quinta-feira, 4 de junho de 2015

Para todos os que já alinhavavam o desastre financeiro do Sporting, o meu sorriso de escárnio e deprezo!...


As vidas de Bruno

"Tendo ido à festa da Taça, não gostei de ver a forma como Marco Silva foi tratado no estádio de Alvalade. Na hora da vitória o treinador merece, nem que seja por razões institucionais, o devido destaque. Já tinha dado nota da gestão pouco discreta com que o desentendimento entre treinador e presidente ia sendo gerido em público.

Tenho dúvidas sobre a forma como Bruno de Carvalho gere as suas intervenções públicas. Mas incomoda-me mais a forma como os que, tendo tolerado anos de delapidação criminosa do clube, se tornaram subitamente tão moralistas. E eram alguns destes saudosistas que juravam que Bruno de Carvalho não descansaria enquanto não encontrasse um treinador que fosse mero fantoche. Que queria ser treinador por entreposta pessoa.

Até que Bruno de Carvalho tirou mais um milagre da cartola. Sempre que vaticinaram a desgraça do clube e subsequente ira dos sportinguistas, Bruno de Carvalho renasceu das cinzas e inventou o impossível. Com razão ou sem ela, Bruno de Carvalho queria correr com Marco Silva. Mas o preço seria a indignação dos sportinguistas, que encontrariam neste gesto a confirmação de que desejava apenas um treinador faz-de-conta. E seria, com as possibilidades que estavam em cima da mesa, difícil negá-lo. A não ser que contratasse, por absurdo, Jorge Jesus. E contratou Jorge Jesus.

Ninguém poderá dizer que trocou Marco por Jesus para ganhar um treinador obediente. Agora dizem mais ou menos o oposto. Poderá então, o Bruno mais uma vez renascido, explicar as suas razões sem ser à frente de um pelotão de fuzilamento. Bruno de Carvalho tem, é evidente, uma personalidade difícil. Mas é – quem o pode negar? – um osso bem duro de roer."
(Daniel Oliveira, Verde na Bola in Record)


Correndo o risco de me ver obrigado a ler alguns comentários desagradáveis dos meus leitores, aproveito a embalagem que o magnífico texto de Daniel Oliveira me sugere para, sem antecipar julgamentos que de todo recuso, afirmar que não me revejo no tempo e no modo do despedimento de Marco Silva. Continuo a pensar que por alguma coisa os sportinguistas se orgulham de ser diferentes.

Dito isto, acrescentarei em contraponto, que também não me convidem para acolitar aqueles que pretendem colocar "asas de anjo" nos ombros de Marco Silva, ao mesmo tempo que, subrepticiamente, alvitram que se coloquem os chifres e a capa vermelha de Lucifer sobre a cabeça e os ombros de Bruno de Carvalho. Já os axiomas da Física nos ensinam que toda a reacção resulta de uma acção. E as acções de Marco Silva, desde o primeiro dia, não terão primado pela ingenuidade, rematadas que foram, de forma insistente, com as deliberadas e provocatórias afirmações mesmo no calor dos festejos da Taça, de que tinha mais três anos de contrato. De boas intenções está o mundo cheio...

Voltando ao texto de Daniel Oliveira, agora que já expeli a espinha que Marco Silva me fez trazer entalada na garganta durante demasiado tempo, vamos então analisar as outras espinhas, sendo óbvio que "com razão ou sem ela, Bruno de Carvalho queria correr com Marco Silva". E não me peçam para ser ingénuo, nem pretendam chamar burro a Bruno de Carvalho: Marco Silva, pesem embora todos os seus relevantes atributos e todos os centímetros que pudesse eventualmente acrescentar à estatura actual do Sporting, jamais se sagraria campeão em Alvalade! Por mim, sentar-me-ei à espera que o venha a conseguir no futuro, seja qual for o projecto que lhe possa ser... "oferecido".

E é aqui, fundamentalmente, que encaixa o magistral "golpe de rins" dado, no entender de Daniel Oliveira e que partilho em absoluto, por Bruno de Carvalho: apenas com um pau, matou... cinco, repito, cinco coelhos!...

O primeiro coelho consistiu em correr com Marco Silva. O segundo, traduziu-se na tremenda luxação que terá provocado na espinha dorsal do Benfica. O terceiro acabou por redundar na absoluta infertilidade que determinou nos projectos de procriação a curto prazo do rival a Norte. O quarto coelho terá sido calar e reduzir a pó a justa ou injusta indignação dos sócios e adeptos sportinguistas.E "last but not least", o passo de gigante que deu rumo ao seu maior desígnio, que é ser campeão no mais breve e curto prazo possível. Apenas porque nas actuais condições do futebol português, apenas Jorge Jesus terá os atributos e a competência técnica para o conseguir.

E agora apenas peço, humildemente, que não me venham arrasar na caixa de comentários. Melhor será discutir tão candente matéria, por exemplo, com Paolo Maldini, ou se preferirem com Roberto Baggio, ou ainda com Honoris. Todos eles, sabem da poda como poucos. Eu apenas vou aprendendo, devagar, muito devagarinho, com eles, porque a minha idade já não dá para mais. Mas só vou desistir quando os deuses me chamarem para junto de si...

E deixem-me saborear o "grande xito" aplicado com inusitadas sagacidade e argúcia por Bruno de Carvalho, que quase me leva a esquecer todas as diatribes em que frequentemente incorre, todas as "cavalitas" que possa proporcionar aos mais levezinhos jogadores do Sporting - pudera, o Slimani não passeou ele às costas! - e todos os pontapés que possa dar em garrafas de água na relva do Jamor.

Ah e deixem-me imaginar também a "postura e sentido de estado" que brevemente teremos oportunidade de apreciar na Tribuna Presidencial. Mas que "Ganda malha", Jorge Jesus! Só por isso, já valeu a pena! E não digo mais porque, reconhecendo verdades "lapalissianas", não sou ingrato!...

Falta-me ainda uma palavra aos que por aí fora, nos tablóides habituais, nas televisões e até na blogosfera leonina, com dor de cotovelo ou de corno, já vão alinhavando o desastre financeiro do Sporting, baseados em... "contas de merceeiro"!...

Para todos esses, o meu sorriso de escárnio e desprezo!...

Leoninamente,
Até à próxima

13 comentários:

  1. Caro Alamo,
    Se questionarmos a generalidade das pessoas da razao da sua opcao clubistica garantidamente a geraralidade das respostas caira em raizes familiares, ou seja, uma opcao pouco ou nada racional, outros pela cor e alguns por postura, principios e desportivismo.
    Juntada a familia, as raizes solificam com o passar dos anos em que atletas e dirigentes consubstanciam a grandeza e elevacao do bom nome da colectividade.
    Tudo isto para lhe dizer que mais uma vez, comeca a ser recorrente, a instituicao entra num processo de litigio em que aa certezas de vitoria sao aparentemente diminutas.
    Tudo seria natural se estivesse em causa o bom nome de dirigentes ou atletas mas nao e o caso, um dos litigantes e o SCP , instituicao centenaria , potencia desportiva, suportada em valores e principios de salutar desportivismo.
    Achou por bem esta direcao apontar erros de gestao a dirigentes passados e bem!
    So espero que os casos a dirimir pela barra dos tribunais actualmente em andamento, na eventualidade de a decisao ser negativa para o SCP seja , seguindo os principios desta direcao em relacao a situacoes anteriores, seja,dizia eu, assumidos por inteiro pela direcao actual.
    Estarei atento e penso que muitos me acompanharam pois o meu compromisso e e sempre sera na defesa intransigente do clube de todos nos!
    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo João Antunes, costuma-se dizer que "amor com amor se paga". Se MS ao longo de muitos meses e bem industriado por quem o aconselhou, foi preparando a choruda indemnização, eu não vejo porque, dentro daquilo que a lei estabelece, o Sporting não retribua na mesma moeda!

      O Sporting terá ao que parece, alguma sustentação para a justa causa. Essa sustentação poderá ou não ser acolhida pelos Tribunais, porém o Clube pouco ou nada terá a perder se vier a ser condenado a pagar todos os ordenados até à data limite do contrato. Portanto, em termos económicos a diferença entre indemnizar de livre vontade ou, no limite, através de uma condenação no Tribunal, será muito curta, resultado daí três vantagens: 1 - Paga com moeda igual a estratégia de MS; 2 - Arrisca-se a que a justa causa seja atendida ou substancialmente reduzida a indemnização: 3 - Se for condenado ao pagamento integral, acabrá por fazê-lo largos meses ou anos mais tarde do que se o fizesse agora. E isso corresponde a ganhos.

      E tudo isto acontece porquê?! Porque MS declarou que não estava disposto a negociar nem um cêntimo daquilo a que tinha direito! Já diz o espanhol: "quem tudo quer tudo perde"! O mundo dos negócios, nos tempos que correm é demasiado feroz para intrometermos nesta discussão éticas e valores. Por isso o que a lei estabelece é hoje seguido por todos sem excepção. A menos que entre as partes se consiga chegar a um qualquer acordo. E lá volta de novo a velha máxima da mgistratura e que os advogados deveriam saber respeitar: "vale mais um mau acordo, que uma boa sentença".

      Não veja falta de verticalidade na atitude do Conselho Directivo do SCP, que sempre terá de assumir a responsabilidade que é conferida pelos sócios, de defender o Sporting até ao limite das suas capacidades, para não ser acusado mais tarde de conivência com o indemnizado, o que seria perfeitamente possível no futuro, quando este acto eventualmente viesse sa ser sujeito a uma auditoria!...

      Não devemos confundir as relações pessoais com relações em que uma das partes seja uma instituição com o impacto do SCP. A "César o que é de César, a Deus o que é de Deus"! Os Tribunais existem para derimir estes casos, quando as partes não saõ capazes de encontrar um ponto de acordo.

      Quisera eu que o Sporting sempre tenha siso defendido como o foi agora.

      SL

      Eliminar
    2. Caro Alamo,

      Gostaria de deixar claro que o que escrevi não tem o foco só na situação do MS mas sim no volume inusitado de casos em que o SCP está envolvido em tribunal.
      Estou e estarei sempre ao lado de direcções que usem todas as formas de defesa dos interesses da instituição SCP. Não sou anjinho e sei o mundo cão que nos rodeia.
      Só alertei para o efeito boomrang que pode advir no futuro para esta direcção...
      Sobre o caso MS só gostaria de deixar uma nota para memoria futura pois não me quero pronunciar antes da sentença. O contrato de longa duração dele foi uma imposição da direcção nomeadamente do presidente. Depois de escrito e assinado cada uma das partes assuma a sua responsabilidade.
      SL

      Eliminar
  2. O meu grande aplauso, Amigo Álamo, para DO, mas sobretudo para si, subscrevo "tudinho" sem excepções, hoje analisando os últimos acontecimentos com mais calma as coisas parecem-me mais coloridas, só me sinto um pouco incomodada, com a incerteza, se JJ saberá valorizar ao máximo a nossa formação, oxalá que tudo certo para bem do nosso Sporting.
    Obrigado amigo, pelos seus textos maravilhosos, eles para mim têm o efeito de um bálsamo tão enraizado é o Sportinguismo que deles emana....e sim amigo, nós Sportinguistas somos diferentes, e de que maneira....

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desculpe meu Amigo, mas discordo da opinião de Daniel Oliveira,
      pessoa que me habituei a respeitar em várias vertentes.
      Embora não esteja nada bem do meu físico, esta complicada situação que o nosso clube vive, pelo menos levou-me a reagir e sentir-me um pouco mais "vivo". Juro que não é das anfetaminas de que falei esta manhã!
      Disse-lhe que a minha tolerância para com BC havia terminado. Mas se ele fizer algo de bom para o nosso clube, cá estarei para o elogiar. Não é o caso da contratação de JJ, ou melhor, os motivos que em meu entender, o levaram a tal...
      Bruno de Carvalho, não tenho (teremos) qualquer dúvida, só não despediu MS em Dezembro porque os sócios e adeptos a tal se opuseram. Esta decisão de agora, foi, em meu entender, mesmo correndo BC sérios riscos, a única forma airosa de ele "agarrar" os sportinguistas.
      Que lhe importa que JJ não seja um cordeiro, que lhe importa que JJ tenha exigido
      que ele saia do banco e vá para o camarote, se ele continuar agarrado ao poder que lhe foi concedido pelos sócios?...
      Daniel de Oliveira é DO, eu sou JM, pequenino, humilde, mas com pleno direito ao contraditório.
      Permita-me dizer-lhe que o artigo de DO o terá arrebatado ao ponto de não ter o meu Amigo revelado a prudência nas considerações que a seguir explanou que já aqui nos aconselhou por vezes e, creia, sempre me mereceu respeito.
      Sempre achei que os bons Amigos são aqueles que nem sempre nos dão palmadinhas nas costas. Hoje não lhas dou, creia- me sem menor apreço por si.
      Um forte abraço uma boa noite e que dias mais risonhos surjam para o nosso Sporting.






      Eliminar
    2. Obrigado Amiga. Mas creio que talvez não seja merecedor da forma como os seus olhos vêem os meus textos. Faço o que posso e sei e por cá vou continuando, seguindo o lema do blog, pelo NOSSO SPORTING! Bem haja pelas suas palavras e estímulo.

      SL

      Eliminar
  3. Desculpe o abuso meu caro! O que acha?

    http://wp.me/p5Myy5-1C

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho interessante, embora não tenha acrescentado rigorosamente nada ao que já era do meu conhecimento.

      Eliminar
  4. Caro Álamo,

    Mais um excelente 'post', alicerçado na coluna que Daniel Oliveira continua a produzir no diário desportivo com nome estrangeiro...

    De facto, hoje foi andei num corropio de bocas 'directas' ou 'indirectas' por parte de inúmeros lãpiões... Ao que lhes ia respondendo com "...enquanto não vir o Jorge Jesus a assinar contrato e a ser apresentado não comento..."... Resultado, mais AZIA e mais tentativas de me verem irritado, mas apenas lhes dei... ESCÁRNIO e pouco mais...

    Entretanto, a meio da tarde soube-se do despedimento por justa causa do marco (nada que me admire), e aí o tom mudou, observei pessoas, ditos sportinguistas, indignadas e enervadas para com o Presidente do Sporting Clube de Portugal, a estes apelido-os de 'cabecinhas ocas', pois são aquelas pessoas facilmente influenciáveis pelos 'opinion makers' da nossa praça... E tanta demagogia que para aí anda... Felizmente que também observei, tal como eu, muitos mais sportinguistas satisfeitos com esta movimentação Leonina. Quero aqui reafirmar o meu aplauso a esta contratação por parte da SAD do SCP, a mesma revela ambição (e não conformismo), determinação (matam-se diversos coelhos duma cajadada só) e verdadeira independência. Venham as contratações de alguns jogadores...

    Agora é descansar, pois amanhã é outro dia, e pelos vistos vai ser um belo dia de sol.

    A minhas calorosas Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao Sr. YAZALDE, permito-me um reparo:
      Costumo pensar pela minha cabeça, se a dos outros funcionar melhor do que a minha,
      serei "influenciável" com alguma parcela de humildade, cabeça oca às vezes sinto-a por questões infelizmente orgânicas. Como deve compreender, eu sou um dos indignados...
      Tenha uma boa noite se ainda me estiver a ler, um bom dia e um bom fim de semana com um futsal a dar-nos pelo menos a alegria de uma vitória.
      José Manuel Figueiredo

      Eliminar
    2. Ao JM,

      Quem diz isto "Disse-lhe que a minha tolerância para com BC havia terminado. Mas se ele fizer algo de bom para o nosso clube, cá estarei para o elogiar. Não é o caso da contratação de JJ, ou melhor, os motivos que em meu entender, o levaram a tal...
      Bruno de Carvalho, não tenho (teremos) qualquer dúvida, só não despediu MS em Dezembro porque os sócios e adeptos a tal se opuseram. Esta decisão de agora, foi, em meu entender, mesmo correndo BC sérios riscos, a única forma airosa de ele "agarrar" os sportinguistas.
      Que lhe importa que JJ não seja um cordeiro, que lhe importa que JJ tenha exigido
      que ele saia do banco e vá para o camarote, se ele continuar agarrado ao poder que lhe foi concedido pelos sócios?...", como você disse, revela uma tendência para atacar o Presidente do Sporting Clube de Portugal de toda e qualquer maneira... É só ler este excerto do que você escreveu...

      É Triste que "ditos" sportinguistas" tenham o desplante de criticar o Dr Bruno de Carvalho com frases como "Disse-lhe que a minha tolerância para com BC havia terminado. Mas se ele fizer algo de bom para o nosso clube, cá estarei para o elogiar."... Então o Homem nestes 2 anos não tem feito nada pelo SCP que seja digno de elogio? Você é muito exigente... Onde é que você andava quando Soares Franco, Bettencourt, ou Godinho Lopes cavavam a cova onde enterrar o clube do Leão Rampante???

      Ou mesmo "Que lhe importa que JJ não seja um cordeiro, que lhe importa que JJ tenha exigido que ele saia do banco e vá para o camarote, se ele continuar agarrado ao poder que lhe foi concedido pelos sócios?"... Isto não é de quem queira o bem do SCP, ou então de alguém que tem uma 'agenda' para atacar o Presidente do SCP de toda e qualquer maneira...

      A incoerência e as contradições são mais que muitas... Diria mesmo mais, isto é de IGNÓBIL...

      Eliminar
    3. Ao Sr. YaZalde,
      Fiz um reparo à sua intervenção, que acusei, porque falou em "ditos sportinguistas", "gente influenciável", "cabeças ocas", etc.
      Não o ofendi na minha resposta e, para ficar por aqui, dir-lhe-ei que o meu sportinguismo, o meu amor ao Sporting, náo podem ser questionados por alguém que me chama ignóbil porque eu, que já defendi noutro blog o BC, discordo frontalmente da sua forma de actuar desde Dezembro. Não sei se já escorreu suor pelo seu corpo a defender o SCP. Pelo meu, em dois anos a representar a gloriosa camisola do meu clube, do meu filho e do meu saudoso pai escorreu e como isso me deu prazer! Passe bem e reitero o que de madrugada disse: Força leóes para o duplo duelo em futal deste fim-de-semana!

      Eliminar
  5. Já o disse também, não era assim que eu queria que MS "fosse embora" (aliás eu até queria que ele ficasse...)...

    Mas eu desconheço completamente as "as linhas com que foram cosidos todos os acontecimentos"...

    Mas continuo 100% com BC (mesmo descontando os erros, que os tem havido...)

    Mas não esqueço (nunca...) que o Sporting é que está acima de todas situações e que os homens passam, "mas o Clube fica" (e aqui nem posso deixar de lembrara "que fica"...e devemos estar muito gratos a BC por isso...)...

    Agora..."vamos a outra" que o futuro é já amanhã...!!

    Obrigado MS...

    Felicidades JJ...vamos ao trabalho...!!

    Abr e SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE