sexta-feira, 3 de outubro de 2014

O Sporting e a presunção de inocência !...


Desde sempre apoiante da Auditoria em curso no Sporting, no sentido de que fossem apuradas todas e quaisquer responsabilidades da gestão na "era roquettista", nunca exluí e entendi até como absolutamente natural, que algumas das suas conclusões pudessem conduzir à  instauração de acções de responsabilidades civeis aos anteriores gestores, se eventualmente alguns actos e decisões então tomadas, viessem a suscitar dúvidas, quer no quadro da legalidade estabelecida, quer nos danos que, comprovadamente, tivessem sido causados ao Clube, ou à SAD.

O caminho que foi decidido seguir, pelos orgãos competentes do Sporting, sempre me pareceu correcto, pelo que não me causou qualquer estranheza ou reparo, a sujeição de  tais iniciativas à aprovação da AG da SAD, que terá entendido remetê-la para o orgão máximo do Clube, a sua AG.

Até aqui, nada me confunde ou causa estranheza. Se dúvidas existem, que as instâncias judiciais as esclareçam, dando aos acusados o legítmo direito de se defenderem e que no final venham a ser proferidas justas sentenças e ponto final.

Ora o que de modo nenhum acho correcto, é que a próxima AG do Clube, depois de ratificar a decisão da AG da SAD de que as acções judiciais sejam interpostas nas instâncias competentes e sem que tenham transitado em julgado quaisquer decisões delas decorrentes, se deva pronunciar sobre a imediata expulsão dos quatro associados nelas implicados.

A trave mestra de toda a arquitectura da Justiça, em Portugal e em todos os países civilizados, sempre foi, é e continuará a ser, a "presunção de inocência". Para todos os efeitos, os quatro dirigentes e naturalmente associados do Sporting Clube de Portugal, agora sob suspeita, até à decisão dos tribunais, SÃO INOCENTES! Um clube como o Sporting Clube de Portugal, com mais de um século de História e todas as suas homrosas tradições, jamais deverá cometer a desonra de expulsar do seu seio, alguém cujo presumível delito, ainda nem sequer foi julgado!

As cadelas apressadas costumam parir cães cegos! Se a minha vida pessoal me permitisse estar presente na AG, eu submeteria à Mesa, no período anterior à Ordem de Trabalhos, um requerimento prioritário, no sentido de fazer aprovar a suspensão desse ponto, até que as decisões dos Tribunais transitassem em julgado. Tudo o que vier a ser decidido de modo contrário, merecerá sempre o meu repúdio de SPORTINGUISTA!

Que nenhum sportinguista duvide da forma como reagem as massas em AGs de clubes, quantas vezes à revelia dos mais elementares sentidos democráticos e de justiça! Bom seria dar tempo ao tempo, para que os cães não nasçam cegos e não nos venhamos a arrepender da precipitação!

Que nada seja feito que possa desonrar o Sporting e os sportinguistas!...

Leoninamente,
Até á próxima 

9 comentários:

  1. Sobre este assunto, tive oportunidade de escrever, de forma mais ou menos sucinta, o que o meu Amigo acaba de desenvolver.
    Dando como certo que o tema "gestão" seguirá para os tribunais e não duvidando do sportinguismo dos subscritores do Requerimento, não deixo de considerar muito estranho o seu momento e a oportunidade.
    Acho mesmo que é um contrassenso! Senão, veja-se: temos, por um lado, a AG a enviar a análise e decisão da qualidade de gestão de uns quantos sócios para Tribunal; mas por outro lado, temos a mesma AG a poder decidir, já!, que esses quantos sócios são culpados, logo expulsos!
    O tema é "quente", talvez mesmo "muito quente" , por isso, susceptível de gerar larga controvérsia e divisão, seja qual for a decisão.
    Como já houve quem visse um porco a andar de bicicleta, pergunto-me se os sócios subscritores são "apenas fundamentalistas" ou se o que pretendem é apenas armar confusão e retirar o foco de cima dos resultados da Auditoria...

    ResponderEliminar
  2. Que sejam levados a responder na Justiça...?
    Plenamente de acordo...!!

    Que lhes seja aplicada a pena...antes de serem julgados...?

    Nem pouco mais ou menos...!

    Perfeitamente em desacordo com uma medida dessas...!!

    Também ajudo a levantar essa tarja...: "Que nada seja feito que possa desonrar o Sporting e os sportinguistas..."!!

    Cada coisa a seu tempo...!!

    SL

    ResponderEliminar
  3. Amigos e grandes sportinguistas, Liondamaia e Maximino Martins, orgulho-me de assinar Leoninamente, e saber que fazem parte deste MODO DE ESTAR E SER SPORTINGUISTA!...

    Foi feita ao correr das teclas, sem outra pretensão que não fosse traduzir um sentimento, mas já que o amigo Max ajuda a levantar a tarja, eu também o faço:

    QUE NADA SEJA FEITO QUE POSSA DESONRAR O SPORTING E OS SPORTINGUISTAS !!!

    Grande abraço e SL

    ResponderEliminar
  4. Amigo Álamo, estou totalmente de acordo com tudo o que diz no texto, a justiça que se encarregue de punir os culpados, mas expulsá-los sem serem julgados?... Não concordo, não desejo essa mancha no historial do nosso Sporting, por mais terríveis que tivessem sido os actos que cometeram, têm todo o direito a um julgamento, e assim se poderem defender....Desejo de todo o coração que não avancem com essa decisão de expulsão, pelo menos enquanto justiça não se pronunciar...

    SL

    ResponderEliminar
  5. Amigo Alamo,
    Com a sapiencia que lhe reconheco como sportinguista e homem de principios e valores quero lhe enderecar um bem haja pelo seu post. Perfeito .
    Somente me permita um comentario adicional, se no domingo esse ponto estiver na ordem dos trabalhos nega na sua essencia um principio basico que preside ao nosso clube, a honra!
    Nao nos envergonhem!!
    SL

    ResponderEliminar
  6. Ainda bem, caro Álamo, que haja pessoas que pensam de forma correcta e pensem que a única maneira correcta de castigar/absolver alguém será sempre após os tribunais se pronunciarem. Este é um principio básico da democracia. Se assim não for corremos todos o risco de mais tarde ou mais cedo, e de forma arbitrária,todos podermos ser expulsos por esta ou outra direcção! Apoio o que ate agora (na maioria) BdC tem feito, mas recuso-me a ser um Ser acéfalo! SL

    ResponderEliminar
  7. Porque da mais elementar justiça e porque Leoninamente tem vindo a ser uma fonte inesgotável de criação de amizades sportinguistas que não mais sairão do meu coração, quero endereçar o meu bem hajam, à Leoa Maria, ao João Antunes e ao Anónimo das 23.07, que desafio a não mais terminar qualquer comentário sem deixar no final a sua marca pessoal - bastarão umas simples iniciais ou um qualquer nickname que invente!...

    E volto a levantar a tarja que o amigo Max sugeriu como nossa e de todos os sportinguistas:

    QUE NADA SEJA FEITO QUE POSSA DESONRAR O SPORTING E OS SPORTINGUISTAS !!!

    Grande abraço para todos.

    ResponderEliminar
  8. Aqui está o sistema e o simões, condenado em trinbunal, a tentar nos meandros do futebol o que não consegue em campo:"A SAD do Moreirense emitiu ontem um comunicado a demonstrar um certo desagrado pelas nomeações feitas pelo Conselho de Arbitragem (CA) da FPF para o jogo Académica-Moreirense. O árbitro nomeado foi “o jovem Fábio Veríssimo”, de Leiria.

    Nesta nota, a SAD recorda ainda a nomeação do observador José Rodrigues, da AF Coimbra. “Resta por fim sublinhar que a nomeação deste observador pelo CA é da responsabilidade de Ferreira Nunes, também de Coimbra”, pode ler-se. O Moreirense entende que, “ao nomear para um jogo em Coimbra um observador de Coimbra, por um membro do CA de Coimbra, não se contribuiu para criar um ambiente de normal serenidade, exigido para o exercício de funções de um jovem árbitro”, pelo que os cónegos pedem “apenas e tão-só bom senso” ao CA da Federação." by record

    Bruno Duarte

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE