quarta-feira, 18 de maio de 2016

É com esta gente que tenho de caminhar...


É com esta gente que tenho de caminhar...

«Os adeptos foram inconfundíveis e fantásticos. O Sporting só perdeu dois jogos e eles foram um reforço para a equipa. Os jogadores sabem que os adeptos acreditam neles e que vão até ao fim. Só um grande clube consegue meter tantos adeptos em Braga como o Sporting. Depois, a recepção em Alvalade mexeu muito comigo, até em relação a algumas ideias que poderia ter. É com esta gente que tenho de caminhar...»
(Jorge Jesus à SportingTV, in A Bola)



Leoninamente,
Até à próxima

4 comentários:

  1. OH Jorge... Tu sabes que eu..., não fui propriamente contra a tua contratação, mas refreei um pouco os ânimos, os meus, e os daqueles que te achavam "a última coca-cola do deserto"... Sempre te achei competente, um excelso condutor de homens (e isso faz muitas vezes, para não dizer sempre, a diferença - particularmente nesta era de milhões em corpo de genes aos saltos) mas nunca te endeusei ao ponto de dizer... "Agora ninguém nos pára..." "Tá ganho..." etc... etc... etc.. Até parece que sou adivinho, não é...??? Sabes tão bem como eu que não... de adivinho não tenho nada... foi apenas uma premonição pessimista baseada em fatos reais... mas adiante que isso já passou... (quase...!!!)

    Sempre professei, e continuo a professar, que nenhuma individualidade ganha, 'de per si', o que quer que seja..., e na tão batida discussão acerca dos méritos de quem ganha, ou ganhou..., sempre disse, e continuo a dizer, que as estruturas ganharão, sempre, em confronto direto com este ou com aquele...

    Mas deixa que te diga, e já te disse ao longo deste ano, que me convenceste... até tecnicamente (como se eu fosse algum expert na matéria), não esqueço o limpinho, limpinho (e sei que tu também não... especialmente agora que estás cá deste lado - já percebeste o que queríamos dizer naquela altura não é?!?!)

    Mas deixa-me dizer-te... tens aqui, na minha pessoa, um peão para as tuas batalhas... ou não fosse esta, agora, a NOSSA guerra... e vou endereçar aos setes ventos um desejo que me passou várias vezes na cabeça ao longo dos últimos meses... Já que "regressaste's'" a casa... não queres cá ficar mais uns tempos...???

    Citando-te... "...a recepção em Alvalade mexeu muito comigo, até em relação a algumas ideias que poderia ter..." deixa-me descortinar à maneira que eu queria que fosse, e acredito que seja - mais ou menos... (contrária a algumas versões, menos abonatórias, que já vejo por ai... como se fosse uma surpresa)...

    _Eu sportinguista do coração... percebi agora o quanto este clube é importante para mim... já cheio da guita... não preciso de contratos pelo dinheiro... preciso de projetos e de emoções..., e nada melhor que fazer, definitivamente, meu este nosso caminho... Se antes o fiz, também, pelo meu querido pai... hoje na certeza de que me sinto em casa... sinto também, que me querem em casa... Então decidi (e está decidido...) que a minha carreira, o meu projeto profissional, será a continuação da reconstrução definitiva do SPORTING CLUBE DE PORTUGAL... enquanto o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL me quiser cá... Já não sou eu que decido o meu futuro... será sempre o SPORTING... O NOSSO SPORTING...!!! CAMINHAREMOS JUNTOS ATÉ AO FIM... CONTRA TUDO E CONTRA TODOS...!!!_

    Ah GANDA Jorge... (e se dissesses isto numa conferência de imprensa, com o BdC ao teu lado, à frente do pelotão de jornaleiros que temos por cá, acabávamos já com os próximos 10 anos de manchetes... Quiçá se alguns não fechariam já as portas...!!!)

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar
  2. Amigo ZE, isto não se faz a um "velho leão" como eu, já com as defesas da sensibilidade muito gastas e com um "depósito de água" por detrás das pestanas!...

    Caramba, eu também queria ouvir o JJ exactamente nas circunstâncias que tão magistralmente o meu amigo descreve. Mas já ficarei contente se o Bruno conseguir convencê-lo a renovar por mais dois ou três anos, mesmo tendo que lhe pagar aquilo que acertaram os dois há um ano...

    Já seria uma boa resposta aos energumenos que por aí andam "à jorna"!...

    SL

    ResponderEliminar
  3. Confesso que fiquei emocionada até às lágrimas com os comentários do Zé e do amigo Álamo, faço dos vossos tb os meus desejos, que JJ fique por muitos anos no nosso Sporting...

    SL

    ResponderEliminar
  4. Ai se eu soubesse escrever em portugués...
    Talvez que alguém dissesse que o ZE me plagiou...
    Assim sou eu a plagiá-lo! Ou a dizer, pelo menos, que não poderia estar mais de acordo. Pediría ao Jorge Jesus que nos confessasse como é que ele ganhou ao serviço do rival. Terá sido limpinho, limpinho?

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE