quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Oh "farelo" perdeste a bússula?!...


AS CONTAS DRAMÁTICAS DO PORTO

«Nunca se tinha visto uma coisa assim: o Porto apresentou finalmente as suas contas relativas ao exercício da SAD em 2015/16 e o prejuízo anda perto dos 60 milhões (!) de euros. Já se calculava que o alarme iria soar, mas não se imaginava que pudesse atingir esta magnitude. É a consequência dos investimentos megalómanos que não tiveram correspondência em conquistas desportivas nem em vendas milionárias, como aconteceu durante os últimos 20 anos.

A administração admitiu ter consciência de que existem salários inflaccionados no plantel e que, por isso, se tornou inevitável – e urgente – reduzir custos. Não há volta a dar. Os ordenados passaram de 40 milhões de euros em 2013/14 para os actuais 75, sem que a equipa tivesse nesse período conquistado qualquer troféu. Só dois jogadores, juntos, (Casillas e Maxi Pereira) ‘pesam’ 10 milhões na massa salarial, o que é um valor superior ao orçamento da esmagadora maioria dos clubes da I Liga. O Porto arriscou forte e... está tudo a correr mal.

O ‘monstro’ cresceu tanto que hoje a actividade corrente da SAD já não chega para pagar os salários – sendo preciso receita extraordinária. Este prejuízo anunciado só não é ainda mais dramático porque a meio da temporada, em Janeiro, a administração conseguiu livrar-se de três jogadores que estavam no patamar salarial mais alto: Imbula, Osvaldo e Tello. Mesmo assim, o que aí se poupou só deve ter servido para pagar uma parte das indemnizações a Lopetegui e Peseiro…

Pinto da Costa chegou a parecer infalível em determinada fase do seu reinado. Ninguém imaginava é que seria uma decisão exclusivamente sua – o afastamento de Vítor Pereira, depois de vencer dois campeonatos em dois anos – a estar na origem de toda a desgraça que se seguiu. Quem diria?»

Quer-me parecer profundamente desrespeitosa para com o seu "papa presidente benfas", esta crónica do jornalista "enfarelado" NF, dado que muito recentemente o "dono do negócio da porta 18"  havia lançado as suas "ordes": "parem de falar mal dos nossos adversários"!...

Claro que adversários, verdadeiramente adversários, o "enfarelado NF só conhece um. E talvez seja essa a desculpa que dará ao seu "guru" se for chamado a prestar contas...

Oh "farelo" perdeste a bússula?!...

Leoninamente,
Até à próxima

4 comentários:

  1. Gosto do leão que põe ordem na savana com um rugido, mas não gosto menos do nosso José a mirar-nos... a tranquilidade no seu olhar não larga a perspectiva dos "tão grandes como os maiores da Europa", como desejou. Para lá caminhamos, assim creio.

    Em relação ao farelo... coitado, o homem perdeu o norte há muito e por isso foi implicar com os de lá... é claro que teve de dar um ar da sua graça e demonstrar, mais uma vez, o grandessíssimo filho da puta (em termos figurados porque os pais não têm culpa dos filhos que lançam ao mundo) que é!
    Não perde uma oportunidade para demonstrar a merda que o seu carácter produz. É que ele até é inteligente... usa é essa ferramenta de maneira distorcida. É baixo... tinha de dar a ferroadazinha do maxi...
    Quando for o seu clube a anunciar redução de custos sempre quero ver se ele vai falar do dinheiro que ganharam com as vendas que Jesus lhes proporcionou.
    SL
    Basco "O Leão"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Creio ser o comentário do sempre amigo Basco "O Leão", o primeiro a dar conta do "arejamento" que pretendi dar ao nosso Leoninamente. Bem haja pelo aplauso.

      Sobre o "farelo", haverá melhor definição do que os seus textos?!...

      Abraço e SL

      Eliminar
  2. Flagrante: A diferença do respeito com que se refere a qualquer assunto do slB, e o desrespeito, a raiva contida contra FCP e Sporting.

    Incrível. E tem a audácia de considerar-se "jornalista"...

    Triste.

    ResponderEliminar
  3. Ui... 58M...???!!! Tinó ni... Tinó ni...

    Se isto é o que se sabe... Bom...!!!

    É melhor nem fazer mais extrapolações...... nem extracomentários!!!

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE