domingo, 30 de abril de 2017

De cavalo para burro nunca, nem mesmo em troca do Sol!...

Pose é indubitável que tem!...
QUESTÃO DE TEMPO

«O talento e a qualidade profissional não têm tempo. Nem origem. Nem lugar. Não têm qualquer tipo de proveniência definida. Não se compram nem se obtêm por ‘cunhas’ ou qualquer tipo de influências. Não têm ‘extrato social’. Por vezes é difícil e complicado de explicar. Mas existe sempre explicação. Quase sempre resulta de trabalho. Muito trabalho! De caráter. De acreditar. De ter visão. E de uma série de fatores e particularidades que se vão desenvolvendo com o treino, com o jogo, com as experiências e com a ajuda das pessoas que nos rodeiam. E quando assim é, o sucesso é inevitável. Está provado.

É o caso de Leonardo Jardim. Ainda para mais, este é um daqueles casos que merecem mesmo o sucesso. O seu sólido percurso, alicerçado em trabalho e mais trabalho, é pensado e gerido ‘com pinças’, mesmo sabendo que o risco faz parte da profissão. A sua passagem vitoriosa pelo Sporting e os êxitos obtidos, ano após ano, com o Monaco que herdou foram ‘obras de Hércules’. Equipas jovens, com poucos jogadores de topo e vendas sucessivas dos ‘melhores’, foram o ‘pão nosso de cada dia’ deste fantástico treinador. Deste mágico ‘gestor’. Que consegue tornar um projeto de equipa numa máquina ‘trituradora’ de bom e emotivo futebol, sempre com uma ideia de jogo adequada ao jogo e ao objetivo e conseguindo transformar ‘patinhos feios’ em belos e especiais ‘cisnes’ milionários!

Com uma personalidade discreta e sempre com os pés bem assentes no chão, Leonardo Jardim terá mais cedo ou mais tarde ‘as portas do Éden’ abertas de par em par. E aí, vamos ver e exultar com as fantásticas conquistas que irá alcançar. Era o meu treinador para o meu clube em 2013. Falhei, então, esse desígnio. Será apenas uma questão de tempo!
(António Carraça, Carta, in Record)

Ainda não tinha acabado de ler o primeiro parágrafo desta "interessantíssima" crónica do Carraça e logo comecei a "adivinhar" como iria acabar! São "muitos anos a virar frangos" para me deixar embalar pelo "canto lúgubre de sereias escarlates"!...

Alguma borrasca andará escondida por detrás das nuvens que entre as linhas dos rabiscos do Carraça se adivinham no horizonte, para ele vir, "tão formoso e não seguro, de cinta fina escarlate, como a Lianor pela verdura" que, mesmo falhando e sendo escorraçado e obrigado a engolir o seu raivoso desígnio do "pontapé no cu" de Jorge Jesus, tudo acabará por ser "uma questão de tempo"!...




São assim os "príncipes escarlates"! Não fora a força de "alienada união" ditada pela "cartilha", andavam todos à porrada lá pelo outro lado da rua! Mas, agora caber-me-à a mim toda a legitimidade para pensar que... "tudo acabará por ser uma questão de tempo"!...

Entretanto o meu sorriso de desprezo pelos desígnios do "carraça": será muito mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha, porque algo de muito profundo me segreda que... Leonardo Jardim jamais mergulhará no inferno escarlate! Um leão não merece voar tão baixo!...

De cavalo para burro nunca, nem mesmo em troca do Sol!...

Leoninamente,
Até à próxima

Meros e desprezíveis pormenores da "cartilha escarlate"!...


Tanto  a generalidade da crítica quanto o treinador adversário, Abel Ferreira, já disseram tudo sobre o mérito da vitória do Sporting e das portentosas  exibição e  eficácia do inatingível melhor marcador nacional da época em Portugal, Bas Dost!... 

O resto não passará de... 

Meros e desprezíveis pormenores da "cartilha escarlate"!...

Leoninamente,
Até á próxima

Foi um acidente diz o advogado de defesa!...



Foi um acidente diz o advogado de defesa!...

Leoninamente,
Até à próxima

Abel Ferreira: um senhor do futebol!...



Um senhor!...



Treinador diz que irá «fazer tudo para valorizar o espetáculo»
MAISFUTEBOL.IOL.PT


Abel Ferreira: um senhor do futebol!...

Leoninamente,
Até à próxima



sábado, 29 de abril de 2017

Entretanto, Bas Dost que se cuide!...


A começar por um senhor holandês que conseguimos resgatar aos alemães no começo da época, parece que grandes goleadores não faltarão em Alvalade!...

Reparem para o espectro da formação numa escala ascendente e considerados apenas os goleadores sistemáticos: Bruno Tavares (iniciados) 9 golos; Gonçalo Batalha (iniciados) 10 golos; Rafael Leão (junior) 12 golos; Tiago Rodrigues (junior)15 golos; Rodrigo Costa (iniciados) 16 golos; Tiago Tomás (iniciados) 20 golos; Bernardo Sousa (juvenil) 20 golos e  Diogo Brás (juvenil) 22 Golos! Um poder concretizador só ao alcance dos deuses do Olimpo!...

Mas para obrigar os meus caríssimos leitores a levarem os cantos da boca até aos ouvidos, deixei para o fim o talento que escolhi para encabeçar este postal!...

Começou a dar os primeiros pontapés no futebol no Fut.7 como Sub10 no Colégio Marista passando depois aos Sub10, 11 e 12 do Estoril Praia, com passagem pelos Sub12 e 13 da colectividade FUT21 e regresso ao Estoril como Sub14 , já no futebol de 11, tendo ingressado logo a seguir no Belenenses, onde percorreu todas as etapas de formação desde os Sub 15 aos Sub19. Aí, entrou em acção o "scouting" do Sporting e na presente época já percorreu, envergando a gloriosa verde e branca, como junior e sénior, todas as etapas possíveis, alinhando no campeonato nacional e na Youth League na condição de junior e na equipa B, como senior, chamado por João de Deus.

Disputou e marcou - jogos/golos - nessas três competições, a bonita soma de 27/24, 6/3 e 8/3, o que no total significará que participou em 41 jogos e marcou a bagatela de...  30 golos!...

Chama-se Pedro David Rosendo Marques, nascido em 25 de Abril de 1998, 1,81/77kgs e, segundo consta,  os "experts" estarão a ter extrema dificuldade em catalogá-lo como ponta de lança ou segundo avançado, ou seja, andarão ainda a balançar entre um oito e meio, nove ou nove e meio...

Entretanto vai marcando golos! Muitos! Para todos os gostos e feitios! Espera-se que a Jorge Jesus tudo isto não passe despercebido!...

Entretanto, Bas Dost que se cuide!...

Leoninamente,
Até à próxima 

"Um departamento médico a sério poupa milhões a um clube"!...



Está a decorrer no Estádio José Avalade durante este sábado a 4.ª edição das Jornadas Internacionais de Medicina Desportiva do Sporting. 

Falar de Medicina Desportiva do Sporting é falar de Frederico Varandas, director clínico dos leões, e Pedro Pessoa, ortopedista e cirurgião, também membro do departamento médico do clube. Foi com o propósito de não perder a rara oportunidade de, para além de conhecer alguns dos temas que vão estar em debate no Auditório Artur Agostinho, tentar perceber em discurso directo e pela boca de quem sabe, como vai a saúde dos atletas leoninos e como se pensa saúde em Alvalade, que o jornalista do jornal Record, Vitor Almeida Gonçalves, se abalançou ao meritório e imperdível trabalho que recomendo vivamente. (LINK1) e (LINK2)

Vale a pena ler o excelente trabalho jornalístico conseguido, até para perceber quão falaciosa é a campanha orquestrada pelos "príncipes escarlates", em torno da culpabilidade do presidente do Sporting, sobre a guerrilha, o caos e a anarquia que reinam no futebol português. Com pouco mais de um mês na liderança do departamento médico do Benfica, será muito difícil, senão mesmo impossível de explicar, a ausência de Lluís Til Pérez, convidado expressamente para estar presente nestas jornadas, quando talvez nunca tivesse antes ouvido falar de Bruno de Carvalho. Apanham-se mais depressa os mentirosos que os coxos!... 

Adivinho o que terá ficado a pensar Til Pérez, quando lhe viu ser coarctada a possibilidade de estar presente no meio dos seus colegas de profissão, num evento cada vez mais prestigiado na Europa... 

"Um departamento médico a sério poupa milhões a um clube"!...

Leoninamente,
Até à próxima

São os primeiros em tudo, os vermelhuscos!...



Uma liderança mais!... 

São os primeiros em tudo, os vermelhuscos!...

Leoninamente,
Até à próxima

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Claro que Barney Ronay também será um racista inveterado!...

Renato Sanches                                                          Barney Ronay

Quando o Vieira mai'lo Mendes despacharam Renato Sanches para Munique, quais cadelas apressadas e movidos pela ganância, bem temperada com o mais completo desprezo pela carreira de um miúdo, ainda imberbe e inocente, e me foi depois dado assistir à partida estúpida do miúdo, manifestei por aqui a minha perplexidade, na medida da extemporaneidade do "negócio" face à verdura técnica e intelectual do jovem atleta e da astronómica soma da transferência, quiçá a mais ruinosa da história do clube alemão, em contraste com a fortuna que os outros dois trastes terão embolsado e os óbvios prejuízos para o clube do outro lado da rua, pesem embora, tanto o facto de com o mal dos outros eu me governar bem, quanto os admiráveis números contabilísticos mais tarde apresentados e aprovados com o unanimismo que todos há muito conhecemos.

Mas essa minha perplexidade fez cair o Carmo e a Trindade na caixa de comentários de Leoninamente, não escapando à saga escarlate a saudosa mãe que há 20 anos me deixou, nem a minha inocente consorte que até nem aprecia futebol. A mim, o elogio mais modesto que me terão dirigido, ficou-se por... racista!...

Nem imaginarão os meus leitores sportinguistas, como lamentarei a carrada de impropérios que pela certa irão chover agora sobre o conceituado jornalista desportivo do jornal The Guardian, Barney Ronay, autor de um trabalho citado, entre outros OCS, pelo jornal A Bola.(LINK) 

Claro que Barney Ronay também será um racista inveterado!...

Leoninamente,
Até à próxima   

Jorge Jesus de luto pela morte do pai

Jorge Jesus e o pai, Virgolino, rodeados pelos irmãos do treinador (Foto retirada de Record)

Jorge Jesus está de luto. Faleceu o seu pai,  Virgolino Jesus, também ele antigo jogador do Sporting, onde chegou a fazer parte da famosa equipa dos "Cinco Violinos". Tinha 92 anos. 

À família enlutada, em especial a Jorge Jesus, "Leoninamente" envia as mais sentidas condolências.

Leoninamente, 
Até à próxima

PARABÉNS FUTSAL!

Foto de Bruno de Carvalho.

PARABÉNS FUTSAL!
Grande vitória frente ao campeão europeu!
Com Esforço, Dedicação, Devoção alcançaremos a tão desejada Glória!
Viva o Sporting Clube de Portugal!

Leoninamente,
Até à próxima

Ó sôtor, ora diga isso sem se rir!...



Ó sôtor, ora diga isso sem se rir!...

Leoninamente,
Até à próxima

Uma lição de António Salvador e Bruno de Carvalho!...


«Sporting CP chegou a acordo com o jogador André Pinto

A Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o jogador André Pinto para a sua transferência definitiva para o Sporting CP. O atleta assinou um contrato válido até 30 de Junho de 2021, ficando com uma cláusula de rescisão de 45 milhões de euros. 
A Sporting SAD deseja as maiores felicidades profissionais e pessoais a André Pinto.» (LINK1)


Tão importante ou mais do que o comunicado do Sporting será, a meu ver e a corresponder à realidade, o teor na notícia avançada, ao fim da manhã de hoje, pelo jornal O Jogo. (LINK2) 

De facto, a ser verdade o acordo encontrado pelos presidentes do Sporting Clube de Braga e do Sporting Clube de Portugal, para a rescisão do jogador com o clube bracarense e a sua imediata entrada em Alvalade, ele acaba por significar, para além dos benefícios evidentes para cada uma das três partes envolvidas, a demonstração cabal de que, quando ao clima de guerrilha estúpida que infelizmente vai campeando pelo futebol português, se sobrepõem os princípios, os valores, o realismo e a urbanidade, na defesa do que resta deste lodoso pântano em que parece ter mergulhado o desporto-rei em Portugal, continua a ser possível o entendimento entre homens de boa vontade. 

Uma lição de António Salvador e Bruno de Carvalho!...

Leoninamente,
Até á próxima

Chamuscar-lhes as ventas rubras de surpresa?!...


Sporting avança com queixa contra Vieira e Rui Costa (LINK1)

Há tanta certeza sobre a eficácia e inimputabilidade do "control escarlate" cá pelas "águas pantanosas" do futebol português, que o director de comunicação do Sporting e o seu sereno aviso no dia a seguir ao dérbi foi, positivamente, mandado "à bardamerda" pelos "príncipes vermelhos", pelo árbitro e pelos delegados da LPFP.

Apesar da "esperteza saloia escarlate" em "desafiar" o Sporting a mostrar as imagens da "acção de coacção e intimidação" perante o árbitro Soares Dias, (LINK2) o Sporting não foi na conversa trafulha dos "principes vermelhos", ciente que, de acordo com a lei, essas imagens só poderão ser usadas em sede de processo, sendo destruídas ao fim de 90 dias.

Serão os responsáveis leoninos exactamente aquilo que o "poder escarlate" pensa deles ou, pelo contrário, estarão perfeita e profundamente conhecedores dos processos usados do outro lado da rua e por isso suficientemente habilitados a administrar-lhes o conveniente antídoto, para que o tiro desta vez lhes saia pela culatra, acabando por...

Chamuscar-lhes as ventas rubras de surpresa?!... 

Leoninamente,
Até à próxima

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Será que o sonso do Vieira vai mover um processo a Daniel Oliveira?!...


FORMA E CONTEÚDO

"Sendo adeptos do Sporting, o que estavam a fazer na Luz às três da manhã?" A pergunta de Luís Filipe Vieira é todo um auto-retrato. Sendo claques, é provável que todos os envolvidos estivessem a fazer asneira da grossa. Mas quando alguém morre esta pergunta torna-se irrelevante. E fazê-la é uma forma de dizer que a culpa foi da vítima. Ao dizer isto, Vieira não se excitou, não insultou e até transmitiu o seu pesar por aquela morte. Para depois insinuar o inaceitável. É por isso que falo do auto-retrato. De um sonso. Seguramente que se fosse Bruno de Carvalho usaria linguagem mais colorida e gesticularia muito mais. Mas seria improvável que dissesse algo de semelhante. É curioso, aliás, que depois de uma morte nas imediações da Luz e de cânticos macabros das claques do Porto e do Benfica o debate se centre nas responsabilidades dos presidente do... Sporting. Há palavras criticáveis e fronteiras que não se passam. Umas e outras não se equivalem.

Dito isto, é evidente que vivemos um ambiente insuportável no futebol. Ao contrário do que o Vieira quer fazer passar, Bruno de Carvalho não é a causa deste ambiente. Será, quanto muito, na sua linguagem desabrida e tão mais violenta quanto mais tarda um título, a consequência ou, segundo ele, a forma de libertar algum vapor da panela de pressão. A causa é a crise geral de credibilidade do futebol. Não estou a falar de arbitragens, que no último jogo até prejudicaram o Benfica. Estou a falar de muito mais: de uma revolução que favoreça o profissionalismo e a transparência e permita aos clubes e aos adeptos concentrarem-se no jogo e na sua festa. Faz-se com um clima de cooperação que só é possível quando os presidentes deixarem de ter vistas curtas. Não é a forma como esta crise se manifesta que me interessa. São as suas causas, é o seu conteúdo.»
(Daniel Oliveira, Verde na bola, in Record)

son·so 
adjectivo e substantivo masculino

1. Que ou quem finge ser o que não é. = DISSIMULADOFINGIDO
2. Que ou quem faz coisas reprováveis ou desonestas às escondidas.
3. Que ou quem tem ares e aparência de ingénuo. = FINÓRIOMANHOSOVELHACO

"sonso", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/sonso.


Será que o sonso do Vieira vai mover um processo a Daniel Oliveira?!... 


Leoninamente,
Até à próxima

Elemento da claque do Benfica suspeito do assassínio de Marco Ficini entregou-se à Judiciária!...



Pouco passava das 14:00 horas quando o elemento da claque do Benfica, suspeito do assassínio de Marco Ficini se entregou-se à Polícia Judiciária!...





Segundo avançam o Expresso e a SIC, o suspeito chamar-se-à  Luís Miguel Pina,
terá entre 36 a 40 anos, pai de 4 filhos e será  conhecido no "milieu" 

como  "Tanolas ou Lué", sendo considerado um dos elementos mais
perigosos e agressivos da claque benfiquista "NNB"
Que seja feita justiça!...

Leoninamente,
Até à próxima

Eu hei-de sempre preferir o "sol da pretty woman"!...


QUERIDA JULIA

«Vi-te num vídeo no Santiago Barnabéu, depois do Real Madrid-Barcelona. Estavas banzada com os jogadores e abraçaste o nosso Ronaldo com um sorriso de ouvidos, rasgado nessa imensíssima boca, e eu não consegui parar de pensar no desperdício com que te despacharam, um a um, fotografia a fotografia. (Desculpa tratar-te por tu, estou a abusar da ambiguidade do ‘you’ inglês. Caso lesses este texto, não estranharias também que te trate por querida, tradução para meu benefício do vosso coloquial ‘dear’. Mas enfim, se lesses este texto quem teria ganho o jogo teria sido eu.)

Sabes, Julia, é um pouco estranho que fosses tu a embasbacada e não eles. Mas entendo que aqueles 90 minutos haviam sido excepcionais e foi pena que o homem do jogo fosse o Messi, a quem te abraçaste com uma felicidade que talvez só o Nuno Farinha aqui do Record imitasse – ele é doido pelo argentino.

Não é isso que é relevante, se o Messi e Ronaldo vogassem no nosso firmamento, a Terra teria dois sóis. Mas é curioso que tenham sido as tuas pernas a tremer, logo uma superestrela como tu. Mas bom, bem vês que na astronomia europeia são estes os desportistas mais amados. E o teu nervosinho meio cómico dá-te uma graça muito própria e confirma quão brilhantes são os cometas europeus. 

Se um dia quiseres vir a Portugal ver redacções de jornais, entra que a casa é tua, e serão nossos os sorrisos a estrelar. És uma actriz maravilhosa e os teus filmes nem fazem o meu género, e serei apenas mais um a dizer que és linda de morrer, mesmo que da tua geração eu descole o ritmo cardíaco por uma australiana, a Cate Blanchett. Talvez ela viesse… 

Hum... e se?... Desculpa, vou tentar, é que estou de sonhos: Querida Cate,…»
(Pedro Santos Guerreiro, Abrir o Jogo, in Record)


Ou muito me engano ou Pedro Santos Guerreiro ter-se-à metido na mesma camisa de onze varas que o seu companheiro da redacção de Record, Nuno Farinha!...




Com uma substancial diferença: é que entre os dois pares de sóis, será sempre muito mais fácil de escolher a beleza de um sorriso do que um golo galáctico!...

Mas o PSG que me perdoe, apesar de os gostos não poderem nem deverem ser discutidos, mas...

Eu hei-de sempre preferir o "sol da pretty woman"!...

Leoninamente,
Até à próxima

Malditos "guarda-chuvas"!...


11 h
«Escrito por 1 socio do Scp
Sou sócio do Sporting há 41 anos desde que nasci faço parte da JL desde 1989,,cá vai o texto,,
A MORTE E A COBARDIA EM PORTUGAL TÊM UM NOME!!! A dor é tão grande que temos de falar! A revolta é tal que precisamos de falar! Porque um adepto da JL foi assassinado,, porque espetaram várias facadas na noSSa claque! Esqueceram se de uma coisa,, nós somos de outra raça,de outra fibra,,de que jamais em tempo algum nos deitarão abaixo!! JAMAIS! Mas o que nos fizeram, é grave, é covarde, é batota no mundo ULTRA! Um ULTRA não mata outro ULTRA! Quem não sabe isto,,,nem vale a pena perder tempo! Ninguém leva facas para rixas,, ninguém leva pistolas,, ninguém leva bombas,, levamos as mãos e a noSSa força! Porque sabemos que mais hora, menos dia,, vamos todos levar com a bofia! Venham eles, queremos justiça para Marco! As respostas a 3 perguntas fundamentais fazem com que fiquem a saber o que se passou! O que fazia Marco em Portugal? Simples,,veio c o filho menor,os amigos,a convite da JL,, festejar o 20o aniversário de uma amizade eterna! Vieram celebrar e participar no dérbi! Com os amigos da JL,num clima de festa,,e verem a magia que iria acontecer na curva! Estavam cá para uma festa e para passarem bons momentos! Ponto final! O que fazia Marco no estádio da luz? Mais simples ainda,, Marco,e todos nós estávamos desde 5 a feira em Alvalade,,a conviver,,a contar histórias,etc,,,,! Na noite de 5a feira,dia de reunião,, estávamos todos a espera da entrega dos bilhetes para o jogo! Tal não aconteceu,e foi adiada essa entrega para o dia seguinte! Na 6 a feira,a seguir ao jantar, todos os caminhos iam ter a Alvalade,, muita ânsia,, muito euforia,, tudo normal em véspera de derby! Nesse noite e a seguir a entrega dos bilhetes,,as pessoas foram descansar algumas horas,, para regressarem bem cedo no sábado! Alguns ficaram a conviver,,a beber um copo,etc,, miúdas, mulheres,, homens,,e obviamente os nossos amici viola!! De repente,, fomos atacados com pedras,, garrafas,e very lights!!!! Choque total!!! Reacção imediata,,,ir ver quem era,,já calculavamos,, corremos a volta do estádio a procura dos responsáveis,, quando alguém diz que eles fugiram de carro!! Obviamente,, foram directos aonde eles estavam,na tal sede que o benfica diz que não existe,, para defender a honra e o ideal! Marco foi,,em defesa da JL,,em defesa da todos nós,,em defesa do noSSo SPORTING! OK? Marco estava na lixeira porque foi defender os seus amigos,e a sua mentalidade ULTRA,,, porque um ULTRA não não pode ficar indiferente a um ataque cobarde em sua casa!! Ponto final!! 3a pergunta, Marco foi abandonado? Claro que não meus amigos, claro que não! Na lixeira, Marco e quem lá foi,,varreram aquilo tudo! Tudo! Os lampiões covardes sofreram na pele a força e a ira de quem lá foi! Acreditem! Uma rixa,, tudo normal! Mais normal ainda,, quando se foi reagir,e não provocar!!! Perante tal confusão,,e a covardia é tão grande,, que tiveram de ir chamar reforços! Perante aquele cenário, Marco e os amigos correram em direcção aos carros! Numa escala de 1 para 10,,era a única solução! Ninguém é super homem nem X men!! Marco teve o azar de ficar para trás,e de estar no sítio errado da estrada! Mesmo assim, Marco correu e ganhou vantagem, quando á filho da puta,,o atingem com o carro! Enquanto os outros fugiam para os carros,,com eles a partirem os vidros dos mesmos e a causar amolgadelas,, Marco caiu no chão!! Com 95% de certeza,,vos digo que o tal Renault Clio,,lhe passou por cima sabendo o que fazia,, matando Marco!!! Um carro cheio,, não estava em perigo,,e intencionalmente,, além de atropelar Marco,, passou lhe por cima! Os outros,, meus amigos,,se voltassem para trás, teriam o mesmo destino! Sem a mínima dúvida! Mesmo assim, ninguém sabia,nem imaginava que Marco estava no chão! Apenas quem ficou para trás,viu impotente,,o Marco no chão! Ninguém abandonou ninguém! Quando se corre risco de vida,, ninguem é abandonado! Ninguém!! OK? Em Alvalade,,os outros amigos,e o filho de Marco esperavam por ele e por quem lá tinha ido! Quando voltaram , apesar dos carros danificados,o sentimento era de alegria, porque ninguém tinha sido aleijado,,e tinham dado umas peras neles! Só o último carro,,, quando chegou disse que viu Marco ser atropelado e que tinham de voltar lá! Assim fizeram!!!Se alguém tivesse abandonado alguém,, acham que tinham voltado para Alvalade? E ainda por cima com o sentido de dever cumprido? Bem,,a verdade virá ao de cima,,mas uma certeza fica,, Marco Ficini morreu a defender o noSSo ideal,a defender os amigos leões,,a defender o noSSo clube!! Honra lhe seja feita!!! O resto,,bem o resto,, é pouco importante! Porque a JL ficou em baixo,,de tal forma, que todos os seus elementos trocariam uma derrota humilhante nesse jogo por 10 a 0,, pela vida de Marco!!! Acreditem!! Quem esteve na casinha nessa noite, jamais esquecerá o filho de Marco a perguntar pelo pai! O que se passou é raro no mundo ULTRA! Tão raro e cobarde, que até os hooligans profissionais da Polónia,da Hungria,da Croácia,,,etc,, marcam lutas e combates e ninguém morre! ULTRA não mata ULTRA!! A impotência é muita, porque a vontade é atropelar todos os lampiões na estrada,mas é essa diferença que nos separa daquela gente miserável!! Acreditem,a morte de Marco será vingada! VINGADA!! Amigos,, não me acusem de violência,, porque as mesmas pessoas que mataram Marco, estiveram horas depois, durante o minuto de silêncio,a fazer o barulho do very light nas bancadas de Alvalade!! Como pudemos aturar esta gente? Não podemos, não queremos e devemos isso a Marco Ficini! É uma obrigação! É um dever! 
Amigos,, alguém acredita que Marco,de 41 anos,um ULTRA experiente,iria para um combate sem confiar nos amigos que com ele iam? Não insultem a sua memória! Marco foi,, acreditando na sua mentalidade,, dando asas á sua amizade conosco,, Marco não sabia era que ia lidar com assassinos! Isso não sabia! Vocês não imaginam o que vai na alma dos membros da JL! A dor,,a angustia,, quem esteve com Marco, quem tem o mesmo ideal,, chora lágrimas de sangue! Sabem o que nos revolta? É saber que às 02h30 da manhã do dia 22 de abril de 2017,, Marco Ficini foi morto em Lisboa,, não por ser italiano,, não por ser do SPORTING,nem sequer por ser da Fiorentina,,,, Marco foi morto porque era da JL! Era da noSSa família sagrada! Sem dúvida nenhuma! O que nos revolta mais ainda,, é que vamos ouvir e ler coisas do gênero," o assassino agiu em legítima defesa, corria perigo de vida e teve de se defender!!",,," o assassino estava assustado e em vez de meter a segunda,fez marcha atrás sem querer e passou pelo corpo de Marco!",,"o assassino foi atacado!",e coisas do gênero! Têm de saber uma coisa,, estes tristes ilegais rapazes sem nome,, usam instalações do Benfica,, viajam pelo país em carros e carrinhas financiadas pelo Benfica,, bebem e comem do melhor nas áreas de serviço,e as facturas vão para a contabilidade do Benfica! Isso sabemos há muito tempo! Digo vos que quando forem chamados á justiça irão ter os melhores advogados possíveis! Assim foi com Hugo Inácio! Ninguém se esquece que Hugo Inácio foi preso porque cometeu crimes em Espanha! Caso contrário,, ainda hoje estaria em fuga! Foi a julgamento no caso very light, defendido,,off the Record, pelo Benfica! Eu sei, infelizmente convivi com ele na cadeia durante vários meses,OK? Eu sei do que falo!!! Outra coisa, quando pedem calma e criticam uma vingança,,, nós sabemos que daqui a um ano,, haverá faixas e cânticos a gozar com a morte de Marco! Dúvidas? É só verem o exemplo do very light e do incêndio á casinha! Todos estes tristes e cobardes acontecimentos têm um nome em comum,, claques do Benfica! Eles queimaram,, atiraram very lights e assassinaram Marco! Alguém acredita que uma claque destas merece piedade e compreensão? Não brinquem conosco!! 
Ainda voltando á hipócrita conversa do abandono,, alguém com dois dedos de testa, acha que uma claque como a da Fiorentina,se tivesse a mínima dúvida sobre abandonar Marco,, continuaria a amizade conosco? Nos convidaria a todos para o funeral? Exigiria a noSSa presença e participação nas homenagens que aí vêm a Marco? Por favor,, respeitem nos! Uma coisa tenho de vos agradecer,, filhos da puta lampiões,, vocês acordaram o noSSo lado mau! Despertaram o mal em nós!! Porque se estamos feridos,, tristes e em sofrimento,, vamos como os leões fazem,, curar as nossas feridas, sarar os ferimentos e voltar mais fortes que nunca! Temos todos de ter sabedoria,, esperteza,, paciência e união para saber quando e como vingaremos Marco! Porque como eu dizia á uns dias,,eu ando na JL desde 1989, conheço desde o mais velho ao mais novo,,e ponho as mãos no fogo por todos eles, quando digo que em situação contrária,, jamais algum de nós mataria outro ULTRA! Jamais! Mas ,,o ódio cresce e agora,, não meto as mãos no fogo,, agora ajudo a incendiar!!!Vocês não imaginam a ajuda que temos recebido para uma vingança,, para vingar a morte de Marco! Mas não,, não precisamos,, SOMOS a JL,, somos os maiores e os melhores!! Sabemos como reagir! Tentaram nos dividir,, quiseram o noSSo fim,,a noSSa desunião,,, mataram um dos noSSos,,,, gozaram e humilharam,,mas meus amigos,, estão fodidos conosco!! Porque nós,, somos da raça que nunca se vergará!! 
O lema do "odiados por muitos, respeitados por todos!!", deixou de fazer sentido! Existe quem não nos respeite,,,, por isso,,, vão pagar caro esse desrespeito! São os ideais que separam os ULTRAS dos annimais! 
SPORTING SEMPRE!!!! 
Orgulhosamente Juve Leo!!»

Sem colocar as mãos no lume por ninguém, porque a minha posição sempre foi, é e continuará a ser muito clara em relação a todo e qualquer tipo de violência, entendo esta "carta aberta" como uma poderosa contribuição para o esclarecimento dos factos ocorridos na Luz...

Para que a história de Hugo Inácio não se repita!...

Malditos "guarda-chuvas"!...

Leoninamente,
Até à próxima

Todos os guarda-chuvas virados do avesso!...


TEMPOS EXCEPCIONAIS, MEDIDAS EXCEPCIONAIS

«Eu sei, como todos os leitores de Record e como todos os portugueses sabem, que o Presidente da República é hoje uma figura omnipresente na vida do país. Marcelo Rebelo de Sousa está, já esteve ou estará em todo o lado. Há um grande exagero nessa sobreexposição, mas da mesma decorre um poder sem paralelo que deve ser usado nos momentos limite. 

Ora, no futebol português vivemos um momento limite e o que estou a sugerir é uma intervenção directa do Presidente da República. Não uma intervenção directa na linha desastrada do Teatro da Barraca, não um almoço em Belém com os presidentes dos clubes grandes a ver o Tejo, mas uma magistratura efectiva para resolver um problema que, com inteira franqueza e cortante lucidez, os outros agentes – talvez excepção feita a Fernando Gomes – não têm nuns casos poder, noutros qualquer autoridade para resolver. Mesmo com boas intenções e posições formalmente certas, como as de Pedro Proença. 

O problema, ou um dos problemas do futebol em Portugal, é que todas estas pessoas se conhecem e se desrespeitam há demasiado tempo. Mesmo Bruno de Carvalho, o cristão (mais) novo, cedo aprendeu a tese de que a melhor defesa é o ataque e tem sido, embora o faça muitas vezes porque é preciso colocar o Sporting no mapa, um dos grandes agitadores dos últimos quatro anos.

Aqui chegados, as acções do presidente da Liga e do presidente da Federação, em planos diferentes, surgem tarde. A escalada dos últimos dias, designadamente na troca de acusações entre Bruno de Carvalho e Luís Filipe Vieira é uma descida aos infernos. É um incentivo, indirecto ou não, ao ódio e ao acirrar de ânimos. 

Se apelarmos à memória, o futebol português é este esterco, com flutuações, há mais de 20 anos. Estranha ironia: em duas décadas gerámos jogadores, treinadores e até dirigentes de excepção e temos, a muitos níveis, organizações de topo. Na Federação, designadamente. Também nos clubes há muito trabalho bem feito, mesmo que estes nunca se tivessem libertado em pleno de um certo estigma do dirigismo dos anos 80 e 90, das jogadas de bastidores, dos negócios pouco claros. Já tivemos outros momentos negros. Até já tivemos, lamentavelmente, outras mortes, mas nunca como hoje com a pressão mediática e a necessidade que os protagonistas têm em fazer ouvir a sua voz o risco foi tão elevado. 

Dir-me-ão que a época acaba e tudo passa. Acalma, por certo, mas há uma semente do mal que é necessário erradicar, primeiro com um pacto de silêncio (deram por ele?), depois com um compromisso entre os agentes e, imediatamente a seguir, com medidas concretas. Se for tudo a fingir, piores dias virão. Por isso esta é a hora de Marcelo.

P. S.: Há várias semanas escrevi aqui que o Benfica tinha, nesta luta para o título com o Porto, mais densidade. Não se trata de ser melhor equipa, trata-se de ter cultura de vitória e resiliência. A Liga ainda não acabou, mas julgo não me ter enganado. 

O dia em que Jesus perdeu

Nos últimos oito anos, desde que chegou ao topo do futebol português no Benfica, Jorge Jesus já perdeu em várias ocasiões. E em algumas por sua exclusiva responsabilidade, tanto quanto um treinador é o responsável absoluto pelo desempenho dentro de campo. Mas, mesmo entre os seus ferozes opositores, ninguém deixa de lhe reconhecer um conhecimento do jogo, uma capacidade de interpretação e leitura do mesmo que o colocam invariavelmente num patamar superior. Ora, pela primeira vez, no passado sábado, Jorge Jesus foi suplantado, neste caso por Rui Vitória. E foi-o sem que Vitória deixasse de ser fiel aos seus básicos princípios. Foi-o, talvez, porque, como na época passada, o Benfica aliou, neste caso, uma supremacia no campo a uma supremacia na mente. Tudo isso e as fragilidades do plantel do Sporting que, confesso aí a minha surpresa, reapareceram de supetão, após semanas em que estiveram esbatidas. O Sporting, se quer ser campeão, tem que dispensar e comprar. Bem. 

JORGE SIMÃO. O Braga, que quase já foi campeão e diz querer ser campeão até 2020, é um cemitério de treinadores, mesmo que seja um clube onde se fazem bons negócios, ainda que negócios a mais. A entrada de Jorge Simão, que agora sai pela porta pequena, não foi apenas um acto de traição a José Peseiro, foi objectivamente uma má escolha. Simão terá qualidades, mas é um deslumbrado, fala demais, abriu conflitos desnecessários e a equipa perdeu a (boa) ideia de jogo que tinha. Um desastre, só minimizado pela entrada de Abel. 

PEDRO MARTINS. Do outro lado do espelho encontramos um treinador com o perfil de Pedro Martins, com trabalho sólido e sério em todos os clubes por onde passou. Há situações assim: Pedro treinador faz muito lembrar Pedro jogador, um pêndulo, com uma visão panorâmica, procura de soluções – fundamental num clube remediado, mas dos poucos com massa adepta. Registe-se o crescimento da equipa em poucos meses, mesmo tendo perdido o seu principal marcador de golos. Será o Vitória o degrau mais alto para Pedro Martins ou ainda poderá subir mais?»
(Nuno Santos, Ângulo Inverso, in Record)


Acredito na boa intenção de Nuno Santos. Mas assalta-me um mar de dúvidas e reservas sobre a possibilidade de Marcelo Rebelo de Sousa alguma vez se revelar disponível para afrontar semelhante "ninho de vespas"!...

É certo que quando os "deuses" o decidem, não precisam de "mandar chuva a cântaros" para encharcar até aos ossos quem quer que seja...

Bastar-lhes-à, no seu silêncio, enviar umas fortes rabanadas de vento, para assistirem ao espectáculo deslumbrante de ver...

Todos os guarda-chuvas virados do avesso!...

Leoninamente,
Até à próxima

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Em terra onde não há tribunais, reinam os "principes"!...



Nicolau Maquiavel na "obra de todas as suas obras", num último e quiçá desesperado acto satírico que apenas pretenderia retratar o cinismo de uma nação governada por uma só pessoa, terá afirmado que  "...Nas acções de todos os homens, em especial dos príncipes, onde não existe tribunal a que recorrer, o que importa é o sucesso das mesmas. Deverá pois, um príncipe, vencer e manter o Estado: os meios serão sempre julgados honrosos e por todos louvados, porque o vulgo sempre se deixa levar pelas aparências e pelos resultados, e no mundo não existe senão o vulgo..." 

Cinco séculos depois a sua sátira, convenientemente deturpada, resumida e adaptada aos desígnios de cada um, virou lei em todas as "cortes absolutistas" de todas as áreas que imaginar se possam e em cinco simples palavras foi possível sepultar a grandeza da sua sátira: "... Os fins justificam os meios"!...

Restringindo a minha análise à razão de ser deste blog e centrando-me especificamente no "pântano futebolístico desta pobre terra onde nasci", direi que estaremos a caminho das quatro décadas em que fomos surpreendidos pela ascensão e retumbante êxito de um "príncipe" para quem o importante sempre terão sido os fins, independentemente da bondade dos meios utilizados para os alcançar!...

Mas assim como de qualquer acção resultará necessariamente uma reacção, também à ascensão desse príncipe sucedeu a queda. E... rei morto, rei posto, logo outro lhe tomou o seu lugar. Com uma "pequena" diferença: numa leitura ainda mais "maquiavélica", ao primado de "os fins justificarem os meios" sucedeu... o "vale tudo para atingir os fins"... Importante será chegar ao primeiro lugar! Em tudo, bom ou mau!...

Em terra onde não há tribunais, reinam os "principes"!...

Leoninamente,
Até à próxima

O mundo é composto de mudança e não pára!...


Será bem provável que tudo gire em torno de um quadro a que, não sendo alheia a pressão exercida pelo mercado por via do incontestável valor dos atletas, não sejam estranhos os compromissos assumidos para com estes, num louvável esforço para garantir a sua presença nesta época prestes a chegar ao fim e garantir a Jorge Jesus a base imprescindível para que pudesse vir a alcançar os objectivos desejados, por parte dos ou do responsável máximo do Clube. Porém, face à dura realidade e enquanto se lambem as feridas do inêxito, sobrará apenas a palavra empenhada, que deverá e bem, ser cumprida...

Por muito que isso custe a digerir a todo o fantástico universo leonino, o que tem que ser tem muita força e... que pelo menos se salvem os dedos!...

O mundo é composto de mudança e não pára!...

Leoninamente,
Até à próxima

 

Vou ficar à espera que me telefonem de Canelas!...



"Quo vadis", Simão?!...

Vou ficar à espera que me telefonem de Canelas!...

Leoninamente,
Até à próxima

A verdadeira dimensão universal de Fernando Peyroteo!...



Fernando Baptista de Seixas de Vasconcelos Peyroteo 
(Humpata, 10 de Março de 1918 - Lisboa, 28 de Novembro de 1978)

Fernando Peyroteo estreou-se com a camisola do Sporting em 12 de Setembro de 1937 num Torneio no Campo das Salésias defrontando o Benfica (Taça Preparação), jogo que venceu por 5-3 com 2 golos de sua autoria. Nesse seu primeiro ano no Sporting, Peyroteo ajudou o Clube a conquistar mais um Campeonato de Portugal, tendo Peyroteo contribuído decisivamente para a conquista de 5 campeonatos nacionais, 4 Taças de Portugal e 7 campeonatos de Lisboa. Peyroteo foi por 6 vezes o melhor marcador do campeonato nacional, prova em que apontou 331 golos em 197 jogos, uma média fantástica de mais de 1,6 golos por jogo, média ainda hoje não superada por nenhum jogador do mundo em jogos a contar para os campeonatos nacionais.

Peyroteo realizou 393 jogos com a camisola «leonina» (1937-1949) tendo marcado 635 golos (média de 1,61 por jogo) e ao longo da carreira disputou 432 jogos marcando 700 golos (1,62 por jogo). Os seus 43 golos apontados no campeonato nacional de 1947/48 só vieram a ser ultrapassados por outro sportinguista: Hector Yazalde que em 1973/74 marcou 46 golos.

É difícil escolher a tarde de maior glória de Peyroteo, tantas foram elas com a camisola do Sporting. No entanto salientamos uma quando, em 24 de Abril de 1948 o Sporting precisava de vencer o Benfica, fora de casa, por uma diferença de três golos para conquistar mais um campeonato nacional. Nessa tarde de glória, Peyroteo, apesar de ter passado a noite em estado febril, jogou e marcou os quatro golos que permitiram ao Sporting ganhar o campeonato nacional e, em simultâneo, a primeira Taça «O Século», um troféu verdadeiramente monumental. Peyroteo terminou a sua carreira aos 31 anos, depois de um curto ano ao serviço de Os Belenenses, e faleceu, vítima de ataque cardíaco, em 28 de Novembro de 1978 com apenas 60 anos de idade.

Por ocasião das comemorações do 1º centenário do Sporting Clube de Portugal, este clube homenageou Fernando Peyroteo, lembrando-o com um memorial no dia 10 de Março de 2006, dia do seu 88º aniversário. Depois de descerrada a placa, usou da palavra o filho de nome Fernando Peyroteo: «Gostaria de dizer duas palavras de profundo agradecimento. Tenho a certeza absoluta que se fosse possível esta seria uma das prendas que teriam dado mais prazer ao longo da vida de meu pai. É com orgulho que recebo em seu nome uma homenagem destas. Estou agradecido à Comissão do Centenário. Apesar de tudo, os valores que me foram transmitidos pelo meu pai estão a ser reafirmados. Estou muito sensibilizado. Em relação à minha família será transmitida toda esta emoção.» 

Certamente, Fernando Peyroteo é e sempre será para todos os sportinguistas, como o melhor ponta de lança de todos os tempos a jogar no Sporting. De entre os variadíssimos recordes de Peyroteo destacamos apenas seis deles que ainda hoje se mantêm: 

- O jogador português que mais golos marcou na história do Campeonato Nacional: 331 golos; 
- O jogador português que mais golos marcou num só jogo em campeonatos nacionais: 9 golos contra o Leça em 22 de fevereiro de 1942, que o Sporting venceu por 14-0; 
- O jogador português que mais golos consecutivos num só jogo para campeonatos nacionais: 5 golos ao Vitória de Guimarães em 8 de fevereiro de 1942; 
- O jogador com melhor média de golos marcados pela selecção de Portugal: 14 golos marcados em 20 jogos (média de 0,7 por jogo); 
- O jogador com mais golos marcados ao Benfica: 64 golos em 55 jogos (média de 1,2 por jogo); 
- O jogador com mais golos marcados ao F.C.Porto: 33 golos em 32 jogos (média de 1,02 por jogo).
(Fonte: Youtube)



Um dia a Federação Portuguesa de Futebol terá à frente dos seus destinos quem saberá reconhecer... 

A verdadeira dimensão universal de Fernando Peyroteo!...

Leoninamente,
Até à próxima

terça-feira, 25 de abril de 2017

Ou por ser do Benfica fica isento de qualquer castigo?!...





O árbitro não teve possibilidade de se aperceber das irregularidades, repetidas por seis vezes, cometidas nas suas costas por Victor Lindelöf, pelo que as mesmas não foram por si sancionadas, nem constarão naturalmente do seu relatório.

O que está à espera José Manuel Meirim e os seus pares para promoverem um processo sumaríssimo?! E qual será a pena aplicável prevista nos regulamentos para um caso destes?!...

Ou por ser do Benfica fica isento de qualquer castigo?!...

Leoninamente,
Até à próxima

PUBLICIDADE