sexta-feira, 6 de março de 2015

São sempre os mesmos soldados a marchar para a linha da frente!...


Como adepto sportinguista de sempre e sócio há longuíssimos anos, logo que reuni as condições necessárias para tal - coraria de vergonha no dia em tivesse quotas em atraso! -, julgo-me no pleno direito de estabelecer a minha hierarquia afectiva em relação ao plantel leonino, ontem hoje e sempre!

Já por aqui terei entreaberto a cortina sobre aquele que no plantel actual, coloco no topo e a quem entreguei a "minha" braçadeira de... CAPITÃO! O que nunca me impediu de lhe dirigir, sempre que o entendo justo, a minha crítica. Como aqui fiz! Embora me custasse muito que a razão vencesse o afecto! Mas não seria agora, que as minhas barbas encaneceram, que mudaria a minha forma de ser e de estar.

Ontem, roendo as unhas frente ao televisor, quando Lucas João colocou de novo o Nacional na frente, disse para mim: já fomos, sem capitão, o barco não aguenta! Não há ali ninguém que grite, que dê um berro, que empurre estes leões aos tremeliques, para a frente... E eu, que até nem terei um bom relacionamento com os deuses, em vez de uma qualquer prece a eles dirigida, fui acalmar a passarinha com mais um cigarro, deixando a porta entreaberta de modo a apreciar de longe as imagens...

Ainda o estupor do cigarro ia a meio e aparece Adrien no écran! O cigarro voou para longe - o meu Sporting podia tão bem ajudar-me a deixar de fumar! - e, fechada a porta, reparei na determinação do "meu" Capitão. E a minha inquietação desapareceu com a sua entrada. As minhas preces?! Não brinquem comigo! Os deuses têm mais que fazer que atender a futebóis! Apesar de, pouco depois, Miguel Lopes se colocar a jeito para a "banhoca antecipada"! Adrien acalmou o companheiro, não sei com que palavras, mas ele lá foi e, mesmo com 10, o "nosso barco" já tinha Capitão. De certeza que não iria ao fundo. E não foi mesmo...

Adrien trouxe equilíbrio àquele até então desgraçado meio-campo e confiança aos seus companheiros, que voltaram a acreditar! E dez minutos depois, até os pés de Slimani deixaram de ser tijolos e tabelaram a preceito com o "capitão" e ele lá foi, por ali fora, de bandeja na mão, entregando-a direitinha nos pés de Mané, que se limitou a fazer, apenas, aquilo que o seu "capitão" lhe ordenara! Com talento e muita classe, é certo! Mas o mais importante foi a ordem que Adrien lhe deu: toma pá, é tua, é golo! E foi golo! Um golo monumental!...

Mesmo jogando apenas 30 minutos (27+3), Adrien terá sido escolhido por diversos jornalistas, e talvez também por muitos adeptos, como o "homem do jogo", uma distinção absolutamente merecida. E não me venham azucrinar os ouvidos com as coincidências. Com a entrada de Adrien, todos pudemos assistir à melhor fase do Sporting! E não digo mais nada...

Está todo "roto" o Adrien! As consequências da intensa carga competitiva a que tem sido sujeito desde o início da época, começaram a vir à superfície desde há um mês a esta parte. Com os resultados que se conhecem. Porque me parece não ter havido por parte de Marco Silva, a ousadia de matar dois coelhos de uma só paulada: houve muitos jogos que deveria ter sido dado descanso a Adrien e proceder ao lançamento do "único puto da Academia" com as suas características. Wallyson! Parece uma sofisticada cópia digital. Apenas haverá a notar os cinco anos de diferença tecnológica!...

Dizem-me que as "uvas estarão verdes, nem os cães as poderão tragar". Mas eu, cá do meu canto direi que nem sou raposa! Sou leão, mas de qualquer modo, poderei ajudar na "vaquinha" para a compra de um cãozinho preto, para oferecermos a Marco Silva!... 

Chiça, outros quase eram "linchados" por usarem e abusarem da "rotação"! Nós por cá, mesmo todos rebentados e com os bofes de fora... 

São sempre os mesmos soldados a marchar para linha da frente!...

Leoninamente,
Até à próxima

4 comentários:

  1. E o que acha ?

    tem MS margem para rodar mais ou nem por isso ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao caro Jorge Alemão direi que, na minha modesta opinião, MS quando o poderia e deveria ter feito não o fez! Dirigiu a sua atenção para um "núcleo duro de 13 ou 14 homens de confiança" - processo idêntico ao usado nas temporadas do Estoril! - e descurou a preparação, o lançamento ou mesmo ostracizou todos os restantes!

      Com isso chega à recta final da temporada, com o tal "núcleo duro" rebentado física e animicamente, enquanto Wallyson, Gauld, Esgaio, Chaby, Medeiros, Rabia, Podence, Ponde, Fokobo, Dramé, Nuno Reis e talvez mais alguns que agora não me ocorrem, estagnaram sem oportunidades, quiçá sem futuro!...

      Agora com a Taça para ganhar, OBRIGATORIAMENTE, e para conseguir garantir, NECESSARIAMENTE, o 3º lugar, será tarde para rotações. Esta época, nessa matéria, estará perdida e a próxima não foi devidamente acautelada e só um investimento de milhões fará sorrir MS! Milhões que o Sporting não tem!...

      O Porto hoje ajudou! Veremos se MS aproveita para vencer o Penafiel! Mas que a situação está complicada, é minha decepcionante convicção. E MS tem responsabilidades na situação! E deixe-me fazer a minha declaração de interesses: eu gosto de MS! Mas, tem de comprar um cão!...

      SL

      Eliminar
    2. Acho que tem toda a razão

      Temos de ganhar ao Penafiel e na Madeira na proxima jornada (o braga joga com o benfica) e poderemos ter de repente uma margem confortavel na luta para o 3º lugar que permita a MS rodar um pouco mais

      Eliminar
    3. Sim, caro Jorge Alemão, se MS conseguir fixar a diferença para o 3º lugar em 7 pontos, aumentará significativamente a sua margem de manobra. No entannto, como desde o início da época não levou a cabo o trabalho de lançamento e sustentação das segundas figuras, de todo o imenso talento da Academia, prevejo que as rotações que possa fazer se resumam apenas ao "seu núcleo duro"...

      Pode ser que altere a sua filosofia na próxima época, dado que o Sporting não tem os milhões de Porto e Benfica e então possamos ver o que não vimos nesta sua primeira época no Sporting! Era bonito e sendo certo que de todos os nomes que antes apontei, nem todos possam vir a satisfazer as exigências de um clube com a grandeza do Sporting, fazendo um cuidado, dedicado e aturado trabalho, semelhante ao que por exemplo está a ser feito em Guimarães, possamos evitar nesta mesma fase da próxima época, os amargos de boca que agora estamos a experimentar.

      De qualquer modo, as próximas jornadas serão fundamentais para determinar o que será o futuro de MS no Sporting. Não nos iludamos, a paz actual que se vive em Alvalade, será tudo menos real e verdadeira. Os erros poderão ser ultrapassados, mas será difícil de os esquecer...

      SL

      Eliminar

PUBLICIDADE