quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Levantemos orgulhosamente a cabeça e foquemo-nos em Vila do Conde!...




Aconteceu futebol no Santiago Bernabéu! Classe e superioridade incontestável do Sporting ao longo de 85 dos 95 minutos que durou o encontro e uma ponta final onde o campeão europeu fez valer os múltiplos argumentos técnicos e outros que todos reconhecerão de importância capital e cada vez mais relevantes no jogo, muito particularmente nesta milionária competição, que lhe conferem a clara hegemonia no futebol europeu.

Parece ter vindo de Itália o vento que talhou a sorte do jogo! E quando assim é, nada mais haverá que acrescentar. Portugal é demasiado pequeno e insignificante para que uma equipa sua como o Sporting, pudesse sair vitoriosa de Madrid! Mesmo que seja campeão europeu!...

A opinião que mais importará reter neste momento, em que nada nem ninguém será capaz de modificar o resultado que acabou por se verficar, será aquela que os milhões de espectadores através das transmissões televisivas em todo o mundo puderam formular depois de assistirem à fabulosa exibição do Sporting Clube de Portugal!...

Levantemos orgulhosamente a cabeça e foquemo-nos em Vila do Conde!...

Leoninamente,
Até à próxima

7 comentários:

  1. Que grande vitória moral, anossa. Preferia ter jogado mal e pontuado. Espero, que os sportinguistas, nunca mais aplaudam o Ronaldo, quando ele nos marque um golo, como aconteceu em tempos em Alvalade () que parolice. É que ele não nos perdoua a mínima. Dirão que ele é profissional. E ele menorizou o Sporting num comentário após o jogo, quando disse:«Já não há equipas fáceis». Ele quer lá saber do Sporting para alguma coisa. Se fosse um grande sportinguista não era o sócio 100 mil. E eu também não quero saber dele para nada. É apenas um grande jogador de futebol. Triste é esta devoção dos sportinguistas só por ele ter sido da formação leonina.
    Finalmente: o nosso karma é tramado e o do Real é abençoado.

    ResponderEliminar
  2. Prezado Àlamo,

    Eu tinha avisado porque sei um pouco da maneira como as coisas funcionam a este nível!
    Foi astuto o JJ em defrontar o RM com um esquema (à Barcelona) que irrita muito os merengues. Viu-se que o Casemito tinha carta branca para fazer aquilo que melhor sabe. Nem um só amarelo levou e por muito menos Adrien e William não se viram livres dele (do cartão amarelo, claro).
    Do que menos gostei neste jogo foi a atitude do CR7 a tentar cavar faltas! Não havia falta nenhuma do Semedo no livre que deu o primeiro golo ao Real como não havia falta do Coates no lance em que o Bale se queixou dos rins! Mas, repito, não fiquei admirado com a arbitragem!
    E até digo mais: para o jogo no Alvalade até espero a nomeação dum árbitro que teria anulado o golo do B. César pôr ter chutado com o pé esquerdo!

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Por ser Inácio, calhou-me ver o jogo na ESPN, comentado em espanhol.
    Várias vezes referiram a condescendência com Casemiro e a rigidez com Adrien e William; depois, foram peremptórios no lance Bale/Coates- não houve falta, mesmo depois de revistas as imagens.
    Disseram não compreender o critério do catavento do apito e classificaram a arbitragem de má, penalizando o Sporting - no início, Sporting Club e, já na 2ª parte, Sporting de Portugal.
    Rasgados elogios a Gelson e Adrien.

    Grande jogo fizemos, não são os 4 minuts finais, por mais amargos e dolorosos que sejam, que apagam os restantes 90.
    Grande Sporting!
    ...e venha o próximo jogo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O comentário do "anónimo das 00:00" merece o meu aplauso! E permita-me que diga ainda:
      Paolo Tagliavento é sobejamente conhecido em Itália como "árbitro de fretes"! Trazia claramente uma "carta para entregar a Garcia" e rapidamente se apercebeu - são muitos anos a arbitrar futebol de alta competição que, em Itália, passa por ser eminentemente táctico -, que o Sporting teria fortes possibilidades de ganhar o jogo. Então, também rapidamente, identificou o "trio cerebral" em que assentava toda a estratégia leonina: Adrien, William e Jorge Jesus! Aos dois primeiros condicionou-os com amarelos logo que as circunstâncias lho permitiram. A Jorge Jesus, expulsou-o na primeira vez que o viu esbracejar! O resto sabem todos aqueles que puderam ver o jogo...

      Há muito que aprecio as transmissões da ESPN e a categoria e isenção da maioria dos seus comentadores...

      ... e venha o próximo jogo!...

      Eliminar
    2. O Anónimo sou eu, amigo Álamo... noutro computador e sem pass para entrar no meu mail. Só depois me lembrei que podia ter assinado. Deixe lá, a digestão está complicada, ainda que a refeição me tenha sabido divinalmente, até à hora... dos digestivos.

      Eliminar
    3. Digestão complicada, sim, amigo Liondamaia. Por cá vou chupando o meu "Kompensan S", mas já com as agulhas viradas para o estádio dos Arcos!...

      Eliminar
  4. DE PUTA MADRE... (que jogo...)
    EXQUISITO... (que equipa...)
    CARADURA... (logo tu 'r'onaldo...)
    JODER TIO... (sina do c......atano...)

    Só me apetece é GANIR... F***$¥£€@&!!!...

    Mais daqui a nada que não me apareça nenhuma... farmácia pela frente...!!! (K)ompensa... ZE... (K)ompensa....!!!!

    F***$¥£€@&!!!...

    SAUDAÇŌES LEONINAS

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE