número de práticas duvidosas e eticamente questionáveis, e que sabemos que estão a ser investigadas pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da Polícia Judiciária, algo que o Benfica estava a tentar silenciar através deste procedimento administrativo. [...]

Não vai mudar nada. O FC Porto continuará, sempre que achar importante, relevante e de interesse público, a desmascarar todas estas práticas. E todos já perceberam que não estamos a falar de uma investigação que se baseia num livro escrito pela Leonor Pinhão e assinado pela Carolina Salgado. Estamos a falar de assuntos muitos sérios, que do nosso ponto de vista colocam em causa o normal desenrolar das competições. A esse nível não vai mudar nada. Estamos tranquilos e estamos certos de que a razão acabará por prevalecer. [...]

Também quero salientar que o Benfica parece estar a fazer má publicidade aos principais escritórios de advogados do país, que contrataram para combater o FC Porto, e nós, com o nosso gabinete jurídico e os advogados que connosco trabalham há vários anos, conseguimos derrotar toda a artilharia do Benfica. [...]

A credibilidade de tudo o que temos divulgado é inquestionável. O próprio Benfica, ao fazer o pedido da providência cautelar e por algumas declarações públicas de elementos mais relevantes, incluindo o seu presidente, já confirmou a veracidade dos emails. Não há dúvida nenhuma. Estamos certos que tudo o que dissemos é a mais pura das verdades e a seu tempo será esclarecido...»
(Francisco J. Marques, in jornal O Jogo)


É impressão minha ou o polvo já só tem sete braços?!...


Leoninamente,
Até à próxima

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Apenas se vive, ou não!...


A noite de ontem em Oleiros trouxe interessantíssimos motivos de interesse que só um jogo de Taça em que um Clube com a dimensão do Sporting quando visita uma equipa de um escalão não profissional pode proporcionar. Entre todos esses motivos sobressairá, por exemplo, a figura do treinador da ARC de Oleiros, Natan Costa, cujas curiosíssimas  flash interview (abaixo reproduzida) e posterior conferência de imprensa (vídeo acima) nos permitem o privilégio de ficar a conhecer alguém de uma dimensão humana, intelectual e cívica que antes não imaginaríamos.

«O resultado, a questão desportiva, não era o mais importante neste jogo. Era esta festa que se fez aqui no interior. Uma festa muito bonita, com muito desportivismo. Em relação ao jogo, são forças muito diferentes... penso que a nossa equipa jogou com muita alma e deixou todas as pessoas aqui em Oleiros orgulhosas do que eles fizeram em campo. [...]

O Sporting esteve muito forte, a nossa estratégia era atrasar ao máximo o primeiro golo. Pensámos que íamos para intervalo com desvantagem de apenas um golo e depois com jogadores que dão outra profundidade podíamos entusiasmar um bocadinho o jogo. Surgiu o segundo golo perto do intervalo. Ainda assim, a equipa entrou de forma diferente na segunda parte, com vontade de criar perigo. [...]

Sofremos o 3x0, acontece. Fizemos o 3x1, galvanizámos o público. O Sporting voltou a assumir, com jogadores com uma qualidade enorme: Podence, Iuri, Bruno César, Mattheus, Gelson... Fizeram o 4x1, a equipa foi um pouco abaixo e tivemos esta bola parada no fim que acaba por ser um prémio engraçado. Saímos daqui com sensação de vitória, de vitória porque jogámos com a alma e o coração. [...]

(O Sporting) São jogadores que têm potencial para jogar ao mais alto nível. Estávamos ali no banco e logo nos primeiros 10, 15 minutos... isto é um ritmo de jogo que não tem nada a ver com a nossa realidade. [...]

Temos a ambição de ir a Alvalade virar a eliminatória [risos]. Estou a brincar... É um dia histórico, isto vai ficar na memória das pessoas durante muito tempo. [...]

Como já foi referido, é uma zona muito massacrada, não só pela questão dos incêndios mas pelo êxodo das populações mais jovens, falta de investimento, falta de estímulos... recentemente houve as eleições autárquicas e eu, que não sou desta zona, estive a reparar que nos últimos quatro anos os concelhos aqui à volta perderam 10% de eleitores. Isto é grave. Dá a sensação que metade do país está a ser riscada do mapa. Quem tem algum poder de decisão tem de tomar medidas, porque o interior é muito bonito.»

Afinal só há pouco e por mera casualidade, me foi possível através do testemunho do grande sportinguista José Duarte de "A Norte de Alvalade" (LINK), compreender as fortes razões que nos permitiram ficar a conhecer alguém que afirma a sua felicidade por servir a sociedade a que pertence, numa ignorada e tão sacrificada  região interior: não é por acaso que Natan Costa é o que todos ficámos a conhecer!...

Em cada um de nós sportinguistas, como em Natan Costa, há algo que não nasce por acaso e não se aprende, nem ensina...

Apenas se vive, ou não!...

Leoninamente,
Até à próxima

De cócoras perante o "estado lampiânico"!...


Caso dos emails: tribunal dá nega ao Benfica (LINK1) e (LINK2)

«[A concorrência desleal] pressupõe sempre uma economia de mercado, isto é, a existência de concorrência entre empresas na luta pela captação e fidelização da clientela por forma a poderem expandir a sua atividade e ganhar e manter a quota de mercado, sendo certo que são empresas que disputam a mesma clientela. [...] Manifestamente, não é concebível uma transferência de adeptos ou sócios de um clube para o outro...»

A julgar pelo acordão do Tribunal Cível da Comarca do Porto, que veio a público há pouco mais de duas horas e em que é liminarmente rejeitada a providência cautelar do Benfica, no sentido de impedir o FC Porto de divulgar mais emails, como tem acontecido no Porto Canal, no programa Universo Porto da Bancada, nem todos os organismos da Justiça em Portugal, estarão...

De cócoras perante o "estado lampiânico"!...

Leoninamente,
Até à próxima

Foi bonita a festa pá! E Oleiros bem a mereceu!...




Com uma exibição tranquila o Sporting foi a Oleiros carimbar o passaporte para a 4ª eliminatória da Taça de Portugal. Os leões, perante um adversário do Campeonato de Portugal tiveram sempre o jogo controlado e mesmo sem impressionar revelaram uma abordagem séria num piso sintético muito difícil e perigoso. Com naturalidade  foram fazendo avolumar o marcador e, alcançado o 3-0, permitiram-se uma ligeira descompressão que viria a proporcionar à turma da casa a marcação do seu primeiro golo. Nova aceleração do Sporting com a obtenção de novo golo e nova descompressão que permitiria à ARC de Oleiros alcançar o seu segundo golo mesmo ao lavar dos cestos.

João Palhinha deu nas vistas ao bisar e Daniel Podence ofereceu três golos, tendo-se Gelson Dala destacado também pela sua entrega ao jogo, além de Rafael Leão que se estreou duplamente, na equipa principal e  ao marcar o seu primeiro golo após uma magistral jogada de Podence.

Foi bonita a festa pá! E Oleiros bem a mereceu!...

Leoninamente,
Até à próxima

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Ai se fosse o Benfica, nem sei bem o que lhes aconteceria!...



LEÕES VENCEM ADVERSÁRIO POLACO POR 3-1 E ASSUMEM LIDERANÇA NA LIGA DOS CAMPEÕES (LINK)

Em "maratona épica" para o Ténis de Mesa português o Sporting derrotou hoje ao começo da noite no Pavilhão João Rocha, a equipa polaca KS Dartom Bogoria Grodzisk, isolando-se no comando do grupo A.

Para os jornais e sites desportivos da nossa praça, nada de especial que mereça a mínima referencia até ao momento da publicação deste postal!...

Ai se fosse o Benfica, nem sei bem o que lhes aconteceria!...

Leoninamente,
Até à próxima

Um caso muito sério o futsal do Sporting!...




Em jogo esta tarde disputado na Sports Hall Jezero, na cidade sérvia de Kragujevac, a contar para a Ronda de Elite da UEFA Futsal Cup, tendo como opositor o Nikars de Letónia, treinado pelo português Orlando Duarte, o Sporting voltou a dominar em toda a linha, aplicando uma expressiva goleada de 7-1, com golos de João Matos (11'), Pedro Cary (13'), Cavinato (17' e 34'), Edgar Varela (31'), Dieguinho (31') e Anilton Varela (37'). Já perto do final, o Nikars, da Letónia, fez o seu tento de honra, por Janis Pastars (38').

Com esta retumbante vitória o Sporting ficou matematicamente apurado para a ronda seguinte, embora ainda tenha de disputar a 3.ª e última Jornada deste Grupo 3 da Main Round da UEFA Futsal Cup, agendada para Sábado, 14 de Outubro, pelas 19h30, ante os anfitriões do KMF "Ekonomac" Kragujevac, da Sérvia, onde apenas estará em jogo o primeiro lugar do grupo.

Um caso muito sério o futsal do Sporting!...

Leoninamente,
Até à próxima

Força leões, rumo ao Jamor!...


Atrevo-me a arriscar que Jorge Jesus apresentará em Oleiros qualquer coisa muito próxima do seguinte onze inicial:

Salin: Ristovski, André Pinto, Demiral e Jonathan; Petrovic, Palhinha, Mattheus e Bruno César; Podence e Gelson Dala.

Com este onze JJ cumprirá o regulamentarmente prescrito de o Sporting estar obrigado a apresentar oito titulares que estiveram pelo menos no banco num dos últimos três jogos. No decorrer do jogo mais três poderão ser utilizados que não satisfaçam tal condição, mas aí o técnico leonino já não estará obrigado pelos regulamentos a qualquer outra exigência.

Falta apenas uma hora para estarmos todos em Oleiros!...

Força leões, rumo ao Jamor!...

Leoninamente,
Até à próxima

E diz o rôto para o nu, porque não te vestes tu?!...


Porto SAD com prejuízo de 35 milhões de euros

O passivo total atinge os 387.560 milhões e os capitais próprios um valor negativo de 9.135 milhões a 30 de Junho de 2017

A FC Porto, Futebol SAD apresentou esta quinta-feira as contas consolidadas referentes ao exercício 2016/17, registando um prejuízo de 35.315 milhões de euros.

Outros números eventualmente mais favoráveis e com propósitos evidentes são também adiantados, mas por mais agradáveis que sejam as sua cores, o facto é que a colectividade azul e branca não se livra do estigma de se constituir como aquela que, bem próxima dos 400 milhões, exibe o segundo maior passivo em Portugal, apenas ultrapassada em cerca de 50 milhões pela Benfica, SAD, ambas  muito distantes dos cerca de 310 milhões apresentados pela Sporting, SAD para o mesmo exercício.

E diz o rôto para o nu, porque não te vestes tu?!...

Leoninamente,
Até à próxima  

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Com honra e orgulho de visitar Oleiros!...


"Jogo realizar-se em Oleiros é como subir à tribuna do Jamor"
(Natan Costa, treinador da A.R.C de Oleiros, in O Jogo)

Com honra e orgulho de visitar Oleiros!...

Leoninamente,

Até à próxima

E cá vamos nós a correr atrás do prejuízo!...


SPORTING BATE BELENENSES NO RESTELO (32-24) E ENCOSTA AO BENFICA

O Sporting foi ao reduto do Belenenses vencer por 32-24, em jogo antecipado da 13ª jornada do Campeonato Nacional de Andebol.

Os leões tiveram Carlos Carneiro em destaque com sete golos e três assistências.


E cá vamos nós a correr atrás do prejuízo!...

Leoninamente,
Até á próxima

Tão grandes como os maiores da Europa!...


UEFA FUTSAL CUP: SPORTING ARRANCA RONDA PRINCIPAL COM EXPRESSIVA VITÓRIA


Leões bateram os ucranianos Kherson por 5-1

Apesar das ausências por lesão de Divanei e Cardinal, o Sporting começou a Ronda Principal da UEFA Futsal Cup da melhor meneira, ao derrotar por 5-1 os ucranianos do Kherson, em partida disputa no Sports Hall Jezero, na cidade sérvia de Kragujevac.

Favorita à partida, a turma leonina não deu quaisquer hipóteses aos adversários, definindo o resultado logo bem cedo, com golos de Pedro Cary (5'), Fortino (13' e 20') e Cavinato (21' e 22'). A formação ucraniana ainda conseguiu reagir, reduzindo por intermédio de Volianiuk, aos 39'.

A formação leonina, vice-campeã na época passada, volta a entrar em acção nesta quinta-feira, agora diante dos letões do Nikars. Em caso de triunfo, os comandados de Nuno Dias poderão deixar resolvida desde logo a questão do apuramento para a Ronda de Elite.

Tão grandes como os maiores da Europa!...

Leoninamente,
Até à próxima

Nada que se afaste da normalidade!...


INICIADOS: SPORTING BATE BENFICA E ASSUME LIDERANÇA

Leões triunfam em Alcochete por 2-0



O Sporting em nova demonstração da superioridade que os últimos dérbis têm vindo a revelar, ascendeu à liderança da classificação do escalão de Iniciados, após bater esta tarde o Benfica por dois golos sem resposta, assinados por Adriano Almeida e Joelson. Os leões têm agora 19 pontos, contra os 18 das águias e dos azuis do Restelo.

Nada que se afaste da normalidade!...

Leoninamente,
Até à próxima

"... Duas épocas em branco e tudo terá de começar outra vez"!...


DEZ ANOS À FRENTE E OUTRAS QUESTÕES

«Há frases que são ditas para produzir um determinado efeito. Quando Luís Filipe Vieira enunciou que o Benfica tinha dez anos de avanço sobre os seus rivais – falando, claro, da organizaçao e da forma como o clube estava estruturado – isso visou dar conta da excelência do trabalho produzido no consulado do actual presidente mas, não nos iludamos, mostrar também a fragilidade das organizações dos adversários que teriam sido (e foram) incapazes em muitos domínios de se modernizarem ou, "simplesmente", de acompanharem o passo do Benfica. Vieira, nesse desenho, quis enfatizar outro ponto: o futebol, sejam jogadores, seja a equipa técnica, é instrumental. O primado é o da macroestrutura e o centro é ele mesmo. Esta época, mesmo que acabe bem, revelou que o líder das águias estava enganado ou que, no mínimo, minimizou a importância do futebol e da microestrutura que está directamente ligada ao plantel, sendo a equipa técnica uma parte relevante desta equação. Julgo que a mudança de algumas peças e a forma como essa mudança sucedeu está na base de várias decisões erradas.

Como entender, por exemplo, o que está a acontecer com a baliza do Benfica? Como classificar a situação ridícula de um guarda-redes, apresentado como o futuro do clube, que vem da bancada do Atlético de Madrid (não do banco), treina no Seixal e acaba em Braga? E, ainda na baliza, como entender – senão como uma necessidade – a recente contratação feita na Grécia? Será isto um procedimento de um clube com uma organização à prova de bala?

A mesma questão é válida para a posição - chave de defesa central porque não é preciso ser um analista de excepção para entender que o Benfica tinha um problema e estava a acreditar excessivamente, como em anos anteriores, nos jovens que tinha em casa e nos valores seguros do plantel. Está à vista o resultado desse exercício de fé. 

Sobre a equipa há estes dois casos exemplares amplamente discutidos. Mas não são os únicos. A ideia que fica é a de que Luís Filipe Vieira minimizou os perigos, não levou a sério o esforço e o método dos adversários e tendo colocado o foco na questão do passivo nem sequer nesse domínio conseguiu resultados assinaláveis. O Benfica tem boas contas, mas seria expectável que tivesse contas muito melhores.

Subsiste a pergunta: está ou não o clube "dez anos à frente"? À frente está. Os resultados são o barómetro e os resultados falam por Vieira, mas, como na canção, dez anos é muito tempo. Se o Benfica estiver, por exemplo, duas épocas em branco tem que começar (quase) tudo outra vez. Ao menos aos olhos dos adeptos. E a receita também vem, em grande medida, dos adeptos. O futebol é implacável. Há cinco anos o Porto ainda era a força dominante em Portugal e veja-se como tudo mudou. Pode mudar outra vez...»
(Nuno Santos, Ângulo Inverso, in Record)


"... E veja-se como tudo mudou. Pode mudar outra vez"!... Todavia, mesmo que consideremos a visão de Nuno Santos como lúcida, implacável e em adequada sintonia com o tempo e o modo como a "crise do Benfica" explodiu e se vem acentuando em cada dia, pesem embora as cortinas de fumo que uma quase "goebbelsiana máquina de propaganda" tenta lançar para absoluto consumo interno, já que no exterior deixou de convencer quem quer que seja, considero ainda demasiado cautelosa a sua posição de evitar prever o apocalipse, que nem Rui Gomes da Silva, insuspeito, fanático, fundamentalista e jactante benfiquista, resistiu a anunciar com o impacto a que todos assistimos. Salvo muito raras e honrosas excepções, este é o diapasão pelo qual afina uma significativa maioria dos jornalistas desportivos portugueses: um cuidado extremo, quase petrificante terror, de desafiar o "regime escarlate"! Até daquela considerável franja de jornalistas afectos a outras cores, nos chega diariamente uma exuberante demonstração de incompreensível libertação da adrenalina do medo, tal a evidência da abrangência do poder do "polvo escarlate" e o potencial impacto que alegadamente determinará, não apenas na verdade da vertente desportiva de um pobre, desprotegido e controlado país, mas na própria vida de todos aqueles que ousem questioná-lo...

Mas se em milhares e milhares de anos da história do homem no planeta, nenhum dos muitos impérios fugiu ao incontornável ciclo de "nascimento, apogeu e queda", por que carga de água o "império escarlate" terá de ser excepção?!...

Note-se a propósito, que a "história da crise escarlate" ainda é uma criança! Outubro ainda nem a meio vai, depois e antes de Janeiro - que todos julgarão redentor - ainda virão Novembro e Dezembro e, inevitavelmente, acabarão por ser escritos muitos mais capítulos, quiçá ainda mais dramáticos e traumatizantes. E então Nuno Santos talvez volte a ter alguma razão...

"... Duas épocas em branco e tudo terá de começar outra vez"!...

Leoninamente,
Até à próxima

A conquista da Taça de Portugal passa por Oleiros!...


Ao que foi possível apurar, Jorge Jesus terá ministrado ontem o antepenúltimo treino de preparação para o jogo em Oleiros para a Taça de Portugal. Sabe-se que para essa sessão matinal o técnico leonino terá chamado oito jogadores da formação, com destaque para o guarda-redes Diogo Sousa, Mauro Riquicho, Kiki Kouyaté, Bubacar Djaló e Echedey Carpintier e ainda Ronaldo Tavares, Jovane Cabral e Cristian Ponde, não apenas para campensar as ausências dos vários internacionais ao serviço das respectivas selecções, mas também tendo em conta a especificidade do terreno de jogo com que a equipa se irá deparar em Oleiros e, "last but not least", as precauções que requerem as cargas de esforço acumuladas e algumas limitações de ordem física que ainda se verificarão num ou noutro atleta do plantel principal.

De facto o Sporting tem Rui Patrício, William Carvalho, Bruno Fernandes e Gelson Martins na Selecção Nacional, além de Ristovski na Macedónia, Coates no Uruguai, Acuña na Argentina e Bas Dost na Holanda, sendo que para o treino que hoje deverá ministrar apenas deverá contar com Ristovski, Rui Patrício, William Carvalho, Bruno Fernandes, Gelson Martins e Bas Dost, enquanto que Acuña e Coates só na quinta-feira devem voltar a Lisboa.

Aumentam assim as expectativas sobre a convocatória para o jogo de amanhã e, naturalmente, sobre o onze com que o Sporting se apresentará em Oleiros, tendo em conta os condicionalismos regulamentares da competição.

De qualquer modo, será muito importante para o Sporting e toda a sua enorme massa adepta, abandonar o foco dos últimos acontecimentos e deixar que a nossa selecção e a sua honrosa classificação para o o Mundial  Rússia 2018 não se constituam fora do tempo e em modo pouco correcto o centro das nossas atenções, quando em Oleiros e logo a seguir em Turim (17/10) e em Alvalade (Chaves em 22/10), deveremos centrar a nossa atenção.

E lá vamos nós então, começar por pensar e fazer a "festa da Taça" em Oleiros, colocando o nosso foco e toda a nossa capacidade na ultrapassagem do primeiro obstáculo que se nos depara no caminho do segundo desígnio da época...

A conquista da Taça de Portugal passa por Oleiros!...

Leoninamente,
Até à próxima

... E se fosses à "barda#$%&§", tu e mai-la odisseia do Benfica?!...


UMA ODISSEIA NA LUZ

«Odisseas Vlachodimos chegou ontem a Lisboa e nem precisou de um cartaz luminoso para ser mais um exemplo da incoerência que o Benfica revelou no último defeso e que parece não ter acabado. 

Com a saída de Ederson anunciada largos meses antes, ninguém percebeu muito bem qual o plano das águias para a baliza. Era confiar em Bruno Varela, Júlio César e Svilar? Então porquê tantos movimentos no mercado, em especial pelo finlandês Lukas Hradecky? Era assegurar uma alternativa sólida, directa ao onze? Então porque... não foi contratado ninguém?

Em Outubro, numa altura em que o mercado está fechado, aterra em Lisboa um guarda-redes de 23 anos, internacional sub-21 pela Alemanha e titular de um dos grandes da Grécia. Se fosse em Agosto, seria visto como o principal candidato ao onze. Como é agora, é impossível saber o que espera o Benfica de Vlachodimos. Virá com o estatuto de número 1? E em que pé fica a aposta em Svilar, considerado no Seixal como um diamante em bruto? Virá para ser alternativa? E Bruno Varela não serve nem para isso? Então... porque foi titular no arranque da época?

São demasiadas coisas que parecem fazer pouco sentido e que, numa altura que tudo corre mal dentro de campo, ficam mais expostas ao julgamento dos adeptos e opinião pública. Após ganhar quatro campeonatos seguidos, talvez se tenha pensado que a mítica frase de Mário Wilson fosse de novo verdade. Mas o "risco" de ser campeão - no Benfica ou em qualquer outro clube - exige muito trabalho.»
(Sérgio Krithinas, Bloco Baixo, in Record às 23:24)


Pôrra Sérgio, com uma "odisseia" na Luz, muito mais bonita e recente, lembraste-te de vir com uma merda de uma odisseia fedorenta e com um nauseabundo cheiro a retrasado!...

Ouve lá ó Sérgio e se fosses à "barda#$%&§", tu e mai-la odisseia do Benfica?!...

Leoninamente,
Até à próxima

terça-feira, 10 de outubro de 2017

"Todos temos sonhos e Portugal pode vencer o Mundial"!...

D. Caio matava sete de uma vez! William já matou três e quantos mais vai matar lá para diante?!...

O melhor em campo! O maior obreiro da vitória da nossa selecção nesta "final", que nos ofereceu com a sua omnipresença e o assombroso equilíbrio que garante em todos os momentos do jogo, o passaporte para a Rússia! Uma montanha de talento, classe e inteligência que passeou pelo relvado da Luz e deslumbrou e levou ao delírio mais de 60 mil adeptos do futebol! Apesar de não ter Adrien Silva a seu lado!...

O melhor fora de campo no final do jogo...

"Todos temos sonhos e Portugal pode vencer o Mundial"!...

Leoninamente,
Até à próxima

PUBLICIDADE