segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Agora bem que poderão alguns colocar as mãos na cabeça!...


Adrien Sébastien Perruchet da Silva, muito particularmente depois da chegada de Jorge Jesus a Alvalade, será, hoje por hoje, o grande capitão que há muito faltava ao Sporting para que o conjunto leonino saltasse para o derradeiro patamar  que distingue e estabelece a diferença entre as grandes equipas e aquelas que apenas ficam pelo sonho de o vir a ser.

Em boa hora o Sporting colocou um ponto final em todas as inclassificáveis campanhas especulativas de que se servem todos aqueles que não são capazes de provar a sua superioridade dentro das quatro linhas, acerca da sua renovação: mais quatro - ou cinco! - épocas ficará em Alvalade o grande capitão leonino, aumentando a sua cláusula de rescisão para 45 milhões. (LINK)

Agora bem que poderão alguns colocar as mãos na cabeça!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Não me esqueço do que se disse (do que EU disse) aquando da novela Adrien há uns anos atrás... Ora aqui está a melhor forma de nos (ME) calar... mostrar com a verde-e-branca que estávamos (ESTAVA) errado... acerca, designadamente da sua idoneidade...

    Nunca entrei em hipocrisias... Digo o que penso, quando penso e de acordo com a minha cabecinha... e na altura fi-lo com o discernimento de quem, acima de tudo, ama o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL... e o quer ver sempre amado e acima de tudo RESPEITADO...

    Ora, passados esses tempos não me "caiem os parentes na lama" por concordar com a afirmação de Adrien Sébastien Perruchet da Silva "«É» hoje por hoje, o grande capitão que há muito faltava ao Sporting" (a GARRA, a ENVOLVÊNCIA, a CRENÇA, a DETERMINAÇÃO...)

    Foi, "É", também, uma lição para todos nós...

    FORÇA CAPITÃO...

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE