segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Talvez, bem lá no fundo, o Engenheiro o mereça!...




Segundo está a ser avançado pela RTP Informação, o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS), sediado em Lausanne/Suiça, terá decidido supender o castigo aplicado anteriormente pela FIFA a Fernando Santos, até à conclusão de todo o processo, consequência do recurso apresentado pelo actual seleccionador nacional.

Tratar-se-à de uma decisão histórica do organismo, que irá permitir a estreia em pleno de Fernando Santos, em jogos oficiais, ao serviço de Portugal. Ao que se sabe, terá sido a primeira vez que o TAS adopta tal procedimento.

Parece que até os deuses terão decidido apoiar Fernando Santos. Talvez, bem lá no fundo, o Engenheiro o mereça!...

Leoninamente,
Até à próxima





6 comentários:

  1. Pelo que conheço do FS...merece sim senhor...!
    O FS pela sua maneira de ser ...: um homem honesto em toda a acepção da palavra, jamais terá dito ao árbitro alguma coisa que tenha merecido tão grande castigo...

    É impossível FS nunca "esbarraria" para um acto desses...
    Daí que entenda ter sido da mais elementar justiça...esta suspensão da pena até melhor averiguação...

    Força FS...

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu sentimento é rigorosamente igual ao do meu amigo Max. O que me admira neste episódio, é a atitude do TAS! Provavelmente os juízes ter-se-ão apercebido que a história estaria demasiado mal contada. Ainda bem para FS e para a nossa selecção.

      SL

      Eliminar
  2. Não estou a ver FS a insultar árbitros e outros agentes, ou o que quer esteja lá no relatório do livre arbítrio. Que ele "se tenha passado" e exagerado, em gestos e palavras, admito; mas assim tão grave, que justifique uma punição tão severa? Ena, se não tivesse um cadastro limpo, aquilo iria ser pena próxima da irradiação!
    O problema que eu vejo nesta "vitória", é simples: se, lá para finais de Novembro, aparecer um castigo de...4 jogos?... FS não estará à frente da selecção em que jogos? (Desconheço o calendário, daí que esteja a por esta questão)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Liondamaia, quer-me parecer que os argumentos exibidos por FS no recurso, terão deixado a federação grega em muito maus lençóis, já que, como era seu dever, não lhe terá comunicado o castigo em tempo útil que lhe permitisse o recurso.

      O TAS, pretendendo ir ao fundo da questão, entendeu não ter tempo útil para o fazer de modo a não penalizar FS, agora em funções noutra selecção e terá decidido pela suspensão temporária. Agora o TAS irá certamente confrontar a federação grega com os factos apresentados por FS e tudo poderá acontecer. Não vejo o "arranjinho" que o meu amigo adianta, numa instituição como o TAS. Na FIFA e na UEFA, será o pão nosso de cada dia. No TAS é diferente...

      SL

      Eliminar
    2. Não quis levantar teorias conspirativas. O que quis dizer foi que, se um castigo de 4 jogos, por ex., fosse aplicado agora, depois do castigo cumprido ainda teríamos mais 3-4 jogos pela frente; se o castigo fosse daqui por x meses, ou seja, depois de jogados já uns 4 jogos, p.ex., o impacto seria diferente, pois ficaríamos sem o 1º orientador da equipa até final do apuramento.
      É claro que, se olhar para o calendário e datas dos jogos, talvez o meu raciocínio seja um contra contra-senso -ou talvez não o seja. Daí que tenha deixado a questão do interesse e oportunidade de enviar a decisão para o TAS.

      Eliminar
  3. Bem, não sei se foi da presença do Santos no banco, mas hoje lá conseguimos ganhar, mesmo sem jogar por ai além. Creio que os santos e deuses estão com Portugal desta vez.
    Por norma somos nós a levar com os baldes de água fria. :)

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE