quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Pois que assim seja !...


Uma vitória inteiramente justa, corolário de um jogo de sentido único, tanto em termos de controle, quanto de objectivos. Apenas o Sporting demonstrou querer e capacidade para alcançar a vitória. O Boavista exibiu o "futebolzinho" a que há muito nos habituou a grande maioria das equipas do nosso escalão principal: os sacrossantos autocarros em frente da baliza e o resto, pouco mais que pontapé para a frente e fé nos deuses. Nem depois da expulsão, pouco inteligente, diga-se, de Oriol Rosell e quando ainda sobravam 30 minutos de jogo, o Boavista ousou levantar os olhos para os seus adversários, resumindo as suas iniciativas atacantes a algumas incursões inconsequentes pelas alas.

Os "meninos" de Marco Silva, com algumas ajudas dos "bebés" de João de Deus, surpreenderam muito particularmente pelo facto de exibirem um futebol que começa a ser a "marca de água" do Sporting. Há um agradável e incontornável fio condutor entre o que produz e a forma com o consegue fazer, a equipa principal e este misto que hoje derrotou de forma convincente o Boavista. Há processos já satisfatoriamente assimilados e enraizados, por todos os jogadores, sejam eles suplentes na equipa A ou titulares na B. Essa foi a grande satisfação que retirei do jogo de hoje a noite.

Tanaka continua a ser o jogador sério a que já nos habituou. Tem a seu favor a fabulosa cultura e mentalidade orientais e há alegria e muito prazer em tudo aquilo que faz. O seu rendimento subrá em flecha no dia em que dominar suficientemente a língua, descobrir o que ainda lhe falta conhecer melhor dos segredos do futebol europeu e... ganhar a capacidade de decisão que ainda não tem.

Ryan Gauld vai somando minutos e deixando o perfume do seu futebol. Marco Silva, de forma inteligente e amiga, vai ajudando com extraordinário cuidado e muita competência, porque um passo em falso pode destruir o belíssimo trabalho que está  a ser feito.

Slavchev terá mostrado hoje, a meu ver pela primeira vez, ainda que ao de leve, os atributos que devem ter estado na origem da sua contratação. Hoje já notei energia, agressividade, capacidade de pressão e transporte de jogo e... presença na área. Gostei e fico à espera de ver o resto...   

De todos os outros gostei, francamente. Mereceram a chamada de Marco Silva e sem o dizerem, todos vimos que já saíram do terreno de Alvalade, com a mente no Restelo, dentro de uma semana.

Pois que assim seja !...

Leoninamente,
Até á próxima

6 comentários:

  1. Gostei da equipa, tendo em atenção que se tratava na sua maior parte de elementos da B...

    Mas gostei muito do Gauld...para mim, já justificava uns minutinhos na A...

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com pinças, amigo Max, Ryan Gauld tem de ser tratado com pinças, como foi o Messi. Acho que a Taça da Liga, para já, serve perfeitamente para o trazer à competição mais a sério. Deveremos fazer tudo para que Marco Silva não se sinta pressionado a isso. Muito menos ainda o rapaz!...

      Abr e SL

      Eliminar
  2. O Boavista não dá mais e, provavelmente, também não tem mais para dar. Daí que joguem todos lá atrás, muito juntinhos. Assim nenhum se perde ou fica esquecido quando saírem para o balneário.
    Alguns dos jogadores estão a aproveitar a oportunidade;
    Será coincidência ou apenas miragem minha, mas o Sarr, ao lado do Tobias, é mais eficaz?
    O Gauld talvez seja mesmo gold. Ainda é cedo, o puto fez 19 anos nem há um mês, vamos esperar com a quase certeza de que...
    De Luís Ferreira: a minha alma está pasma, o homem marcou um penalti a nosso favor! Bom, mas esqueceu-se de que as faltas dos defesas boavisteiros são para marcar, mesmos as próximas da área...

    ResponderEliminar
  3. Caro Álamo,

    Gostaria de saudar na generalidade todos os rapazes que hoje envergaram as nossas cores por mais uma vitória.
    Sem serem deslumbrantes, fizeram uma exibição séria, competente e concentrada.
    Mas sem desprimor para os outros a quem chamam de jovens da formação, gostaria de publicamente mandar um abraço a
    um jovem jogador que nasceu no dia 13-8-93 (21 anos).
    Se se chama-se Manuel Nabão Sarmento e tivesse nascido na reboleira e tivesse ido com 11 anos para alcochete
    e apresentasse o futebol que exibe, com limitações mas também com muita coisa boa à mistura, muitos diriam
    que temos ali jogador e deixem crescer o rapaz, mas infelizmente como diz o povo e com razão, à uns que nascem com
    o cu voltado prá lua outros não...
    Força Naby Sarr, acredita em ti, vai em frente que ainda podes calar a boca a muito encefálico da bola.

    Saudações Leoninas e desculpe o desabafo

    ResponderEliminar
  4. Amigo Álamo, aqui deixo os meus parabéns, aos nossos leõezinhos, não vou individualizar pq todos, cada qual à sua maneira, foram bons, mas gostei do Ryan Gauld, penso que temos ali um grande jogador, tb achei o Naby Sarr mais seguro...

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE