sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Há dinheiro, jogadores e treinador para fazer o pleno!...


MATRAQUILHOS E MONOPÓLIO


«O Sporting vendeu Slimani, um jogador que lhe custou 300 mil, por 30 milhões mais cinco mediante objectivos. Chegou a acordo com o milionário saudita Abou Khaled Gheram, que detinha 20 por cento do jogador mas que acabou por aceitar apenas quatro milhões. E vendeu João Mário por 40 milhões mais cinco por objectivos. Metade pago já, a outra metade na próxima temporada. A melhor venda de sempre do clube e de um português a jogar em Portugal. A segunda melhor ex aequo na história do país. Rejeitou a venda de William e de Adrien. Já não vende em desespero e por isso vende melhor. No total, são 75,7 milhões, um Verão nunca visto em Alvalade, sem deixar o plantel depauperado. Até teve o brinde do Markovic por um ano. Correu tudo tão bom que para tirar brilho à coisa se inventou que metade do dinheiro ia para os bancos. Mesmo que fosse verdade, abater dívida é ganho. Mas são 20% das vendas acima de oito milhões que têm de ser entregues em Julho de 2017.

Houve um tempo em que os adeptos apenas queriam saber da falta que cada jogador fazia e se jogava bem ou mal. Os jogadores jogavam, nós víamos os jogos e os dirigentes geriam os negócios. Hoje os adeptos pegam na calculadora, fazem as contas ao investimento e ao retorno, às dívidas à banca e às percentagens de outros. Mesmo para nós, adeptos sem cheta, os jogadores são "activos". Houve um tempo em que quem gostava de futebol gostava de matraquilhos. Hoje tem de gostar de Monopólio. É por isso que, apesar de o Sporting ainda não ter sido campeão, Bruno de Carvalho é tão popular no clube. No Monopólio, é muito melhor do que os antigos gestores bancários que o clube teve como presidentes e que quase levaram o clube para um buraco sem fundo. Só falta ganhar nos matraquilhos. Tem dinheiro, jogadores e treinador para isso.»
(Daniel Oliveira, Verde na Bola, in Record)


As férias de Daniel Oliveira provocaram em mim uma delicada saudade da ler as suas crónicas. Soube-me bem hoje voltar a ter o privilégio de ler o seu "Verde na Bola", para mais num momento de grande galvanização da família sportinguista.

Como seria de esperar, no seu habitual estilo, desmonta o tabu em que a generalidade da CS vem insistindo lampionicamente, de que metade das vendas dos passes de João Mário e Slimani terá que ir, obrigatoria e imediatamente, para à banca.

E quanto aos jogos de matraquilhos e monopólio, uma verdadeira delícia. No monopólio pregámos um impensável capote à concorrência. Já nos matraquilhos, obviamente que estou de acordo com ele...

Há dinheiro, jogadores e treinador para fazer o pleno!...

Leoninamente,
Até à próxima

6 comentários:

  1. Um sportinguista que nos dá sempre uma imagem clara da realidade e de bom senso, no que diz respeito ao nosso clube. Assim, apenas tenho que agradecer ao nosso amigo Álamo, responsável por este magnifico blogue, por trazer à luz do dia, tais preciosidades, para quem se recusa a ler o "Rascord" e outras "Burlas" também, tal como o "Nojo".

    ResponderEliminar
  2. Delícia"""" é a palavra...

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar
  3. Que azia vai por aí! O Antero deixou o Porco; eo Anteros, na mitologia grega, era o deus do desamor... Que quererá isto predizer? Oráculo de Delfos que o diga. Mas, eu imerso na minha superstição, parece-me que os astros combinaram uma nova ordem no desporto luso.

    ResponderEliminar
  4. Bom dia Caro Álamo

    Em primeiro lugar queria pedir desculpas por qualquer comentário mais "bruto" que eu lhe tenha dirigido no passado, apesar de, se a memória não me falha, nunca ter faltado ao respeito ao caríssimo Álamo.

    podemos ter opiniões diferentes mas isso não implica falar de maneira agressiva, daqui a minha mea culpa prometendo não voltar a fazê-lo por mais discordante que seja sobre alguma opinião sua.


    em segundo lugar, só na cabeça de um voucherista, é que é o fim do mundo saldar o passivo.


    nem que dos 70 milhões recebido pelo Sporting, 50 milhões fossem para abater divida seria sempre ganho, esquecem-se que se o passivo ficar a 0 ou pelo menos mais perto disso, que no futuro todo e qualquer cêntimo vai direitinho para o Sporting.

    os voucheristas estão mal habituados, querem lá saber do passivo, querem é gastar, afinal de contas não lhes sai do bolso, logo, até podem ter essa legitimidade e quem se devia preocupar com isso, esta mais preocupado em colocar as pessoas certas nos lugar certos na liga.

    mas uma coisa tenho a certeza, quando começarem a ver que o passivo do Sporting esta a reduzir drasticamente(e o nosso é bem menor que o do frutas e vouchers) será ai que os voucheristas vão acordar e cobrar ao "midas dos pneus" o mesmo que o Sporting fez.

    foi assim com a formação.

    será assim com os dinheiros do passivo.


    com os meus melhores cumprimentos e um forte abraço


    SL

    ResponderEliminar
  5. É como diz o Daniel Oliveira "...Mesmo que fosse verdade, abater dívida é ganho ..."
    E será bom não esquecermos que só quando tivermos as contas todas em dia...poderemos respirar livremente...!
    Só peço que se continue assim...!
    Nos meus muitos anos de vida e de sportinguista (que se confundem...), nunca estive "tão sossegado" quanto agora...
    Agora apenas há que "continuar a ser-se equilibrado" e esperar pelas vitórias...que não tardarão...!

    "Só nos faltou mesmo...comprar os árbitros", mas isso seria "destruir" o ADN sportinguista...
    Nós não queremos "favores" dos árbitros, apenas queremos que arbitem...e o façam o melhor possível...!!

    Sporting Sempre...!!

    Eu acredito...!!

    E por isso...:

    Eu quero o Sporting Campeão...!!

    SL

    ResponderEliminar
  6. E obviamente que, lá do outro lado da rua, já se prepara uma venda à la 15 por 25 (para um encaixe de 4,35...) para fazer parecer que, afinal, o bom... bom... está sempre na porta 18...

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE