quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Força leões, provem que tenho razão!...


Pesem embora todas as especulações a que invariavel e quotidianamente assistimos, por parte dos jornais do costume, o facto é que, com metade do tempo de abertura desta janela de transferências esgotado, a única certeza que parece ir resistindo, será aquela que Bruno de Carvalho em tempo oportuno deixou transparecer, de que os reforços já estariam todos em Alcochete.

Após a bendita vitória na pedreira, quer-me parecer que, atendendo ao calendário estipulado, à equipa leonina apenas o "derby" de Alvalade voltará a colocar um grau de dificuldade semelhante:

14-01 > Sporting - Boavista (TL)
18-01 > Sporting - Rio Ave (L)
21-01 > Belenenses - Sporting (TL)
25-01 > Sporting - Académica (L)
28-01 > Sporting - Setubal (TL)
01:02 > Arouca - Sporting (L)
08-02 > Sporting - Benfica (L)

Nesta condição deverá colocar-se com todo o pragmatismo, que a situação económico-financeira do Clube, de modo nenhum será compaginável com qualquer esforço nesse sentido, que incontornavelmente estaria associado a um mais do que duvidoso êxito desportivo.

Longe irão os tempos em que um qualquer "cauteleiro das horas felizes" nos terá acenado com uma cautela premiada, que incluía André Cruz, Mbo Mpenza e César Prates! Esta janela de mercado cada vez mais se assemelha a uma "melodia do desespero" de quem não terá cuidado de ser assertivo no tempo certo. E não me parece que seja esse o caso presente em Alvalade. Obviamente que os resultados das contratações na anterior janela poderiam ter sido bem melhores, mas não será hora de carpir mágoas, chorar sobre leite derramado ou arriscar a transformar a emenda em pior que o soneto.

O centro da nossa defesa tem vindo a cumprir, quiçá mesmo a superar as expectativas e estará muito longe de ser dado adquirido que Isman Slimani não estará presente em Alvalade para o "derby"! E se, por sorte dele e azar nosso não estiver, é bom que ninguém se esqueça que Junya Tanaka e Fredy Montero já nos deram muitas e muitas alegrias.

Nesse sentido, mora em mim uma fé enorme, de que Tobias, Junya e Fredy, possam reduzir a pó, nos dois próximos jogos em Alvalade, todas as "bem construídas" especulações dos "especialistas"!...

Força leões, provem que tenho razão!...

Leoninamente,
Até à próxima

3 comentários:

  1. Álamo,

    Sou leitor diário do seu blogue, no entanto poucas vezes tenho a força de vontade para lhe escrever comentários. Hoje é o dia.

    Como sempre, é impossível não concordar com um que texto que publique, pois a razão, o bom senso e a boa edução, têm sempre a minha total aceitação.

    A dupla de centrais Paulo Oliveira e Maurício começa a estabilizar, temos muitos bons avançados, extremos, laterais e guarda-redes, pelo que partilho na íntegra a fé que manifestou neste (mais um) excelente post.

    Acresce que li agora um post num outro pequeno blogue que penso que gostorá de ler, pois tenho-o como um apreciador de literatura e poesia e achei uma piada ao paralelismo que o autor desse post fez com o personagem Palma Cavalão de "Os Maias". Fica aqui o link https://sportingpt.wordpress.com/2015/01/14/a-corneta-do-diabo/

    SL e que vençamos logo à noite.

    Ass: José Eduardo (lol)


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro José Eduardo, com o devido (lol), claro que aproveitei o link que me deixou, para ler o post e o blog que me recomenda. Não conhecia e será mais um ao qual prestarei a atenção que me merece qualquer blog leonino.

      Há já alguns dias que o Record publicou essas suspeitas, lançadas como é hábito lá por fora! Cá em casa a coisa está muito melhor controlada e nem sei se António Magalhães não terá sido incomodado em consequência de meter o nariz onde não foi chamado.

      Ainda me "ferveram" os dedos sobre as teclas, para dizer algo sobre isso. Mas entendi que o tempo, como no caso do Calabote, já se terá encarregado de "apagar" da memória daqueles que eventualmente ainda tenham alguma e que as "novas gerações vermelhas" não me merecem a deferência e o respeito necessários para gastar cera com tão ruim defunto. Meu caro, quando eles revelam tão deprimente incapacidade matemática, para "perder" a data do seu nascimento como clube, e somando aos 27 títulos alcançados em 1997, os 3 que desde então conquistaram, e encontram "miraculosamente" o número 33, o melhor será deixá-los a falar sózinhos!...

      Vencemos hoje à noite e acredito que também o faremos no domingo!...

      Abraço e SL

      Eliminar
    2. Caro Álamo,

      Reparei também na "notícia" do jornal Record que referiu. Mas, ainda assim, penso que falo em nome de ambos (vou ter essa ousadia) ao afirmar o seguinte: fora o Sporting o visado de tais suspeitas de corrupção, não só cairia o Carmo e a Trindade, como também superiores valores, como a dignidade da pessoa humana, sucumbiriam perante toda a verborreia jornalística que por certo seria publicada sobre o assunto.

      Nem a tragédia do Charlie Hebdou teria dimensão para acalmar o ódio Sportinguista evidente na imprensa desportiva Nacional.

      Contudo, vejo-me "forçado" a concordar as palavras e seguir o seu conselho - o de deixá-los a falar sozinhos.

      Cumprimentos e SL,

      José Eduardo

      Eliminar

PUBLICIDADE