segunda-feira, 29 de agosto de 2016

No melhor pano cai a nódoa! Sempre foi assim e sempre assim será!...


Ainda lavando os cestos da vindima dos últimos dias e que parecia ter terminado ontem em apoteose no estádio José Alvalade, com o corte dos derradeiros e saborosos cachos de uvas azuis reluzentes, talvez seja a altura mais indicada para um balanço desapaixonado de tudo o que aconteceu e continua a acontecer no Sporting, umas vezes a merecer o meu aplauso e outras nem tanto assim, mas como ensinou Voltaire, "As paixões são como as ventanias que inflam as velas do navio. Algumas vezes o afundam, mas sem as ventanias não se pode navegar."

Quero com isto dizer que nem só de sorrisos vai vivendo o adepto leonino que sou. Também por vezes o sobrolho se me carrega sem que o possa evitar. Mas entre coisas positivas e negativas, importante será que o Sporting continue a navegar! Assim...

Positivo

- O louco assédio dos endinheirados da Europa aos nossos melhores jogadores.

- A transferência de João Mário para o Internazionale Milano. Pese embora a partida do nosso talentoso leão, a outra face da moeda trouxe ao Sporting um incontável número de benefícios.

- A eventual saída de Islam Slimani, afina exactamente pelo mesmo diapasão da anterior, com o singular condão de um impensável reforço do prestígio e da saúde do Clube para níveis inimagináveis.

- A vitória no clássico que  vai muito para além da conquista  dos três pontos.

- A resposta da SAD às saídas dos nossos jogadores mais requisitados, com contratações aparentemente bem pensadas no tempo e no modo.

Negativo

- A expulsão de Jorge Jesus do banco de suplentes. Por mais atenuantes que tentemos encontrar, já estará na hora de adquirir a fleuma necessária e compatível com a grandeza do Clube.

- O cartão amarelo a Gelson Martins a seu "pedido expresso" não revela apenas imaturidade. Uma pena que um jogador, seja ele qual for, não seja capaz de interiorizar que na jogada seguinte o jogo poderá "obrigá-lo" a segundo amarelo e, com a expulsão, transformar uma vitória anunciada, numa derrota sem desculpa. Deveria ser substituído no minuto seguinte, como medida profilática para ele e para todos.

- A presumível entrevista de Adrien Silva ao jornal O Jogo. Não é de Capitão do Sporting Clube de Portugal. Nem do homem que todos imaginávamos que fosse, pese embora a eventual validade de todos os argumentos expressos.

- As declarações de Litos sobre uma possível saída de Adrien Silva, elas sim, uma facada nas costas do Sporting.

No melhor pano cai a nódoa! Sempre foi assim e sempre assim será!...

Leoninamente,
Até à próxima

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Que a atitude de Adrien era uma facada nas costas de Jorge Jesus, caro Diogo. Só isso, mas mais valia que estivesse calado. O Litos já nos habituou: de vez em quando vem com baboseiras destas. Como se a sua vida passada de desportista lhe desse moral para falar dos outros!...

      Eliminar
  2. Eu ao contrário de muitos, vindo de quem vem, não me admira nada. Ainda não me esqueci quando renovou, do esticar de corda e do interesse - muito útil - do porto, na altura, o que fez com que ele ficasse com o maior ou um dos maiores salários do plantel. Mas, como ele disse que só saía quando fosse campeão, segundo o que disse à CS, fico a aguardar que que cumpra a palavra. Se a entrevista (inesperada) ao pasquim for verdadeira, penso que Adrien NUNCA mais poderá ser capitão do Sporting Clube de Portugal. Atenção:uma boa proposta para Adrien, pode não ser uma boa proposta para o Sporting. Um jogador, ainda com 4 anos de contrato, que joga no melhor Continente a nível futebolístico, num dos maiores clubes da Europa, que vai em 1º no campeonato, sendo Capitão (!!!) de equipa dá uma entrevista (inesperada) a dizer que quer sair do clube, isto para mim mão é normal, mas isto sou eu que sou muito ingénuo. SL

    ResponderEliminar
  3. Sou sportinguista há muitos anos e, como tal, desejo que o Adrien, como qualquer outro jogador do SCP possa evoluir profissionalmente indo para um campeonato mais competitivo. O fundamental é salvaguardar o interesse de ambas as partes, e evitar entrevistas, comunicados e discussões e outras idiotices na praça pública. Atrevo-me até a acrescentar três coisas: 1) O Adrien provavelmente tem sido muito mais dedicado à entidade patronal e ao seu ofício que muitos que agora o criticam, 2) Pelos valores que têm sido ventilados para a "venda" do Adrien, o Sporting muito possivelmente pode adquirir um jogador que o JJ utilize bem para substituir o Adrien com sucesso e ainda sobra dinheiro. Desde que quem de direito no departamento de futebol trabalhe bem, 3) Este assédio a alguns jogadores do Sporting, e o consequente interesse de alguns em saírem agora (mesmo tendo renovado há relativamente pouco tempo) era prevísivel. O SCP deve (deveria?) já ter feito uma boa prospecção de forma a ter bons substitutos em vista.

    Continuo optimista, porque sem tiros nos pés, este ano iremos longe.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE