terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Eu bem que avisei!...



Pois é, 'tava-se mesmo a ver, não 'tava!...




Eu bem que avisei! Mas o Fontelas nunca me quis ouvir!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Caríssimo:
    Como descreveu a Grande Agustina, "há coisas que me fazem tanta pena...".
    Faço aqui, com a devida vénia, paste do post scriptum do último post da Tasca do Cherba, para comentar uma situação, no meu modesto ver, incompreensível:

    "p.s. – não falei de Ryan Gauld propositadamente. Já não tenho forma de expressar o quão despropositada é a gestão da situação de um jogador que se apaga na desilusão da falta de oportunidades que justifica há meses"

    Na realidade, não sou treinador, mas desde as primeiras vezes que vi este jovem escocês jogar, percebi que pode e vai ser um belíssimo jogador.
    Esses apontamentos continua a ter na equipa B onde continua, e continua, e continua...
    Coimo o meu Amigo sabe, prefiro calar-me a dizer mal, mas esta situação já devia ter sido perguntada a JJ: quem põe a jogar um rapazito como o André Martins, que não evoluiu nada nos anos todos que leva de Sporting, não dá uma, uma que seja, oportunidade a este jovem porquÊ?~
    Creio que no ano passado ou há dois, ainda teve uns minutos na equipa A, e até com bom desempenho.
    À boa maneira britânica, trabalha e não reclama, o que é, para mim, muito elogiável.
    Será que tem um agente que não agrada ao presidente? Ser baixinho não colhe, Moutinho também o é, ser jovem também não, temos vários exemplos de jovens lançados com sucesso.
    Alguém explica?
    Um grande Abraço,

    José Lopes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo José Lopes, andei quase toda a época passada a dar o benefício da dúvida a João de Deus e continuei a fazer o mesmo no arranque da presente. Porém à medida que a presente época tem avançado julgo ver na nossa equipa B, qualquer coisa que nos poderia sugerir um bom petisco, mas, ao provarmos, notamos que falta... o sal, a pimenta, a noz moscada, enfim aquele toque que apenas está ao alcance dos bons cozinheiros...
      Depois ponho-me a pensar sobre o que será que fará entrar na vulgaridade jogadores como Labyad, Viola e Gauld, muito particularmente este último? Parafraseando o meu amigo, "alguém explica?"

      Grande abraço e um Feliz Natal para si e todos aqueles que tem junto ao coração.

      Eliminar

PUBLICIDADE