segunda-feira, 30 de maio de 2016

Nem o pai vem nem a gente almoça!...




Tenho a convicção quase plena de que nem Bruno de Carvalho e muito menos Jorge Jesus serão da família da nossa amiga aqui de cima!...

A julgar pelo "andar da carruagem", deve estar agendada uma tão séria quão profunda "arrumação", lá para as bandas da Academia!...

Todos nós teremos em nossa casa, em lugar recôndito, aquilo a que eu costumo chamar cá em casa, de "depósito geral de adidos", que será assim a modos que um lugar onde a gente põe o que não tem qualquer valor ou utilidade, mas que um dia poderá vir a ser preciso. E então é um fartar vilanagem, raro será o dia em que não acrescentamos mais qualquer coisa inútil, com pena de a despacharmos para o contentor camarário. E quando um dia damos conta, aquilo está tão cheio de tralha e coisas sem valor, que já lá não cabe mais nada. 

Há longo tempo que, com o devido respeito pelas coisas inuteis, se radicalizou em mim a ideia de que o Sporting terá na Academia um "depósito geral de adidos"! E mais não digo, pelo receio, quase certeza, das maldições e pragas que sobre mim recairiam, nomeadamente de muitos sportinguistas, se porventura me atrevesse a "chamar os bois pelos nomes"!...

Eu tenho muito respeito, carinho e até, digamos, ternura por muita gente que entra para a Academia ainda sem buço e passados uns anos, já de barba cerrada, se entende por pronta a entrar no mercado de trabalho. Mas convenhamos que nem todos, ou mesmo muito poucos, serão Figos, Ronaldos, Patrícios, Adriens, Joões Mários e até Rúbens Semedos e Gelsons Martins. E então, por falta de coragem de alguém - dirigentes, treinadores, "and so on"! - lá vão para o "depósito geral de adidos". E andamos nisto há anos! Longos e "onerosos" anos! E um Clube da dimensão do Sporting e altamente profissionalizado, se optar por uma gestão de excelência, não pode dar-se a "luxos" destes!...

O "expediente" dos empréstimos, eu até serei capaz de compreender.  Já fui à feira comprar pintaínhos enfezados que resultaram mais tarde em excelentes galos para abate e produtivas galinhas poedeiras. Mas alguns continuaram sempre enfezados e acabaram por morrer. Era o seu destino e não haverá nada a fazer. A vendedeira jamais aceitaria que os devolvesse. Mas o Sporting aceita as devoluções e zás, "depósito geral de adidos"! Que um dia fica tão cheio e simultaneamente tão vazio de rentabilidade que é uma dor d'alma...

Dá-me ideia que o Presidente, o Treinador e até o Director Geral do Futebol, andarão a "arrumar a casa"! Pois que não lhes falte a coragem! Caso contrário... 

Nem o pai vem nem a gente almoça!...

Leoninamente,
Até à próxima

3 comentários:

  1. fazem falta jogadores experientes na equipa b para os resultados não se inclinarem e com isso se desmotivar os mais jovens.

    temos alguns maus negócios que não conseguimos desfazer e esses são a prioridade. Quem é que quer o labyad se o jogador não faz o minimo esforço pra jogar?

    ResponderEliminar
  2. Caríssimo Álamo:

    Desculpe a ausência, que não de leitura, mas de tempo para comentar.
    Já leu esta treta?
    http://www.record.xl.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/detalhe/benfica-e-12-na-europa-em-media-de-espectadores.html

    Mas estes tipos não veem que as pessoas também veem televisão?
    Isto é o reescrever estalinista da história no seu melhor. Mudam-se datas, de nascimento do Clube e de jogadores, muda-se número de títulos, retiram-se figuras da história da instituição, e agora, diz-se que foi superior a 50.000 a assistência a jogos, quando se via na tv, entre Outubro e Janeiro, o estádio com 20.000 espectadores, e isso mesmo era referido na locução?
    Uma personalidade muito famosa da História da América, o Procurador da Marinha dos Estados Unidos, o Dr. Joe Welsh ficou muito conhecido quando, já no final da sua carreira, fez um famoso depoimento na Comissão de Actividades Antiamericanas, perante o desagradável Senador McCarthy.
    Esse depoimento teve por base, o principal ajudante do Procurador ter ele próprio sido acusado pelo Sr. McCarthy.
    O depoimento termina com duas frases que são muito famosas nos Estados Unidos e que aqui recupero, pedindo desculpa pela "seca" que lhe estou a dar:
    "Have you no decency, after all, Sir? Have you lost all sense of decency?"
    Poucas semanas depois, McCarthy era destituído e passou ao rodapé da história. Mas, é claro, falamos dos Estados Unidos, aquele país que recentemente limpou a FIFA...

    Um Abraço Leonino,

    José Lopes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caríssimo José Lopes, e quem neste pobre país teria estatuto e coragem para imitar Joe Welsh?! Ou terá esquecido por momentos, que António Aleixo já nos deixou há quase sete décadas? Tão actual meu amigo:

      Sei que pareço um ladrão,
      Mas há muitos que eu conheço,
      Que não parecendo o que são,
      São aquilo que eu pareço!

      Um grande e leonino abraço.

      Eliminar

PUBLICIDADE