quinta-feira, 2 de julho de 2015

Que sejas muito feliz, Martunis!...


Poderá haver quem veja maldade num simples e ténue raio de Sol que rompa na aurora o verde negrume dos pinheiros, ou mesmo no feliz esvoaçar de uma borboleta que jamais saberá quão curta vida lhe reserva a Natureza. Neste rodopio de perfídia em que o Homem se deixou enredar, haverá gente capaz de tudo! Mas bem aventurados e felizes sejam aqueles que se comovem com o chilrear das aves, o zumbido das abelhas e a beleza de uma flor do campo! O mundo em que caímos é afinal maravilhoso e belo, se tivermos o privilégio de saber olhar para ele e a noção exacta da nossa pequenez e insignificância.

Comovi-me profundamente com o momento mais bonito da II Gala Honoris do Sporting Clube de Portugal! Aquele em que depois da breve introdução do locutor, vi irromper no palco a figura frágil e tímida de Martunis!...

Só eu sei porque sou sportinguista! Só eu sei porque naquele momento deixei correr uma lágrima pelo canto do olho! Só eu sei porque fiquei grato aos homens e mulheres do Sporting Clube de Portugal pelo nobre gesto e pelo momento de felicidade suprema que me permitiram viver!...

E que vão p'ró inferno todos os que naquele momento ousaram pensar em perversidades capazes de sujar a nobreza de tão sublime gesto humanitário. Enquanto esses viverão na confusão de sentimentos baixos e mesquinhos, eu recordarei para sempre a felidade de ter visto a felicidade de Martunis.

Atrevo-me a imaginar que alguém do Sporting Clube de Portugal ousou pensar com o coração e entreabrir a porta da felicidade a este menino, que carregará por toda a vida o drama que Natureza o obrigou a viver na sua inocência. E o meu atrevimento tem base de sustentação e esta tem um nome: chama-se Fundação de Solidariedade Social Aragão Pinto. Só eu sei porque sou do Sporting!...

O Sporting Clube de Portugal, ao abrir a possibilidade de mudar a vida de Martunis, acaba de lhe provar que o Futuro existe e é possível. E este acto jamais poderá ou deverá ser menorizável ou sequer negligenciável. O Sporting sabe que nunca será capaz de mudar o mundo, mas o mundo de Martunis já começou a mudar na hora em que subiu as escadas do avião lá na sua Indonésia distante e voou, empolgado e ainda incrédulo, para Portugal!...

E que vão p'ró inferno os "estafermos dos escribas" que hoje pressurosamente se aprestaram a conceder a Martunis, honras de contratação pelo Sporting, apenas pelo facto do menino gostar de futebol, de Cristiano Ronaldo, do Sporting, de Portugal e a Academia do Sporting passar a ser a partir de agora a sua casa. Vermes! E aposto que nenhum é sportinguista! Porque é exactamente por isso que... SOMOS DIFERENTES!...

Não haverá um único sportinguista que pense um segundo sequer sobre a possibilidade de Martunis ter nascido com talento suficiente para dar dois pontapés na bola. Do que eu tenho a certeza absoluta é que todos os sportinguistas alimentarão uma esperança enorme de que, com a ajuda do Sporting Clube de Portugal, Martunis possa aprender a saber dar os mais belos "pontapés na vida", de tal modo que possa encontrar a felicidade que merece.

Que sejas muito feliz, Martunis!...

Leoninamente,
Até à próxima

4 comentários:

  1. Que sejas muito feliz, Martunis!...

    Só eu sei porque sou do Sporting!...

    SL

    ResponderEliminar
  2. Amigo Álamo, para mim o momento em que o menino Martunis apareceu no palco ,foi o mais emocionante de toda a gala, do fundo do coração desejo-lhe toda a sorte do mundo e que os seus sonhos se tornem realidade....

    SL

    ResponderEliminar
  3. Para mim...
    Foi "tão importante" como se tivessem apresentado uma estrela do futebol...

    "Criar homens"...essa também é a função do nosso Sporting...!!

    Que sejas feliz Martunis e possas aproveitar esta oportunidade que a vida te concede...

    Abr e SL

    ResponderEliminar
  4. E depois do Sunil Chhetri eis que chega Martunis, só falta o tal melhor chinês da actualidade.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE