terça-feira, 23 de agosto de 2016

Campbell ganhou claramente o primeiro assalto!...




Ainda bem frescos nas nossas memórias o "bacalhau" e os sorrisos que irromperam gloriosamente em frente do painel que Luís Figo e Cristiano Ronaldo emolduram com a sua classe e talento internacionalmente reconhecidos, e já eu começo a bater palmas, de pé, à coragem e respeito que Joel Nathaniel Campbell Samuels demonstrou ao aceitar para a gloriosa camisola verde e branca que irá envergar nesta época com a esperança nossa de muitas mais, o "excomungado" número 7!...



É preciso ter a cabeça completamente limpa de teias de aranha e uma firme convicção no seu talento e valor para, num gesto espontâneo e singelo, afirmar quanta vontade de triunfar lhe inunda o coração! A camisola 7 é algo de mítico a nível universal e muito em particular em Alvalade, sem que seja necessário explicar porquê. E assumi-la será sempre um acto de coragem e de profunda responsabilidade!



Campbel terá ganho claramente o primeiro assalto!...



Leoninamente,
Até à próxima

P.S. - Um imperdoável lapso pessoal obrigou-me à edição e correcção deste post. As minhas desculpas pelo incómodo que causei aos leitores.

3 comentários:

  1. Quem nunca errou, que atire a primeira pedra.
    O que interessa é que o novo 7 faça felizes os Sportinguistas!

    ResponderEliminar
  2. Daquilo que já vi do fcporco hoje... e a semana passada... a excomunhão da sorte que estes gajos têm não vai ser pêra doce... Para já, e por via dessa sorte ou destino, invariavelmente feliz, já estão a ganhar o clássico... Espero que consigamos dar a volta ao resultado nos 90 mts... Valendo pouco, nada ou qq coisa o certo é que sempre a p**** virada pra lua...

    p.s. Sai um 7 para a mesa do canto???

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar
  3. Caríssimo Amigo:
    Assalto é em Roma. Va-se preparando para o fim de semana. Não esqueça que o Tiago Martins é o internacional que foi promovido a tal na segunda divisão.
    Ai, é verdade, não podemos falar! Só o Barrasco e o Orelhudo é que podem!
    Um Abraço
    José Lopes

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE