domingo, 15 de maio de 2016

Até dá vontade de chorar!...



A LIGA QUE NINGUÉM MERECE PERDER

«A tarde era para discutir Europa e permanência na Liga e subidas e descidas na 2.ª Liga. Seria de festa para uns e tristeza para outros, mas infelizmente acabou por ser de vergonha para todos. A operação ‘Jogo Duplo’ levada a cabo pela Polícia Judiciária ensombra e de que maneira um dia que devia ser de orgulho para todos os que gostam de futebol. Esta mancha já não sai.
Temos todos a noção de que o país atravessa uma fase difícil e que a corrupção parece instalada em vários sectores da sociedade portuguesa. Se quem nos governa dá os tristes exemplos que hoje conhecemos, impossível esperar melhor de quem tem mais dificuldades. Isso não explica a cedência à ilegalidade. Mas é essa a origem. Que a PJ não tenha contemplações e limpe o futebol de todos aqueles que não sabem fazer do jogo algo de que nos orgulhemos. Passámos a época a viver guerras de pacotilha protagonizadas por intérpretes que não sabem olhar para o futuro sem remoer o passado. Mas corrupção é demais. Queremos acreditar no que vemos nos relvados deste país.

Hoje joga-se o título. A Liga que ninguém merece perder. Benfica e Sporting, aconteça o que acontecer, fizeram um belíssimo campeonato que só um pode ganhar. Os encarnados serão justos campeões porque fizeram uma recuperação fabulosa e em ano de transição conseguem conquistar o tri. Os leões praticam o melhor futebol e com menos meios do que os dois rivais. No ano de estreia de Jesus justificam o prémio. 

Ontem já levámos com a corrupção nas ventas. Que hoje saibamos desfrutar de Gaitán, João Mário, Jonas ou Slimani. Que nos deliciem as jogadas tácticas de Vitória, a nota artística de Jesus. Já agora que Hugo Miguel e Nuno Almeida façam parte da festa com exibições à altura. Tentemos glorificar os vencedores e respeitar os vencidos, por impossível que pareça. Mas é.»
(Bernardo Ribeiro, Entrada em Campo, in Record)


Deve ter sido o Farelo que lhe disse para o Bernardo nos convidar para nos deliciarmos com "as jogadas tácticas de Vitória" e ele, zás, convidou mesmo!...

Pobre Bernardo, já nem te dás conta do que escreves! Até pedes para Nuno Almeida "fazer amanhã parte da festa"! Foi o Farelo que te sugeriu isso?! Pois não podia ser de outro modo e o respeitinho é muito lindo: há que ajudar à "festa do Farelo"!...

E estamos assim, enquanto António Magalhães prepara a crónica da "celebração do Marquês" e o Bernardo Ribeiro vai fazendo p'la vida, o jornal Record vai caminhando "alegre e gloriosamente" para o precipício. Qualquer dia apenas os benfas o hão-de comprar!...

Ai Record, Record, quem te viu nascer e olha para ti hoje...

Até dá vontade de chorar!...

Leoninamente,
Até à próxima 

6 comentários:

  1. Não imagino que algum Sportinguista gaste dinheiro na merd@ dos jornais desportivos que temos. Por mim os lampiões que os comprem porque é para eles que os jornais trabalham. Eu nem quer chamar jornais porque na verdade não há nenhum jornalismo.

    JRamos

    ResponderEliminar
  2. Aqui até se consegue transformar um artigo bem moderado e imparcial em algo mau... Onde vai a obsessão em falar mal do rival. Se alguém não fala mal é porque está comprado, avençado ou similar. Pelo menos este blog merece o presidente que tem...

    ResponderEliminar
  3. Que otário esse. Onde é que o Benfica merece ganhar o que seja, a näo ser uma ida para as distritais?

    ResponderEliminar
  4. Muito bom post. UM GRANDE ABRAÇO. CONTINUA.

    ResponderEliminar
  5. Amigo Álamo, para mim BR a partir do momento, em que entrou em rota de colisão com FC ficou apresentado, por isso o que tenho a dizer sobre este post dele (BR) é só isto: "Mais um que entrou para a quadrilha dos vendilhões do templo"....

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE