sexta-feira, 20 de maio de 2016

Os horizontes não serão tão curtos quanto se possa pensar!...


BRUNO & JESUS

«Não se festeja um segundo lugar. Pelo menos o Sporting, o Benfica e o Porto, pelo seu estatuto, dimensão e condições competitivas, não o devem fazer. Por isso, irritou-me ver a festa em Alvalade. Uma coisa é saber reconhecer o bom trabalho, outra é contentar-se em ser primeiro dos últimos. Dito isto, é evidente para toda a gente que o Sporting fez uma grande época. É claro que o Benfica era um justo candidato ao título. E sendo justo candidato, teve a sorte e o engenho de lá ter chegado. Ganhando, por exemplo, ao Sporting em Alvalade. A conversa do ‘colinho’, nestas alturas, mobiliza-me pouco. Mas também me parece objectivo dizer que o Sporting foi, regra geral, a melhor equipa em campo.

Sem retirar mérito aos jogadores, foi a estratégia de Bruno de Carvalho e a táctica de Jorge Jesus, numa dupla improvável a que todos vaticinavam vida curta, que conseguiu uma extraordinária evolução na equipa. O estilo dos dois homens é, do ponto de vista das relações públicas do clube, explosivo. E não tenho qualquer ilusão: Jorge Jesus tem um caminho exclusivamente centrado nos seus interesses e os seus dias no Sporting estão contados. Mas neste momento a saída de Jesus seria um enorme golpe para o Sporting. A separação só pode acontecer depois de o Sporting cumprir o objectivo de vencer o campeonato. Aí, Jesus estará em condições psicológicas para outros voos e o Sporting em condições para entrar numa nova fase. Agora, Jesus precisa do Sporting para provar que consegue repetir a glória fora do Benfica – o Porto, no estado em que está, não seria a escolha mais segura. E Bruno de Carvalho precisa de Jesus para, arrumada a casa, mostrar que todas as suas guerras serviram para alguma coisa.»

Será das poucas vezes em que discordo da fina racionalidade caldeada com a inevitável e conhecida paixão leonina, que Daniel Oliveira costuma exibir nas suas crónicas "Verde na Bola".

No meu modesto entender, creio que lhe terá falhado uma pequena mas bem longe de insignificante nuance na sua arquitectura: a serem tão lineares e circunstanciais, como tão convictamente defende, as razões que terão contribuído para que Jorge Jesus e Bruno de Carvalho continuassem de "cântaro e pucarinho", porque razão então um propôs e o outro aceitou a renovação por mais um ano para além dos dois ainda vincendos, porque contratualmente estabelecidos já lá vai quase um ano?!...

Julgo que algo não estará conforme ao edifício construído por DO! Então dois anos não seriam suficientes para Jesus "repetir a glória fora do Benfica" e para Bruno ver "arrumada a casa e mostrar que todas as suas guerras serviram para alguma coisa"?! Porquê somar então mais um ano?! Julgo que "não bate a bota com a perdigota" e muito provavelmente...

Os horizontes não serão tão curtos quanto se possa pensar!...

Leoninamente,
Até à próxima

19 comentários:

  1. Sim e não. Sim porque parece haver forte compromisso das partes, não porque a racionalidade no "mundo dos futebóis" é pouco mais que uma batata. O que é verdade hoje... Vamos ver e esperar que tudo corra pelo melhor.

    Luís Simões

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com o caro Luís Simões eu estarei facilmente de acordo...

      Eliminar
    2. Luis Simões

      A irracionalidade tem a ver única e exclusivamente com o jogo, porque é um "jogo"... sortes, colinhos, apreciações subjectivas... porque objectivamente futebol é um negócio acima de tudo, do mais sujo que pode haver

      Fds!... tou farto de tanto conversa da treta sobre este assunto.. Ok! JJ não, então quem, quem é que podia ser melhor?

      Onde é que está a irracionalidade da escolha, ou deste prorrogar de contrato, manobra simplesmente para abafar merdoverbosidade alheias?

      Eliminar
  2. Se Jorge Jesus cumprir o contrato todo de 3 anos que ainda faltam cumprir isso é sinal que as coisas correram bem e o Sporting solidificou o seu Projeto Futebolístico e tem excelentes bases para vencer no Futuro a Médio e Longo Prazo, tomara eu que ele fique no Sporting durante muitos anos é sinal que Ele e o Clube terão muito Sucesso

    ResponderEliminar
  3. Tirando a questão da 'comemoração do segundo lugar', ainda que não tenha sido nada disso que se foi comemorar a Alvalade (muito longe disso...) penso que este comentário de DO é, em si mesmo, um 'tiro no pé'... ou não fosse ele um proeminente e leonino 'opinion maker'...

    Há dias assim..., menos felizes...

    p.s comunicação é o que fizeram hoje (ontem) os Xutos no Rock in Rio... Ciêntifico (parecem pormenores... mas não são...) Pena, raramente ver o mesmo... com as nossas cores...

    SAUDAÇŌES LEONINAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho que o que os sportinguistas foram fazer a Alvalade não foi comemorar o segundo lugar! Completamente redutor. Haverá dias assim... menos felizes...

      Eliminar
    2. O Daniel Oliveira comprou o que os lampiões lhe venderam.

      Se se estava a festejar o 2º lugar, porque não o ter feito quando este ficou garantido, 3 ou 4 jornadas antes?
      Alguma vez os adeptos do Sporting, acabadinhos de sofrer o desgosto de perder o campeonato para uma equipa miserável, estariam na disposição de ir festejar... um 2º lugar?!

      Caiu, também ele, no batido cliché: "É claro que o Benfica era um justo candidato ao título. E sendo justo candidato, teve a sorte e o engenho de lá ter chegado. Ganhando, por exemplo, ao Sporting em Alvalade. A conversa do ‘colinho’, nestas alturas, mobiliza-me pouco"
      Não é por ter ganho o título que este é justo; ganhar ao Sporting em Alvalade (e ainda menos da forma aleatória e cobarde como o fez) não faz dela um justo vencedor do campeonato; a conversa do 'colinho' mobiliza-o quando?

      Realmente também gosto de ler e ouvir Daniel Oliveira - embora eu seja totalmente oposto ao seu ideário político. Desta vez saiu tudo furado...

      Eliminar
  4. E qdo lês um texto racional sobre o teu próprio clube n és capaz de concordar c ele. Faz sentido.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Talvez porque nem sou galinha nem carneiro!...

      Eliminar
  5. Porque razao? Porque Jesus teve um aumento de 30% no ordenado. Porque nunca se renova sem contrapartidas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sob a capa do anonimato consegue-se dizer que o Sol gira em torno da Terra! Com o nome aqui "escarrapachado" se calhar o aumento seria ZERO! Sempre haverá "gajos" assim!...

      Eliminar
    2. O treinador campeão não precisa de aumentos de 30%, já que ninguém o cobiça. Porque será?

      Eliminar
    3. O Sr acredita mesmo que JJ renovou contrato, acrescentando um ano de duração ao anterior contrato, sem contrapartidas??? Jesus (the real one) disse: "Felizes dos que acreditam sem ver". Mas não tanto.....

      Eliminar
  6. Pois logo que comecei a ler o texto do DO fui pensando...:Naahh...desta vez o DO acertou ao lado...: Também eu como o amigo Álamo e a maioria dos sportinguistas "viram" naquele acto dos adeptos sportinguistas, "um agradecimento" pelo esforço, pelo trabalho digno que todos aqueles profissionais fizeram até ao último segundo deste campeonato da Liga (Como eu teria gostado de poder lá estar para lhes dizer como me senti orgulhoso da sua atitude de Leões ao longo da época...)...

    Só por absoluta falta daquilo que sobrou ao benfas "a sorte" eles não foram campeões e com eles todos nós...

    Desta vez o DO "acertou ao lado" e não só na sua primeira ideia, como o mesmo aconteceu também na segunda...: não me parece (nunca me pareceu...pese embora todo o "esforço" da CS lampiónica) que JJ alguma vez tivesse dado mostras de querer "abandonar o barco" e rumar ao porco...

    Um dia isso acontecerá (o homem tem o direito de querer fazer história, como o unico campeão nos três grandes Clubes...), mas primeiro irá fazer história no Sporting...!

    Desta vez (há dias assim...) o nosso DO não cuidou de regular a mira e acertou fora do alvo...!

    SL

    ResponderEliminar
  7. Esta é a fase da época mais parecida com uma pintura abstrata. Sem definições cada um vê quase o que quer. Ainda uns fazem o balanço e já outros projectam o amanhã. A confusão é grande. Jogadores: quem fica e quem sai ? Para mim muito decisiva esta questão, tanto ou mais que a do treinador. Mais importante ainda é ver estas questões resolvidas com a maior serenidade no recato dos gabinetes e o mais longe possível dos jornaleiros.

    Luís Simões

    ResponderEliminar
  8. Visão racional sobre o vosso clube de Daniel Oliveira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que te agrada, retoma a falacia que o SCP (que fez 86 pontos) perdeu por culpa própria e o sport Vouchers clube ganhou justamente.

      Eliminar
  9. Para jornalista é um pouco curto de vistas.

    Ou então não devia falar de futebol.
    Porque não percebe um cu.
    Qualquer pessoa, não lampião, que entenda de bola, ficará, no mínimo com a pulga a saltitar.

    Esta equipa do carnide Vouchers clube pulverizou o recorde de 86 pontos!!
    Eh carago!!
    Ninguém estranha ?!
    Ca não. La fora, em Itália e França já se começa a perceber.

    Falei na Europa... la vem a falacia dos quartos de final...
    Exacto, mais uma vez, percebendo um pouco de futebol, o carnide só fez o mínimo (um grupo de caca, um zenith sem competição e dos piores da década e perde com bayern o que seria de esperar).
    E não podemos esquecer que o carnide Vouchers clube dispôs a seu bel prazer do calendario, para ter tempo para recuperar.
    Essa mesma falacia europeia serve para dizer que o SCP "cagou " na outras competições.
    Mais um vez, basta ver e não apenas olhar.
    Taça de Portugal, empurrados por um golo mal anulado ao SCP e um dos golos do Braga ferido de verdade desportiva.
    Na champions fomos igualmente empurrados pelo árbitro.
    Aos lampiões que me chamem calimero, pensem um bocadinho, olhem. Para dentro e fiquem com estas duas palavras:
    Se vilha :)

    Quanto à liga Europa.
    Passamos o grupo, o mínimo exigido.
    Caimos aos pés do bayer.
    Penso que temos equipa para lhes ganhar 2 em cada 3 vezes. Mas houve aí sim, claramente uma opção pelo campeonato e eu concordo.

    Justo vencedor ?!
    Bem sei que no futebol, a justiça é relativa.
    Mas se nos restringirmos ao rectângulo sabemos o que é justo ou não.
    Justo campeão ?
    Dentro de campo não.
    Uma Equipa que ganha 1 jogo em 4 com os outros dois grandes, jogo esse ganho a jogar à Tondela.
    Que ganhou a um Braga amigo, em serviços mínimos (britalar!).
    De resto "clilindrou" por esses campos fora...
    Foi este o campeão, o que fez 88 pontos.
    Justo ?! Não sei.
    Uma coisa sei, este campeonato ficou muito caro ao ti vieira.
    Muito lucro do pó de talco se perdeu em malas!.
    Mas pronto. Papel cumprido.
    Vieira prova que quem ganha é a estrutura.
    Já pode relaxar.

    Já estara a ser preparado o carvão para a próxima época:
    O carnide vai continuar a desinvestir, e o SCP perde a cabeça o jesus foi aumentado sem ganhar nada... bla bla

    Isto serve de prólogo à recepção da equipa.
    Os adeptos foram receber a equipa que ganhou 9! 9! Jogos seguidos.
    A equipa que sabem que fez 86 pontos justos, conquistados com esforço e dedicação.
    Por isso mereceram a nossa devocao.
    Por isso mereciam a glória.
    Foi isso a recepção em Alvalade. Não foi celebrar segundos lugares.
    Foi agradecer devolverem o orgulho ao Jersey listado, foi agradecer o esforço.
    Apenas e só isso.
    Tal como a recepção após o marítimo foi agradecer mostrando apoio.
    Tal como foi a recepção em casa contra o carnide.
    Foi uma recepção de agradecimento e confiança. Confundem isso com basofia.
    Se basofia é isto, então que tenhamos basofia todas as semanas, significará que teremos no relvado esforço, Bom futebol e comunhão com as bancadas.


    E pronto, é isto.
    Ao senhor Daniel aconselharia, falar apenas de coisas que entende.
    Bem, pela amostra, se calhar nem devia fala de nada.
    Terá palas incompatíveis com a profissão ou tem medo, o qu também não é compatível com jornalismo.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE