terça-feira, 10 de maio de 2016

E depois se verá como vai evoluir a "máquina infernal"!...


"A Sporting Clube de Portugal, Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o Sunderland AFC e com o atleta Sebastián Coates para prolongar o empréstimo até final da época 2016/2017. A Sporting SAD deseja as maiores felicidades profissionais e pessoais a Sebastián Coates".
(in site oficial do Sporting)

Embora Jorge Jesus tenha trabalhado desde o início da época com o plantel que o Sporting foi capaz de lhe colocar à disposição, sempre se lhe notou nas entrelinhas do discurso que, em termos de defesa,  não navegava em águas que lhe dessem a confiança que sempre exigiu ao sector, de forma a partir, com a rectaguarda segura, para a avalanche ofensiva que será a sua paixão maior no futebol que concebe.

No mercado de Inverno viu serem atendidas as suas queixas. De uma assentada chegaram quatro reforços que... quase pegaram de estaca! Com episódicas nuances, assistimos neste final de época à inquestionável titularidade de Ezequiel Schelotto, Sebastian Coates, Ruben Semedo e Marvin Zeegelaar e... o que vimos como consequência?! Exactamente a tal "avalanche ofensiva" que, à medida que as ideias do técnico vão sendo assimiladas, se vem paulatinamente transformando naquela "máquina infernal" que já vimos exibir-se em Alvalade contra o Vitória de Setúbal.

Naturalmente que a JJ, nem lhe passará pela cabeça abdicar de qualquer elemento de uma defesa que lhe permitirá na próxima época, potenciar desde o início o futebol da sua preferência. A dúvida situar-se-ia apenas em Sebastian Coates, exactamente o único chegado a Alvalade na condição de empréstimo, salvaguardada por cláusulas que agora permitiram ao Sporting o seu prolongamento por mais um ano, para então se abalançar com mais segurança e saúde financeira, ao exercício de uma cláusula de opção definitiva de 5 milhões de euros. Julgo que terá sido tudo muito bem pensado e nem o "facebook" terá constituído obstáculo de tergiversação...

Julgo também que qualquer saída que venha a verficar-se, quer na linha média, quer na frente atacante, já estará devidamente acautelada neste momento, sem necessidade de estar à espera das vicissitudes do mercado. Lukas Spalvis, Alan Ruiz, Gelson Dala, Iuri Medeiros e João Palhinha, iniciarão para já a pré-época com Jorge Jesus...

E depois se verá como vai evoluir a "máquina infernal"!...

Leoninamente, 
Até à próxima

3 comentários:

  1. Boa notícia...

    Está a começar bem esta época...!!!

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar
  2. Faltará aí o Barcos, ainda que ele tenha vindo "talvez para ver o que dá".
    Quantos aos outros, Coates e Semedo pegaram de estaca, sem dúvida e, em minha opinião, a qualidade e experiência do uruguaio estão a influenciar decisivamente a sensacional evolução de Semedo. E sobre Semedo, fico com pena que não faça a pré-época ao lado de Coates.

    Já agora, acrescento que, até à chegada de Coates, a média de golos sofridos era de 1,08/jogo; com Coates, sem Semedo, desceu para 0,62 (!)) e com Semedo (12 ocasiões), baixou para...0,58/jogo! Notável, em minha opinião. (Dados recolhidos no Zerozero, em http://www.zerozero.pt/news.php?id=174645

    Quanto a Schelotto e, especialmente, Marvin, a adaptação está a ser mais difícil, embora a experiência do italiano comece a deixar antever a sua qualidade- é esperar para ver o que JJ fará deles com a pré-época.

    O que me doi (mas não muito, confesso) é que Coates/Semedo encostou P.Oliveira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Liondamaia, eu não citei Barcos porque estava a referir-me apenas à defesa.
      Quanto ao comentário do meu amigo, ele merece a minha anuência e o meu obigado pelo precioso complemento estatístico.

      SL

      Eliminar

PUBLICIDADE