quinta-feira, 23 de outubro de 2014

O pecado capital de Maurício !...



Ainda não refeito do violento soco no estômago desferido por Maurício no jogo de Gelsenkirchen e intrigado com os sucessivos desvios temperamentais de um jogador cujas virtudes sempre apreciei desde que chegou a Alvalade, despertou-me a atenção um artigo publicado em MaisFutebol, da autoria de Sérgio Pereira, que refere a opinião de Jorginho, treinador brasileiro que o conhece como poucos desde os tempos das camadas jovens do Palmeiras, que foi o responsável pela sua subida à equipa principal do clube e que mais tarde viria a encontrar de novo na Portuguesa. 

Reproduzo a seguir em diversos parágrafos, a radiografia de Jorginho sobre o nosso central, capaz de alternar o melhor com o pior, de subir aos céus para se precipitar logo de seguida no inferno da nossa decepção:

"Quando o conheci, nos juniores do Palmeiras, era um miúdo rápido, sempre muito voluntarioso e com uma atitude fantástica em campo. Era muito forte nas bolas aéreas. Depois subiu aos seniores e manteve essas virtudes, às quais acrescentou algumas outras coisas, como a experiência. [...]

Mas a verdade é que ele tem momentos em que pensa que é melhor do que é. Ele tem uma confiança exacerbada. Há muitas coisas que podia fazer simples e quer fazer em grande estilo, podia aguentar, cobrir, e ele quer ir imediatamente à bola. [...] 

Ele é vaidoso, isso não posso mentir. Fora de campo, sempre muito preocupado com o aspecto, com o cabelo, com o gel, mas também dentro de campo. Tenta em demasia passar uma boa imagem, preocupa-se mais com o que as pessoas pensam nas bancadas em relação a ele do que com ser simples e discreto. [...] 

Precisa de amadurecer nesse sentido. Ele tem qualidade, mas é necessário melhorar nisso. Nós discutíamos muito isso com ele. Por vezes ele fazia um jogo perfeito e depois num lance comprometia tudo e prejudicava a equipa.[...] 

Nessa altura, na sequência de longas conversas nos treinos e nos balneários, que incluíam muitas interrupções durante os treinos e visionamento de vídeos em particular, Maurício acabou por melhorar. [...]

Esse é um problema solucionável. É uma questão de falar muito com ele, de lhe exigir e tirar de dentro dele esse defeito com muita conversa. [...] 

Muitas vezes insistia com ele sobre como fazer, repetia-lhe que não precisa de complicar, de arriscar e colocar a equipa em risco. [...]

É uma questão de não desistir de Maurício: arriscar, não ser simples, cometer erros desnecessários é uma vertigem que o acompanha há muito e tem de ser controlada. Até porque ele tem apenas 26 anos acabados de fazer e concentra em si uma qualidade que é fundamental num jogador: é muito trabalhador! Um enorme profissional. Era sempre dos primeiros a chegar e dos últimos a sair, treinava mesmo depois de terminar a sessão, queria ser cada vez melhor. Essa qualidade tornou Maurício um central predilecto para mim. [...) 

Estou a torcer pelo Maurício. Ele vai dar certo aí em Portugal."

Afinal, o "pecado" de Maurício do Nascimento será apenas e tão só... A VAIDADE! Marco Silva saberá melhor que ninguém como pôr termo a esse "pecado capital", mas arriscar-me-ia a dizer que a cura terá de passar, necessariamente, pelo banco, embora de forma indirecta e, rigorosamente, controlada.

Marco Silva, sob pena de se ver obrigado a, cedo ou tarde, ter de deixar de contar com ele, terá de lhe colocar de forma dura e inflexível, as duas únicas opções que lhe restam aos 26 anos: ou a sua vaidade, ou a equipa  e por conseguinte o Sporting.  Que administre como quiser o seu temperamento egocêntrico, mas imediatamente a seguir ao primeiro amarelo, sentar-se-à no banco e descalçará as botas, sendo óbvio que apenas regressará de novo à titularidade a espaços cada vez mais longos, decorrentes da gravidade das reincidências, arriscando, no limite, a saída no final da época.

Acredito, depois de ter tomado conhecimento da opinião abalizada de Jorginho, que a Marco Silva, por muito que admire o espírito guerreiro e a dedicação de Maurício, não restará outra alternativa.

Leoninamente,
Até à próxima

7 comentários:

  1. «Fizeram a mesma coisa ao Sporting na Alemanha» - Jorge JesusRedação A- A A+

    Jorge Jesus não poupou críticas à atuação da equipa de arbitragem no jogo com o Mónaco, acusando o polaco Szymon Marciniak de condicionar a exibição do Benfica no Estádio Louis II.

    Depois do que viu em Gelsenkirchen, no polémico encontro entre o Sporting e o Schalke, o treinador das águias diz não ter dúvidas de que as equipas portuguesas estão a ser prejudicadas propositadamente nas provas da UEFA.

    «O árbitro condicionou muito a equipa do Benfica, nos primeiros 20 minutos penalizou-nos com dois amarelos. O facto de Portugal estar à frente de Itália e França no ranking da UEFA… Na Alemanha fizeram a mesma coisa ao Sporting. Carregam as equipas portuguesas com amarelos e depois é mais fácil expulsar. É um assunto político, que temos de combater em campo», afirmou.

    ResponderEliminar
  2. Amigo Álamo, acho que todos sabemos que as opiniões expostas no texto, como sendo palavras do treinador brasileiro "Jorginho", reflectem bem o carácter de Maurício, elas dão-nos a conhecer o lado bom, e o lado mau deste jogador, pois certas reacções intempestuosas que tem tido, têm sido fatais para nós, mas apesar de tudo gosto mto do Maurício, e acredito que Marco Silva, vai saber lidar da melhor forma, com esta situação....sendo assim amigo, vamos ter pensamento positivo, pois como se costuma dizer a esperança é a última a morrer, e eu hoje tenho uma fé inabalável nesta equipa, e acredito que vamos ganhar os próximos jogos ao scalke e ao maribor.... e pq não ao chelsea? Tudo isto, só deixa de ser possível se a GAZPROM voltar a fazer das suas...

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "(...e acredito que Marco Silva, vai saber lidar da melhor forma, com esta situação...)"

      Saber lidar da melhor forma?! A melhor forma é sentá-lo no banco.Enquanto estiver convencido que é o melhor (só com Rojo ao seu lado é que as suas deficiências não tiveram tantos prejuizos) desconfio que não será com 26 anos, já sem margem para progredir na técnica e no posicionamento em campo, que se irá corrigir.

      Tem-se visto quanto têm custado ao Sporting as suas actuações, juntamente com as do outro cepo (Sarr), nos jogos contra o Maribor, Chelsea e Schalke na LC e no campeonato contra os Belenenses e na semana passada contra o Porto, no jogo da Taça, no lance do penalty.

      Até apetece dizer: Volta XANDÃO que estás perdoado.

      Eliminar
  3. Eu também confio em Marco Silva para moldar Maurício para melhores atitudes... Ele, Maurício, tem o que para mim é essencial num jogador de futebol... e que muitas vezes falta aos predestinados.... Agora, de facto, é preciso moldar alguma da impetuosidade que caracteriza o brasileiro...

    Para além disso... e em detrimento do nosso jogador... algum (senão a maior parte do...) problema está naqueles famigerados elementos que teimam em inclinar os campos... Se o 'mea culpa' não pode ser esquecido... o 'tua culpa' é muitas vezes grande parte da questão... em conluio com a ""com socialzinha""" que temos... Qual "homens do gas" poder inconsequente (na prática) qualquer trabalho em prol do Maurício... pois do rótulo já não se livra... Poderemos comparar com inúmeros casos no(s) inimigo(s)... dos quais o mais paradigmático... maxi "porradeiro" pereira... Comparar o brasileiro com o uruguaio é como ter um 'ladrão de fruta' a ensinar um 'assassino' a praticar actos ilícitos.... Quantas vezes foi o vermelho... amarelado...??? Para a rua então....!!! E Nani.... querem melhor exemplo de como moldar um jogador.... ou melhor..., uma equipa...!!!???

    jj.... quanto a este senhor..., eu dispenso a sua """cortesia"""... pois a minha memória não é um hard drive que se formata... e comparar um jogo e outro... é como comparar (e desculpem-me a oliveirização do termo... mas acho que é a única coisa com sentido que essa coisa já disse...)..., é como comparar a "estrada da beira" como a "beira da estrada"... Oh jorge... aquilo na terça foi... LIMPINHO...!!! LIMPINHO...!!! - PALHAÇO -

    SL

    ResponderEliminar
  4. Li há pouco que o nosso presidente no protesto que fez à WEFA, exige a repetição do jogo, ou ser ressarcido do valor do empate, a wefa, já pediu a opinião do scalke para este assunto, e prometeu dar ràpidamente uma resposta....vamos imaginar agora qual será a resposta!!!!!!
    Embora o scalke, ande a dizer que o Sporting tem razão, acham que vai abdicar da mama???? Não me parece!!!!....

    SL

    ResponderEliminar
  5. Parece que esse tal de Jorginho conhece bem o Maurício. No entanto não é correcto crucificar o Maurício neste jogo, e assim branquear o "trabalho" da equipa de arbitragem. O campo já estava a ser inclinado antes da expulsão. O Sporting estava a ser muito superior, o Maurício faz duas faltas normalíssimas a meio campo e o apitador resolve o jogo! Penso que nenhum jogador alemão levou amarelo, nem aquele que fez o penálty sobre o Carrilho... Não dá para acreditar na mais vergonhosa e tendenciosa "arbitragem que vi em (competições europeias) em toda a minha vida!!! PS- O Maurício, durante o tempo que esteve em campo, fez apenas 2 faltas (apenas duas, repito) normalíssimas a meio campo e foi expulso. Não é preciso dizer mais nada A.Oliveira. SL

    ResponderEliminar
  6. Caro Álamo.
    Obrigado pela partilha de informação, porque de outra forma nunca a viria a saber. Nisso o seu blog é um serviço público Sportinguista. Agradeço-lhe porque esta informação não estava disponível apenas para si, mas porque a decidiu partilhar e na parte que me toca, nunca a iria procurar e ficava sem a conhecer.
    É um artigo muito interessante, sobre as qualidades e defeitos do jogador. Torna-se ainda mais interessante porque se percebe que ele tem, ainda, margem de manobra que o nosso treinador poderá capitalizar para nós. Aí deve atuar como achar melhor, embora a sugestão de banco me pareça muito bem.
    Por outro lado constatei, mais uma vez, a tendência dos jornalistas/redatores/escritores/opiniosos/etc que quando escrevem os seus artigos são habilidosos e criativos sempre para deitar abaixo.
    É impressionante como no mesmo artigo se pode fazer um bom e um mau trabalho... a habilidade de tamanhos manhosos é infindável e dá para perceber a criatividade maldosa para que esta gente vive.
    No lado positivo, a informação sobre o Jorginho que trabalhou com o Maurício é interessante para quem gosta de saber tudo sobre o clube que ama e todas as vertentes da sua ação.
    Por outro lado o artista que escreveu este artigo, pegou nessa informação para ser tendencioso... ele fala em 5 casos em que o Mauricio prejudicou o Sporting mas não é honesto, na minha opinião.
    Há um caso em que ele diz que o Mauricio foi imprudente e fez uma falta, sobre o cardozo, que o árbitro não marcou penalti... afinal, nesse caso podia prejudicar, mas não prejudicou, nem nós sabemos se foi ou não penalti... depois fala do penalti ao jackson no sábado. Tudo certo, mas toda a gente diz que o lance era precedido de fora de jogo... primeiro este nem devia contar, se os árbitros fizessem bem o seu trabalho, além disso o Rui Patricio disse-lhe que o ia safar... e safou! Somos uma equipa.
    No penalti que aconteceu no dragão no ano passado... eu lembro-me bem dese lance e sim, ele foi imprudente. A questão é que somos uma equipa e como equipa o André Martins e o Cédric também não fizeram o seu trabalho e deixaram o Mauricio, lento e fora de tempo nesse lance, levar com as culpas, quando todos estavam envolvidos... Aquele lado direito da nossa defesa foi massacrado durante 15 minutos... e niguém fez nada para mudar isso.
    Percebo o lance contra o carnide na luz para a taça... deu golo. Quantos lances de falta de centrais à entrada da área é que nunca deram golo? Muitos mais...
    No fundo, prejudicar eu acho que ele só prejudicou na alemanha... foi imprudente e pôs-se a jeito... quer o árbitro estivesse a ajudar o schalke, ou não, ele teria de ser mais comedido, para não dar hipotese daquilo acontecer.
    No fundo são dissertações para concluir que se eu, por exemplo, fosse fazer um artigo para defender o Mauricio escrevia como o fiz, acima. Há sempre maneiras de justificar muita coisa, há sempre opiniões divergentes, penso é que o redator daquele texto foi tendencioso, quando provavelmente não tinha necessidade nenhuma... aquilo que o caro Alamo fez, que foi destacar a parte do Jorginho era suficiente e partir daí cada um que tire as suas conclusões.
    Na minha humilde opinião, o Mauricio é um central que sofre do mesmo mal que o Sarr... são implacáveis na marcação... quase parecem dois pitbulls a querer morder o pescoço aos adversários... mas em termos de posicionamento, dobras e sair a jogar com a bola é que a porca torce o rabo. Acho que são os dois válidos mas nunca podem ser eles a dupla titular... terão sempre de o fazer alternadamente, sempre com o Paulo Oliveira ao lado.
    Como as conversas são como as cerejas fica aqui uma resposta aos que diziam que não se tinham comprado jogadores para entrar de caras no onze... que se podiam comprar 3 ou 4 melhorzitos, em vez de 11:
    - Paulo Oliveira;
    - Jonathan Silva;
    - João Mário;
    - Nani
    Chega?
    SL
    Basco "O Leão"

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE