quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Ninguém poderá ser julgado ou julgar-se insubstituível!...



De insubstituíveis estarão cemitérios e infernos cheios! Providencial, apenas se conhece a Mater Natura, apesar dos "esforços" do Homem para dar cabo dela! O resto nunca passará  de excrescências efémeras, episódicas, frutos da condição e imperfeição humanas.

Há um menino em Alvalade que parece ou poderá vir a constituir, o verdadeiro paradigma de um tal postulado que, não sendo uma verdade irrefutável, se afigura no mínimo, uma proposição consistente e que pouca discussão suscitará entre os adeptos leoninos.

Jorge Jesus, perante a incontornável e, para muitos entre os quais hoje me incluo, indiscutível exclusão de Carrillo, parece ter riscado o nome do peruano dos seus planos e apostado convictamente em Gelson Martins. E este menino de 20 anos tem correspondido, demonstrando que poderá vir a ser um atleta determinante no percurso leonino da presente temporada, atirando para bem longe os prognósticos terríficos que emolduraram até há pouco o quadro resultante da crença nos insubstituíveis...

Nem o mais eudeusado e glorificado dos líderes, alguma vez poderá ser julgado ou julgar-se insubstituível!...

Leoninamente,
Até à próxima

3 comentários:

  1. Alamo que analise fazes das noticias do record de hoje?

    ResponderEliminar
  2. Não me lembro de ter andado na escola com o "anónimo das 16:44" e lamento não lhe poder enviar o chá que desesperadamente aparenta necessitar, uma vez que, como anónimo, o que evidencia a mais de coragem falta-lhe em referências...

    Há quem com as calças do anonimato quase pareça um homem!...

    ResponderEliminar
  3. Noticia de hoje nos jornais desportivos

    Elio casareto, empresário de André Carrilho assistiu ao jogo Fcporto-Chelsea no Camarote da Doyen e na companhia do CEO desta Nélio Lucas. Será que este simples facto ajuda a perceber o "caso Carrilho"? Gostava que alguém me esclarecesse. Cumps Álamo.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE