domingo, 11 de janeiro de 2015

Contavam com o ovo e ele acabou por ficar no cu das galinhas!..



JUNYA TANAKA RESOLVEU! Resolveu com classe, no momento certo e, contrariamente ao que por aí vão dizendo jornaleiros, paineleiros e comentadeiros, o seu golo não deu coisa nenhuma o 3º lugar ao Sporting! O Sporting sem aquele hino ao futebol, já estava, por direito próprio e face às disposições regulamentares da Liga, no terceiro lugar do pódio, porque a diferença entre golos marcados e sofridos lhe lhe era favorável, +18/+13 e também nos golos marcados, há uma diferença considerável de 30/26. Portanto, a menos que o João Manha nos venha outra vez impôr as "suas regras", coisa de todo improvável, o golo de Tanaka apenas permitiu deixar o Guimarães a 2 pontos e o adversário desta noite, o Braga a 5 pontos! Tão simples quanto isto!...

Foi uma vitória muito difícil! Alguns chamar-lhe-ão feliz! Aqui do meu canto, acho-a tremendamente justa! A quem tiver ficado com a habitual e colossal azia, bastará olhar para as estatísticas da partida: estão lá as razões porque  a vitória do Sporting foi JUSTA! E não foram necessários os favores do árbitro Hugo Miguel. Disso, outros não se podem gabar! Talvez a sua única nóda tenha sido mostrar o amarelo a Matheus! Era VERMELHO DIRECTO! Mas o guarda-redes bracarense acabou por ser penalizado da forma que Tanaka entendeu, ainda mais justa!Portanto, até moralmente, ACONTECEU JUSTIÇA NA PEDREIRA!...

Era um jogo de tudo ou nada! O Sporting alcançou a vitória e levou o tudo para Alvalade e o nada ficou em Braga. Sei bem quem não terá gostado mesmo nada deste desfecho e comece a ficar MUITO NERVOSO! Contavam com o ovo e ele acabou for ficar no cu das galinhas!!!..

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Amigo Álamo, foi uma vitória merecida do nosso Sporting, contra os arruaceiros do Minho. De certeza que Tanaka, calou a boca a mta gente. Eu sempre admirei o profissionalismo deste jogador , sou uma apaixonada pela cultura japonesa, a forma como põem a honra e dignidade acima de tudo, impressiona-me. Aqui deixo os meus parabéns ao Tanaka, desejando que este golo, se venha a multiplicar vezes sem conta...

    PS: E o ovo lá acabou por ficar no**das galinhas.

    SL

    ResponderEliminar
  2. Acrescentar só... que o golo só veio no período (os últimos 10 minutos) em que eu, menos previ que viesse a aparecer: Naqueles minutos finais a pressão alta da nossa equipa era menor, por fadiga, o adversário tinha subido as linhas e começava a aparecer mais na nossa área, o que até ali não tinha acontecido. Ao contrário do que aquilo que afirmou o Sérgio Conceição no final, ao intervalo o Sporting já deveria estar na frente do marcador, já tínhamos controlado o jogo e já tínhamos tido 2/3 muito boas oportunidades de golo contra uma do Braga com algum perigo. Na meia hora inicial do 2º tempo fomos claramente superiores, obrigámos o Braga a baixar as suas linhas, e desperdiçamos as melhores oportunidades, revelando uma vez mais falta de capacidade de finalização (Adrian com fracas meias distâncias, Montero sem frieza (e talvez falta de confiança?!) e sobretudo João Mário, algo limitado como matador). Fiquei então com a impressão que com Slimani em campo estaríamos claramente na frente quando chegámos ao quarto de hora final. Nos 10 minutos finais, perante a subida do Braga no terreno, começando a aproximar-se com algum perigo da nossa área (contando com as ajudas habituais de alguns dos nossos, colocando-lhes a bolinha a jeito, casos de William e Maurício, dizia-me: Tivemos todo o tempo para ganhar isto e agora já só espero que consigamos ao menos aguentar o nulo. E...foi curiosamente num contra-ataque que a bola chegou a Tanaka e apareceu aquele livre. Confiei logo que, naquela posição, pelo que já antes vira ao japonês, havia para aí umas 60% de hipóteses de a bola entrar ... justamente onde entrou. E concluí aliviado: quase não havia tempo para se fazer justiça.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE