quinta-feira, 14 de abril de 2016

"Quero deixar o meu nome na história do Sporting"!...




Terá toda a lógica e sentido a notícia hoje adiantada, sobre a intenção do Sporting de accionar a cláusula de opção que consta do contrato de empréstimo de Sebastian Coates, estabelecido em Janeiro passado, entre o Sunderland e a agremiação leonina (LINK1).

Três meses apenas após a sua chegada a Alvalade, tendo em conta a sua juventude, atributos físicos e técnicos, eficácia, empenho e dedicação profissionais, para além de um exemplar comportamento social, consubstanciado num "low profile" pouco comum em atletas sul-americanos (LINK2), tudo terá pesado na avaliação e previsível decisão dos responsáveis leoninos.

Face à garantida receita proveniente da presença na Champions League na próxima época e tendo em conta a contribuição que representou a sua chegada à equipa, para a solidez da defesa de Alvalade, 5 milhões de euros nunca corresponderão ao celebrado e exagerado valor que alguns terão apontado à sua chegada, como reserva à decisão então tomada pelos dirigentes leoninos.

O tempo acabou por provar o acerto do potencial contido nas condições do empréstimo acordado com os ingleses: um grande central de que o Sporting necessitava como de pão para a boca, não se encontra todos os dias e muito menos por um preço tão razoável e justo: 25 anos, 196 cm, 92 kgs, internacional de uma das mais prestigiadas selecções sul-americanas e agora patrão de uma defesa outrora sem voz de comando, por cinco milhões de euros, significarão como muito válida e acertada a aposta dos responsáveis leoninos em permitir a Sebastian Coates a concretização do seu desejo, ainda há bem pouco tempo afirmado...

"Quero deixar o meu nome na história do Sporting"!...

Leoninamente,
Até à próxima

Sem comentários:

Enviar um comentário

PUBLICIDADE