domingo, 13 de março de 2016

Lá que vai sendo "mais do que tempo", ai isso vai!...


SPORTING RESSUSCITOU

«Ao oitavo dia, o Sporting ressuscitou. Depois de uma semana de agonia, vinda de uma derrota difícil de engolir por injusta, até aberrante, o leão foi ao Estoril arrancar uma vitória. Não categórica mas uma vitória com dor, ao ponto de Rui Patrício, o santo padroeiro da equipa, ter evitado o empate nos derradeiros minutos.

A velha pecha leonina voltou a atacar e lá esteve, mais uma vez, a dificuldade em matar os jogos. O credo na boca faz parte do viver dos adeptos, pois nem com um resultado de 2-0 podem estar descansados.

Este ressuscitar frente ao Estoril teve em Slimani a varinha mágica. O argelino regressou aos golos e os seus golos têm mais encanto, pois a rapaziada à sua volta, na frente de ataque, nem na baliza consegue acertar, mesmo que isolados. Um desastre.

Na realidade - frase preferida de um amigo meu –, o Sporting somou os três pontos e revigorou o ânimo e a confiança na luta pelo título. Ressuscitou. Falta muito campeonato e muita coisa vai acontecer, tanta que o campeão está muito longe de estar definido. Disse.

No entanto, era bom que o presidente e o treinador moderassem o discurso, pois vai sendo tempo de concluírem que os jogos se ganham com golos e não com frases bombásticas, que, chegadas as derrotas, se tornam ridículas. O Sporting já perdeu tudo, resta-lhe uma luzinha acesa a alumiar o campeonato e este é, sendo o que resta, o tudo ou nada. É muito grande o risco de entradas de leão e saídas de sendeiro. Estilo, precisa-se.»
(Alberto do Rosário, Bilhar Grande, in Record)

Subscrevo inteiramente, com vírgulas e tudo, o pensamento de Alberto do Rosário, acrescentando, da minha inteira lavra e responsabilidade, por me parecer "mais do que óbvio" ...

Lá que vai sendo "mais do que tempo", ai isso vai!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Bem regressado seja ao "ringue", caro Álamo!
    SL
    Basco "O Leão"

    ResponderEliminar
  2. Amigo Álamo, tb subscrevo na íntegra o texto de AdR, com grande ênfase para o último parágrafo, nada de discursos para fora, e concentração total nos jogos que faltam...

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE