segunda-feira, 18 de julho de 2016

Mais valia terem ficado por Alcochete!...


Falta o guardião salvador de ambas as nossas pátrias! Falta o tampão e a propulsão do "falso lento", cujo fino bigode vale mais que a mais elevada das cláusulas de rescisão! Falta a voz de comando, incentivo e motor do capitão da nossa esperança! Faltam o talento e os pés de veludo do "abre-latas" de todo o nosso orgulho e vaidade!...

E o Sporting continua a arrastar-se por terras helvéticas, sem identidade, sem personalidade, sem nervo, sem garra, sem ambição, sem compromisso, sem esforço, sem dedicação, sem devoção e sem glória!...

Dizem os "experts" e os "inteligentes" que as pré-épocas foram inventadas para serem mesmo assim! Eu gosto mais de um bem assado e genuíno leitão á moda da Bairrada, ou de uma divinal vitela à Lafões, ou até de um cabritinho grelhado nas brasas de vides do Martelo em Silgueiros, do que dos mais sofisticados "gourmets" ou de qualquer nova vaga de sushi com prémios "michelin"!... 

Mais uma vez o céu deixou de ser limite para roçarmos o inferno da humilhação e o absurdo parece ter-se instalado no seio de um amálgama muito difícil de definir e classificar numa qualquer equipa de futebol.

Uma triste figura a do Sporting neste estágio!... 

Mais valia terem ficado por Alcochete!...

Leoninamente,
Até à próxima

5 comentários:

  1. Lembro me bem de, na pre epoca, o nosso SCP ter ganho 2-1 frente ao Real Madrid.

    Não como longe, essa época.

    Até ao jogo de apresentação, não espero nada de vós. Treinem, mostrem-se, aprendam.

    Só conta quando começar a doer!

    ResponderEliminar
  2. Deus ex machina...
    Fizemos 4 (quatro!) jogos em 5 dias e, nos "intervalos", treinos intensos, ao que dizem as crónicas... Andam ali jogadores que parecem pedir uma cama sempre que fazem um sprint de 15 (!) metros e quando o cansaço comanda o corpo, a cabeça não funciona; e quando a cabeça deixa de funcionar, no corpo tudo falha.
    Daqui por 5 dias, falamos.

    Não tenho ideia de alguma vez uma equipa portuguesa ter uma pré-época com este grau de exigência que JJ entendeu escolher- 3 jogos, em 5 dias, contra equipas de Champions e em estágio superior de preparação!
    O normal é começar com equipas da 3ª, depois 2ª, até chegar aos confrontos mais complicados, se possível com equipas "menos preparadas".
    Quando as coisas começarem "a sério", logo poderemos avaliar a qualidade das opções de JJ. Até lá, paciência e muita Rennie, que situações como as de hoje, "aleijam". E de que maneira, porra! (como diria o Sousa Cintra)

    ResponderEliminar
  3. Eu ainda não dá para me enervar! Não me admiraria nada que JJ tivesse pedido ao árbitro para agir "à la Capela" pois essa é uma das realidades que vamos, outra vez, ter de enfrentar! Mas com Capela, se bem me lembro, marcámos alguns golos! Até a Dona Helena confessou que a arbitragem, também, foi um desastre!
    Não nos devemos esquecer que nos faltam os 4 melhores como bem referido no post! E, por falar dos 4 melhores, já seria tempo que aqueles ou aquelas que são pagos para narrar um desafio de futebol, aprendessem a pronunciar o nome dos jogadores. O Adrien nasceu em França e o seu nome deveria ser pronunciado como se tivesse um acento agudo sobra o "e" mas nunca sobre o "i". Com acento sobre o segundo "i" deveria pronunciar-se o nome de Slimani e Cocu também merecia um acento virtual sobre o "u"! Não se trata de preciosidades inúteis mas sim uma forma de respeito para com as pessoas. Penso eu de que...

    ResponderEliminar
  4. o treino ficou mais dificil com 10 e com uma grande penalidade evidente.

    1 hora sem muitas possibilidades discutir o resultado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Peaners" ! Entendo que não teríamos hipótese de discutir o resultado, tal é o abismo físico que separa as equipas, neste momento.
      Mesmo os guarda-redes parecem pertencer aos distritais- só hoje, tivemos um peru e um frango- mas o cansaço rouba reflexos, tempo de reacção, agilidade...
      Há que dar tempo ao tempo, meu caro.

      Eliminar

PUBLICIDADE