domingo, 25 de janeiro de 2015

William Carvalho, MVP esta tarde em Alvalade !...


Salvaram-se os 3 pontos, o regresso de William Carvalho, finalmente, ao nível daquilo a que nos habituou a época passada e que ainda não tinha mostrado na presente, a limpeza das séries de 5 cartões de Jefferson e Nani e a fantástica presença de mais de 37.000 adeptos leoninos nas arquibancadas.

Porque ao Sporting coube defrontar, numa das partidas mais pobres que, a meu ver e salvo melhor opinião, esta liga até agora nos terá oferecido, uma equipa e um treinador medíocres, de que os amantes do futebol não sentirão saudades, quando naturalmente baixar à II Liga, único escalão compatível com a mediocridade que vem exibindo por todos os campos deste país e de  que o jogo desta tarde foi exemplo paradigmático.

Com um autocarro de 10 rodados à frente da sua baliza, uma posse de bola que não chegou a atingir os 30% e um único remate à baliza de Rui Patrício, por Rafael Lopes, no último dos 5 minutos de compensação dados por Rui Costa, que para não destoar de tão confrangedora pobreza, terá realizado uma das piores arbitragens que lhe vimos fazer, onde sobressaiu a flagrante grande penalidade cometida aos 45 minutos por Richard Ofori sobre Adrien, substituída por cartão amarelo mostrado ao médio leonino, apetece perguntar o que andará esta Académica e quem a orienta, a fazer na I Liga?!...

Claro que também não poderá ser escamoteado o fraco nível exibicional patenteado pelos leões, nem a muito discutível ambição revelada por Marco Silva, a quem será muito difícil de explicar as razões porque não fez ao intervalo, as alterações que apenas com uma hora de jogo e quase em desespero de causa, viria a fazer. Só ele saberá os medos que continua a cultivar, perante adversários de tão fraca valia, para manter uma estrutura defensiva, que só um adversário de craveira semelhante à equipa que lidera mereceria.

Mesmo assim e com o credo na boca, foi possível no entanto, deixar o quarto classificado a 4 pontos. Mas o que aconteceria se aquele único remate dos estudantes, aos 95 minutos, tivesse sido guiado pelos deuses para dentro da baliza de Rui Patrício?! Ai Marco, Marco, eu gosto muito do técnico que há em ti, mas terás de me perdoar, se continuo a pensar que estarás a demorar demasiado tempo a perceber, que o Sporting nunca poderá ser o Estoril!...

Leoninamente,
Até á próxima

5 comentários:

  1. Uff, finalmente vimos William !
    Infelizmente, continuamos a ver a equipa "engasgada" sempre que precisa abrir portas de autocarros. Falta Slimani? Mas já se sabia que ia faltar e, a mim que nada percebo de futebol, mas aprendi, na Física, que as mesmas causas provocam os mesmos efeitos, custa a entender porque se insiste num levezinho para atacar paredes, sem apoios próximos.
    Assim, só por acaso. Ainda por cima, os nossos jogadores não sabem rematar à baliza -em vinte remates, um ou dois sai bem direccionado, mas a esmagadora maioria, ou vai para o último anel, ou sai pela linha final, sem força e a 10 metros da baliza...
    Como o Álamo bem diz, a Marco está a custar perceber que o Sporting não é o Estoril... e que as mesmas causas, provocam os mesmos efeitos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Liondamaia, ontem a equipa ainda continuou, como muito bem diz e é a mais pura das verdades, "engasgada", jogando em casa contra uma das quatro piores equipas da I Liga. Na próxima jornada defrontaremos no seu reduto, que pouca diferença fará de um batatal, contra outra dessas quatro piores equipas. E duas coisas poderão acontecer: ou treinador e jogadores aparecem em Arouca de cabeça lavada, ou não repetiremos a vitória!...

      SL

      Eliminar
  2. Boa noite caro Álamo,
    Estou de acordo com a sua avaliação, excepto no penalti... em abono da verdade foi fora da grande área, ficou por marcar um livre e o respectivo amarelo ao jogador da Académica.
    Abraço e SL
    Sandro Fino

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Poderei aceitar a sua opinião, caro Sandro Fino, embora em mim permaneçam muitas dúvidas. Mas que houve má avaliação de Rui Costa e que este não teve capacidade para avaliar a justa indignação de Adrien, deixando sem penalização o verdadeiro infractor, já estaremos os dois de acordo...

      SL

      Eliminar
  3. Estamos sim, não teve ele nem o árbitro auxiliar que se apresentava bem posicionado. Julgo ser normal a indignação do Adrien, a falta é por demais evidente.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE