quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Pois então vamos desfazer o mito! Vamos a eles como leões!!!...


"Desafio Final para Marco Silva

DÉRBI É DECISIVO MAS MARCO SILVA JÁ PROVOU ESTAR À ALTURA DAS EXIGÊNCIAS

O dérbi poderá ser decisivo para definir as ambições do Sporting na Liga. Aos leões só a vitória interessa, e mesmo essa pode vir a não ser suficiente. Eis os dados de uma espécie de desafio final para Marco Silva, treinador com queda para missões de elevado grau de exigência.

Tudo começou à 3.ª jornada da Liga, quando o Sporting foi à Luz empatar com o Benfica. Marco Silva não venceu – é certo –, mas conseguiu o que os seus antecessores mais imediatos não conseguiram: não perder. Há seis dérbis consecutivos da Liga que o leão saía derrotado da Luz, e sem marcar um golo sequer. Com Marco, empatou, marcou e quase venceu, com exibição personalizada e elogios consensuais.

Mês e meio depois, nova prova de fogo: o sorteio da 3.ª eliminatória da Taça de Portugal, a primeira com os três grandes em jogo, ditou embate entre FC Porto e Sporting, no Dragão, de onde os leões haviam saído derrotados nos últimos oito (!) clássicos. Resultado? Triunfo contundente da equipa de Marco Silva (3-1); portistas borda fora da prova-rainha e leão de juba erguida em pleno Dragão, sete anos depois da única vitória na nova casa do FC Porto, a segunda depois de Paulo Bento. Mais: a estratégia de Marco deu em três golos, mais de metade dos que os marcados nos oito clássicos em que fora consecutivamente derrotado.

De desafio em desafio, Marco Silva reconduziu, depois, o Sporting à luta pelo título. Graças a uma série de vitórias consecutivas na Liga, suficiente para recuperar 3 pontos em relação a Benfica (-7) e FC Porto (-1) e instalar o leão no pódio, confortavelmente à frente de adversários (outrora) incómodos como V. Guimarães e Sp. Braga. Pelo meio, outro desafio superado por Marco Silva: cimentar a tal série de vitórias em plena cisão com o presidente Bruno de Carvalho. Talvez tenha sido este o mais difícil de todos, mas o que aí vem, domingo, será seguramente bem mais decisivo.

Das 18 equipas da Liga, Marco só não venceu o... Benfica. O treinador do Sporting até aos leões já ganhou, mas nunca bateu as águias. Pelo Estoril, três derrotas e um empate, com a benesse de essa igualdade ter sido decisiva para desviar o Benfica da rota do título. Para desfazer mais este mito, Marco conta com a ajuda dos jogadores. No plantel, estão sete que sabem o que é derrotar o eterno rival (Marcelo, Patrício, Martins, Capel, Carrillo, Nani e Rubio). E há um que bateu o Benfica em pleno Jamor: Paulo Oliveira, pelo V. Guimarães.".

(António Adão Farias, in Record) 

Pois então vamos desfazer o mito! 
Vamos a eles como leões!!!...

Leoninamente,
Até á próxima

Sem comentários:

Enviar um comentário

PUBLICIDADE