quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Só se perdem as que caem no chão! Bem haja Juvenal Carvalho!...



"Embora a procissão ainda vá no adro, e apenas estejam decorridos três jogos oficiais (um deles com a conquista de um troféu ante o nosso grande rival - que não inimigo - SLB), é claro e inequívoco - e até posso morder a língua, que se respira no futebol do Sporting uma enorme fé, alicerçada na competência técnica e na qualidade de alguns dos reforços. Vê-se o Sporting a respirar saúde; quem vai aos estádios, percebe que existe substrato (leia-se qualidade). Ontem fomos mais de 40.000 nas bancadas. É muito bom perceber tudo isso. Nesta componente, seria injusto não dar mérito à direcção, na pessoa do presidente, que se esforçou para dotar o Clube de outros atributos. Isso é inequívoco, e estou satisfeito.

Sei até que no futebol, pela 'pornografia' que nele gravita, que nem tudo é verdade, e até uma qualquer fuga de GAZ(prom) tudo adultera. Que os nossos rivais andam loucos e até histéricos, e falo do mais aproximado geograficamente, chorando até a perda de um rebuçado. Há muito que não via o SLB e suas gentes tão histéricas. A excepção é o presidente deles, que rodeando-se de gente nos mais diversos sectores, e percebendo que não pode ir às 'bolas' todas, se refugia, mandando 'ladrar' os seus caniches amestrados. É aí que, e desculpem-me os que alinham no coro de palminhas a todas as 'facebookices' do nosso Presidente, que acho que estamos mal. Se apregoamos excelência, não deveria ser o presidente a discutir com as 'saloias'. Quanto ao Clube, não temos duas empresas de comunicação a trabalhar para ele? Se sim, onde está a lógica de Bruno de Carvalho atirar os foguetes e ainda ir apanhar as canas? Li o presidente dizer que calado iríamos ganhar muito mais. Quero crer que ontem foi apenas um mau momento, que alterou o seu estado comportamental. Siga o que disse e ponha as pessoas certas nos lugares certos. Será bem melhor para o Sporting. Deixe os 'Mr. Burns', os 'Pinóquios, as 'Abelhas Maias' e outras figuras de estilo para o seu imaginário de criança rebelde. Até tem vindo a fazer um trabalho, pese ser claro e notório que não sou um fã incondicional, com pontos muito positivos. Viva o Sporting!"
(Juvenal Carvalho, na sua página do FB)

Embora as diferenças que me separam do grande sportinguista de sempre e meu especial amigo Juvenal Carvalho sejam mais ténues do que muitos possam julgar, nem sempre o diapasão que nos afina o pensamento será, em rigor, o mesmo. Somos ambos homens livres e com orgulho o afirmamos, sem peias, tibiezas ou complexos.

Naturalmente que há muitos anos, por amizade, sportinguismo e concepção de mundo, me interessa conhecer e actualizar com a regularidade possível, a forma como vai olhando e sentindo, entre outras matérias importantes, o nosso grande amor, o Sporting Clube de Portugal. Ontem mesmo deparei na sua página do FB com o texto que acima reproduzo, pela razão simples de que, embora menos ácido em relação ao clube de fãs a que recusa pertencer, não deixo de estar em posição absolutamente coincidente, sobre o tema central do pensamento que brilhantemente e muito ao seu jeito deixou expresso.

Só se perdem as que caem no chão! Bem haja Juvenal Carvalho!...

Leoninamente,
Até á próxima

Sem comentários:

Enviar um comentário

PUBLICIDADE