sábado, 9 de Fevereiro de 2013

Entre os limites da razão e da loucura...

Não existe limite entre a razão e a loucura !...
 
No prosseguimento da busca e apresentação de matéria de reflexão, em que os sportinguistas possam encontrar uma base consistente para uma decisão séria e ponderada dos seus votos, impressionou-me favoravelmente um texto de Sérgio_alj, publicado aqui, que aconselho vivamente, assim como um complemento a esta análise publicado posteriormente pela redacção do mesmo blog.
Embora as minhas convicções actuais não sejam absolutamente coincidentes com as que se me depararam nos dois textos que acima sugeri, encontrei alguns pontos curiosos com os quais me identifiquei ou, pelo menos, encontrei uma razoável proximidade com o meu pensamento. E gostaria de destacar particularmente o seguinte:

"... Jorge Jesus está em final de contrato com o Benfica e se algum candidato o conseguir contratar, tem meio caminho andado para chegar à presidência. Não só pela sua valia técnica, táctica, papel que tem no desenvolvimento dos jogadores (algo que a longo prazo resulta em importantes receitas… e isso em Alvalade não acontece há anos), mas principalmente porque o seu lado humano entra em colisão com a “postura” que por norma o Sporting apresenta, o que nesta fase é o que se pede.
Os leões tem que definitivamente romper com o passado e Jorge Jesus é neste momento (com o seu perfil) um dos poucos que pode salvar o emblema leonino.".
 
Se a esta opinião - goste-se ou não, não lhe poderão ser negadas, tanto a validade quanto a exequibilidade -, juntarmos as palavras recentes de Jorge Jesus que  aqui foram referidas e onde sublinharei, muito particularmente, este pensamento,
 
"... Claro que continuo motivado, o futebol é a minha paixão, por isso estarei sempre super motivado seja em que equipa estiver.",
 
mais reforçada resultará a tese defendida e mais reduzida será a sua dose de extravagância, loucura, ou que lhe quiserem chamar. De absurdo é que, do meu ponto de vista, jamais a poderemos apelidar! De génio e de louco, todos teremos um pouco !... E parafraseando Raul Seixas, cantor, compositor e pensador brasileiro, infelizmente desaparecido no apogeu da sua criatividade, "A arte de ser louco é jamais cometer a loucura de ser um sujeito normal".
 
Leoninamente,
Até à próxima
 

4 comentários:

  1. O Sporting não tem dinheiro nem para mandar cantar um cego. Ainda tem os ordenados da equipa principal de Janeiro em atraso e dentro de 2 semanas os de Fevereiro também. Como é que arranjavam 4M€, mais alcavalas, para pagar a um treinador? Uma coisa é querer outra é poder.
    E o JJ só sairá do Benfica se este quiser. E o Benfica não quer.

    ResponderEliminar
  2. O caro Manuel terá procurado definir a minha subjectividade, exercendo um direito que naturalmente lhe assiste e eu não contesto, mas penso que o caminho que percorreu será tão difícil como procurar encontrar a definição dos limites entre a razão e a loucura.

    ResponderEliminar
  3. só para lembrar que o JJ tá na lista dos 10 mais bem pagos treinadores do mundo ganha 250mil/mes limpos, cerca de 350mil brutos...Se acha realista siga...

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se pensarmos no que foi gasto com a vinda de 25 jogadores no consulado de Godinho Lopes, isso serão "peanuts"! Pagar bem a um óptimo treinador, vale mais que 50 jogadores que se contratem como GL fez! Mas a decisão há-de estar no próximo Presidente. Nós só seremos chamados a votos. Depois é com quem for eleito...
      Agora cada sportinguista terá o direito de pensar com a sua cabeça. Por mim não abri o blog para jogos florais. Este blog existe para eu aqui dizer o que penso. Mal ou bem, é a minha opinião e a forma como vejo o Sporting que amo !...

      Eliminar

PUBLICIDADE