segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Eu também quero ser campeão e começar por vencer o próximo jogo!...

foto retirada de Record

Ontem em Alvalade, os adeptos sportinguistas acabaram em definitivo com o tabu da famigerada candidatura ao título, fabricado com objectivos bem precisos e melhor entendidos por todo o formidável universo leonino, pela comunicação social. Mas na famosíssima e belíssima "Curva Sul", foi muito bem dada a volta a um texto que interessaria a muito boa gente.

Ninguém por ali "arrotou postas de pescada" e reservou o Marquês - desconfio que um dia destes, alguém por nós irá escrever isso na base da estátua! -, afirmando que "somos os melhores do mundo"! Apenas se ouviu dizer, a uma só voz naquela mítica curva e que depois ecoou por todo o estádio, "Eu quero ser campeão", na celebração com alegria e entusiasmo do golo de André Martins. Eu também gritei bem alto e manifestei, contagiado, mesmo a dezenas de metros de distância, o mesmo profundo desejo. E muitos outros leões estiveram comigo. 

E voltei a gritar, emocionado e feliz, quando Wilson Eduardo apontou o terceiro golo, o que apareceu escrito na tarja imediatamente desfraldada: “Próximo objetivo: três pontos versus Nacional.”.

Querer ser campeão e fixar como objectivo a conquista dos três pontos no próximo jogo, nunca será euforia despropositada ou preconceito narcisista e megalómano. Apenas e tão só o desejo de concretização de um sonho colectivo e da fixação da dimensão do próximo passo. Por muito que isso doa a quem desejará o mesmo, sem a coragem de convictamente o afirmar.

Leoninamente,
Até à próxima

Sem comentários:

Publicar um comentário

PUBLICIDADE