sábado, 7 de março de 2015

Terceiro lugar é fundamental para o Sporting!...


Por razões que com alguma dificuldade saberei explicar, mas que naturalmente terão a ver com a sua civilizada, isenta, equilibrada e lúcida capacidade de análise, Daúto Faquirá sempre foi alguém que gostei de ouvir.

Nesta condição, apreciei esta entrevista, concedida ao jornal Record, em que aborda o momento actual do Sporting e, sem fazer letra morta do passado mais ou menos próximo que a ele conduziu, projecta aquilo que lhe parece ser o cenário que de forma realista, deverá ser validado e interiorizado pelos adeptos sportinguistas.

Mas acabado o visionamento da entrevista, dei comigo a pensar na razões que levam um homem vertical, culto, exemplo de atributos cívicos e um técnico competente, sabedor e equilibrado, a estar no desemprego. Mas será que o futebol português atingiu tal estágio de êxito e prosperidade, que pode dispensar valores como Daúto Xaharmane Amade Faquirá?!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. "Um homem vertical, culto, exemplo de atributos cívicos"...o Amigo Álamo enumerou alguns atributos que podem estar na origem da situação de desemprego de Daúto Faquirá.
    A mim também resulta incompreensível, ainda que a situação profissional do treinador possa resultar de opção própria. Mas, digo-lhe, foi dos nomes que imaginei ver pela Academia...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Liondamaia, acredito, sem me esforçar muito, na sua primeira impressão!

      Quanto ao seu remate, foi na "mouche"! Já seremos dois! Ou porque pensa que publiquei este texto?! Sim, sem dúvida, "the right man in the right place"! Mas quem somos nós, meu amigo, para além de fervorosos adeptos sportinguistas?!...

      Abraço e SL

      Eliminar

PUBLICIDADE