quinta-feira, 5 de junho de 2014

33 é um número irresistível...

27 + 3 = 33

33  é um número irresistível!... Particularmente para um certo tipo de gente, cujos valores jazem sob as solas dos pés!... Nada a fazer, senão deixá-los ser felizes da maneira que entendam como a melhor!...

33 milhões euros, foi o valor da primeira proposta apresentada pelo MÓNACO ao Sporting Clube de Portugal, pelo passe do seu atleta internacional A, William Carvalho, prontamente RECUSADA!...

Presunção e água benta, cada qual toma a que quer!...

Leoninamente,
Até à próxima

8 comentários:

  1. Mais um trofeu depois da Taca de Lisboa,Campeonato dos comunicados e Campeonato da Verdade Desportiva.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou com uma duvida em relação ao NN que gostava que esclarecesses. É Nas Nádegas ou é mesmo Nas Nalgas?

      Eliminar
  2. Amigo Álamo,

    Creio que o meu amigo vai ter que solicitar à ASAE o licenciamento para "edificar" o próximo matadouro de aves... Pelos vistos a gripe das ditas cujas, personificada no vírus H5N1, não conseguiu exterminar os galináceos que teimam em 'impestar' este "solo sagrado" que o meu amigo tão bem tem sabido manter... Será que temos que voltar ao método ancestral de as caçar?!?!

    SL

    ResponderEliminar
  3. Amigo Álamo,

    Permita-me elucidar alguns galináceos que por aqui passem sobre a verdadeira índole do presidente que gere o clube de carnide ... "Dívida de 17 milhões de euros passou para a Parvalorem, avança o "Diário de Notícias".

    O presidente do Benfica e um sócio estão há quatro anos a ser investigados acerca do seu alegado envolvimento num esquema fraudulento que prejudicou o BPN. Mas os prejuízos da operação, avaliados em 17 milhões de euros, já foram transferidos para o Estado, que arcará com eles. Segundo a edição desta quinta-feira do “Diário de Notícias”, o Estado, através da Parvalorem (empresa que gere os créditos do BPN), herdou uma dívida de 17 milhões de euros dos empresários ao banco. Esta dívida poderá ter sido gerada por uma burla orquestrada por Luís Filipe Vieira e o seu sócio Almerindo de Sousa Duarte, uma situação que ainda está sob investigação e da qual o "DN" dá alguns pormenores. O crédito estava colocado no BPN IFI em Cabo Verde mas, segundo relata o jornal, o BIC, liderado por Mira Amaral, recusou-se a herdá-lo, pelo que o encargo ficará à responsabilidade da Parvalorem."

    Isto é uma notícia verdadeira, não é como aquelas mentiras que contadas muitas vezes passam a verdades...

    SL

    ResponderEliminar
  4. Meu caro YaZalde, o que você foi lembrar! Sobre essa burla, que assalta a carteira dos portugueses, a CS pouco ou nada falou. Porquê?
    São "piners", nem chega a 2 euros a cada português e com isso os NNslbês convivem facilmente. Mas, atenção, falar de cus, nádegas e trampa é ofensivo e preocupante!

    ResponderEliminar
  5. Desculpem a brejerice...

    Mas "pegando" no dito popular...: estás mesmo com cara de ...

    Querem ver que algum desses ofendidos reconheceu no conjunto das duas nádegas...alguém da família...?

    SL

    ResponderEliminar
  6. curioso, a merda ficou entre as 2 nalgas, no 2º lugar

    ResponderEliminar
  7. É assim... quando nós temos pouco, há que mentir acerca do que os outros têm. Custa, eu sei... Mas diga lá 33. Isso e ver sentado (com a pipoca da ocasião) a venda do William Carvalho... hehehe
    A minha aposta é que vai para o PSG por 60 milhoes. Ou mais.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE