quinta-feira, 16 de abril de 2015

Não será salutar e nada abonatório para a causa leonina!...



"Por mais que se queira evitar, a política sempre se ligou de alguma forma ao desporto. Quem não se lembra do inesquecível jogo entre a Argentina e a Inglaterra, em que Maradona e os seus homens estavam decididos a vingar a guerra das Malvinas? As rivalidades históricas, políticas ou não, também se decidem no futebol. Na realidade, a competição desportiva servem, entre outras coisas, para transformar confrontos perigosos em disputas não-violentas. É sabido que os tempos que correm não são os melhores nas relações dos portugueses (e de todo o sul da Europa) com a Alemanha. Sempre que a Alemanha fica mais forte tende perigosamente para a arrogância e para o abuso de poder. Não se pode dizer que isto era o mais importante no jogo entre o Bayern e o FC Porto. Só mesmo para um potencial abstencionista na contenda, como eu. Até na Alemanha a situação financeira portuguesa foi referida na imprensa desportiva em trocadilhos de títulos.

Nada tenho contra a Alemanha. Tenho grandes amigos alemães e fui lá sempre bem recebido. Não costumo gostar ou desgostar de pessoas pela sua nacionalidade. Mas tenho de confessar que nesta altura do campeonato qualquer derrota alemã me sabe bem. Não tenho nada contra o Futebol Clube do Porto. Tenho grandes amigos portistas e só não costumo ir ao Dragão por não ser muito habitual receberem bem. Não costumo gostar ou desgostar de pessoas pelo seu clube. Mas tenho de confessar que a história recente do FC Porto e o seu presidente me levam a nunca torcer por ele. Dividiu-se-me o coração entre os maus fígados políticos e os maus fígados desportivos. E apesar de não costumar decidir a minha preferência pela qualidade do jogo - que não se conhece à partida -, apanhei-me feliz com a vitória do FC Porto. Acho que foi a primeira vez. É que há uma coisa que não se perdoa a um arrogante: o amadorismo."
(Daniel Oliveira, Verde na Bola in Record)

Ainda bem que a manifestação do meu regosijo pela vitória do Porto, foi anterior à publicação deste texto de Daniel Oliveira. Se não o fosse, talvez viesse a ser acusado de seguidismo político, encapuçado de sequidismo clubístico!...

Compreendo e respeito a posição de Daniel Oliveira. E quase diria, que comungo muitas das suas razões. Ou terão os sportinguistas de partilhar afectos, ódios e rancores uns com os outros, para além do seu natural e eterno amor ao Sporting?!...

Entendo não ser salutar e nada abonatório para a causa leonina!...

Leoninamente,
Até á próxima

10 comentários:

  1. Amigo Álamo, excelente texto de Daniel Oliveira, subscrevo totalmente, esta forma de estar de DO.
    Digo-lhe amigo, que não tem nada a recear, de vir a ser acusado seja do que for, e, claro que pelo facto de sermos sportinguistas, não somos obrigados a partilhar afectos, ódios e rancores uns com os outros, isto de forma nenhuma, cada um tem apenas que obedecer à sua própria consciência, pois só ela nos pode dizer o que devemos falar ou fazer..

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma grande figura da nossa actualidade política, Daniel Oliveira, minha boa amiga Leoa Maria! Nem poderia ser diferente da figura incontornável de Herberto Helder, seu pai, recentemente falecido. É um privilégio para todos os sportinguistas, sabê-lo como indefectível e lúcido leão dos sete costados!...

      Obrigado pelas suas palavras amigas! Bem haja.

      SL

      Eliminar
  2. Os meus pais ensinaram-me a nunca odiar ninguém e por isso... "ódio" é uma palvra que não faz parte do meu vocabulário...
    Mas confesso, que há coisas de que sou incapaz e entre essas coisas está...:
    O ser capaz de me congratular com qualquer vitória que possa passar pelos terrenos dos benfas os dos corruptos do fcp...

    Paciência...eu sei que até é possível "emendar os nossos erros"...mas nestes casos...nem me preocupo em fazer qualquer esforço de mudança...

    Para as gentes do Porto...muita saude e muita sorte...

    Para o jogo da 2ª mão...uma clara vitória do Bayern...!!

    Porquê...?
    - Entre outras coisas...para evitar que (os do fcp) possam "cometer outros crimes desportivos"...
    com os rendimentos auferidos pelas vitórias...!!

    Abr e SL

    ResponderEliminar
  3. Tirando o Benfica e o porto todos os outros adeptos sao bi clubistas, apoiam o "seu" clube e mais um, quando nao podem ganhar (o que acontece com frequencia) desejam a vitoria do seu "outro" clube. Ao menos sau auntenticos e nisso a minha venia. Atencao que nao quis ofender ninguem so constatar a verdade.

    ResponderEliminar
  4. Essa coisa de associarem o futebol alemão versus futebol português à idiossincrasia/economia alemã versus idiossincrasia/economia português é o cúmulo da pequenez filosófica.

    Façamos a seguinte especulação de carácter filosófico:
    1. No tempo do III Reich todos os alemães eram nazis e criaturas demoníacas?
    2. No tempo do Estado Novo todos os portugueses eram salazaristas e informadores da PIDE-DGS?
    3. Só por ser português, e numa atitude de patriotismo, eu tenho indubitavelmente, e sempre, de ser a favor , numa contenda luso-germanica, dos lusos?
    4. Será que não existem porventura alemães melhores do que portugueses?
    Ah não, vou torcer, somente durante 90 minutos) ainda que tendo de esquecer todas as tropelias e crimes perpetrados ao longo dos últimos trinta anos pelos dirigents (que até estão ao lado dos fundos contra o nosso Sporting)desta equipa portuguesa: isto é o zénite da hipocrisia mental e cultural.
    Será que não conseguiram ver o jogo e serem pelo menos neutros?
    Acham que o padrinho num prélio Sporting- Bayern estaria a torcer pelo Sporting?
    Cada vez percebo melhor a verdadeira razão pela qual o Sporting chegou onde chegou! Resposta: os sportinguistas com esta atitude de querer ser diferentes só têm feito mal ao clube.
    Espero que estes mesmos sportinguistas, que vibraram com esta vitória parcial do Porco, no momento em que o padrinho esteja a tramar-nos na negociação dos direitos televisivos e a depor contra nós na questão da Doen se lembrem e continuem a fazer essas associações apressadas entre as economias/arrogâncias alemã-Bayern versus as de Portugal/Porco.

    ResponderEliminar
  5. ""Derrota com o FC Porto provoca demissão do departamento médico""
    ÓBVIAMENTE DEMITIRAM-SE PORQUE
    VIRAM COMO ERAM UNS IGNORANTES

    Alex Sandro está a ser seguido com muita atenção por vários clubes.
    Em Inglaterra, o jornal Daily Mail revela que o Manchester City está focado no jogador
    DEPOIS DO MANGALÁ E DO FERNANDO
    NUNCA MAIS APRENDEM?????????????
    (VÃO AO BRASIL FALAR COM O GRANDE CASA)
    OS DO BAYERN JÁ APRENDERAM


    Depois de abrir o livro no relvado, Ricardo Quaresma abriu o coração no final do jogo com o Bayern.
    De forma desassombrada, admitiu ser agora um jogador diferente.
    «O futebol também muda, as ideias mudam. E tu, ou mudas ou deixas-te ir.
    Eu tive de mudar», sublinhou o camisola 7 dos azuis e brancos.
    ÓBVIAMENTE MUDOU PARA A FORMA DOS TEMPOS ANTIGOS
    DEPOIS DE VÁRIAS ÉPOCAS COMO "BIDON DE LATA""
    EM ITÁLIA. INGLATERRA E RÚSSIA SÓ AGORA DEPOIS DOS TRINTA
    É QUE VOLTA A DESLIZAR PELOS RELVADOS, INFLUENCIADO
    PELOS BONS ARES DA PÓBOA CARAGO
    Esta é a fase em que estou a jogar mais,
    por isso a confiança aparece e o talento vem ao de cima», justificou o extremo.
    O TALENTO VEM AO DE CIMO
    É ISSO AÍ, O TALENTO VEM AO DE CIMO
    NA ITÁLIA EM VEZ DE TALENTO
    OS ITALIANOS COMENTAVAM: TÁ LENTO

    Como o F. C. Porto enganou os alemães
    O F. C. Porto geriu com inteligência a utilização de Jackson
    diante do Bayern para provocar um efeito surpresa na equipa alemã. E conseguiu-o.
    POIS CONSEGUIU
    CONSEGUIU TRANSFORMAR UM LESIONADO
    MUSCULAR NUM ATLETA CHEIO DE SAÚDE

    POR ISSO OS MÉDICOS ALEMÃES PEDIRAM A DEMISSÃO

    PS- AINDA SE VERÃO EQUIPAS EUROPEIAS ANDAREM A ENCHER
    SAQUINHOS DE AR JUNTO ÀS PRAIAS DA PÓVOA PARA DAREM AOS SEUS ATLETAS
    UM ARZINHO FRESQUINHO DA PÓVOA QUE DÁ SAÚDE E FAZ CRESCER

    ResponderEliminar
  6. Tudo verdade...!!! Assim como a escolha de outros - como eu - pela tristeza na vitória do fcp....

    Jamais poderemos avaliar as escolhas de cada qual, pesando, quilometricamente, os argumentos de cada um..., pois, diz-nos a liberdade, que cada qual terá as suas razões pelo seu lado... E seria uma 'discussão' sem fim entre argumentário e contraditório... ambas (as duas) válidas...

    Como tal... "Ainda bem que não gostamos todos do.... amareeelo..." mas permitam-me um pouquinho de piri-piri na discussão... (vá lá... senão isto não tem piada nenhuma... :))))) ) DO também diz que.... "Acho que foi a primeira vez."

    p.s. uma verdade insofismável (analisada por qualquer dos prismas) "É que há uma coisa que não se perdoa a um arrogante: o amadorismo."

    SL

    ResponderEliminar
  7. Saúdo todos os Sportinguistas, sem excepção, pois acredito que cada um à sua maneira vive o Sporting, como tal respeito mto a opinião de cada um, seja ou não coincidente com a minha, pois como sabemos as diversidades são apanágio de um mundo civilizado.
    Sinto necessidade de comentar uma passagem do comentário do "CAVERNA DA LUXÚRIA".

    1º-Acham que o padrinho num prélio Sporting- Bayern estaria a torcer pelo Sporting?

    R- Claro que não, todos sabemos que "o padrinho" nunca torceria pelo Sporting, pq é aqui que a consciência de cada um entra em campo, e o aconselhamento que esta faz ao seu pupilo varia consoante o ADN deste. (pois todos conhecemos o ADN do padrinho não é?)

    2º-Cada vez percebo melhor a verdadeira razão pela qual o Sporting chegou onde chegou! Resposta: os sportinguistas com esta atitude de querer ser diferentes só têm feito mal ao clube.

    R- Acha mesmo que foram este tipo de Sportinguistas, os responsáveis pela decadència do Sporting no passado? Aqui vejo que o CDL está a confundir Sportinguistas que independentemente de o serem presam acima de tudo a honestidade e a justiça, mas sempre com o Sporting no topo das prioridades, com Sportinguistas que se vendem em troca de migalhas, mesmo que isso signifique a destruição do próprio clube (caso godinho) espero que consiga compreender a grande diferença que aqui existe.

    3º- "Espero que estes mesmos sportinguistas, que vibraram com esta vitória parcial do Porco, no momento em que o padrinho esteja a tramar-nos na negociação dos direitos televisivos e a depor contra nós na questão da Doen se lembrem e continuem a fazer essas associações apressadas entre as economias/arrogâncias alemã-Bayern versus as de Portugal/Porco."

    R- Acredita mesmo que estes Sportinguistas vibraram com o vitória do porco?
    Desde já lhe digo que eu não vibrei, longe disso, apenas vi o jogo, e quer goste quer não, jamais poderei negar, que o porco fez um bom jogo, logo mereceu ganhar, além disso pesando os prós e os contras, (não percebo mto bem como funciona o rankig de Portugal na Europa, mas deduzo que o facto de últimamente haver um terceiro lugar através de play off no acesso à liga dos campeões terá a ver com a boa prestação de equipas portuguesas na Europa ou não?) tb considerei que além de todos os argumentos, apontados por DO a derrota do Bayern foi uma espécie de vingança, de todas as injustiças de que o Sporting foi vítima às mãos dos alemães, na fase de grupos da liga dos campeões....

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Subscrevo integralmente o comentário da amiga Leoa Maria, muito particularmente na última questão. Eu também não VIBREI com a vitória do Porto, apenas me senti satisfeito por ela ter acontecido contra quem foi e aquilo que representa. SÓ AS VITÓRIAS DO SPORTING ME FAZEM VIBRAR E QUANTAS VEZES COMOVER ATÉ ÀS LÁGRIMAS!...

      Saúdo também todos os sportinguistas sem excepção, independentemente da forma como sintam e vivam o Sporting. SER SPORTINGISTA NÃO SE ENSINA, APENAS SE VIVE, CADA UM À SUA MANEIRA!...

      Fortes Saudações Leoninas para todos.

      Eliminar
  8. Caro Alamo.
    Sabe do que é que gostei, na vitória do Porto perante o Bayern ?
    Gostei de ver um grande jogador, formado no nosso clube, de novo na ribalta e a demonstrar que apesar de não o termos aproveitado convenientemente, continua a ser um dos maiores jogadores formados pelo Sporting.

    Isto traz-me de volta a lembrança, de anos e anos de má gestão do nosso clube que levaram a que os grandes jogadores formados em Alvalade ou Alcochete, brilhem noutros clubes, inclusive nos nossos rivais, por falta de capacidade dos dirigentes do SCP para os saberem manter a jogar no nosso clube, desculpando-se em seguida com histórias de frutas podres e outros incompetências.
    Estou esperançado que tudo isto mude e que o Sporting possa aproveitar em proveito próprio, aquilo que tão bem sabe formar, pode ser que mais tarde possamos vir a ter orgulho do trabalho efetuado pelos nossos jogadores, mas com o Sporting como protagonista.
    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE