quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Quem não se sente, não é filho de boa gente!...



«... Reconheço e elogio – já o escrevi – o facto de Bruno de Carvalho ter devolvido a esperança ao Sporting. Durante muito tempo fui sócio do clube, mais tarde, até por razões profissionais, deixei de ser. Recentemente voltei a ser. E voltei a ser porque voltei a acreditar no Sporting.

Nunca andei, em quase 30 anos de profissão, alguns no chamado jornalismo desportivo, de camisola vestida. Nem nunca vou andar. Não vejo fantasmas ou penáltis onde eles não existem, nem defendo as minhas cores só por defender. Sempre fui assim, sempre assim serei, são esses valores que herdei do meu pai e que me esforço por passar ao meu filho. Sábado vamos ao futebol. Torcer pelo Sporting. Mas se o Benfica for melhor e ganhar dou os parabéns aos meus amigos benfiquistas. E que não venha de lá o Octávio dizer que eu sou do coro angelical...»
(Nuno Santos, Ângulo Inverso, in Record)

Às vezes acontece um "very light" atingir um inocente, só porque resolve ir a jogo. E participar nele, à sua maneira! Por isso os "very lights" e petardos e bombas fumo e toda a pirotecnia que vemos por aí não são permitidos por lei. Mas no Sporting, às vezes, alguém esquece a lei. A lei geral e muito particularmente a nossa. Porque nós também a temos. Centenária e motivo de muito orgulho. Sem necessidade. Só porque não se controlam os impulsos, aquele lado mau que todos temos...

Às vezes, nada paga o conforto da palavra certa no momento certo, se tivermos a coragem de o reconhecer e pronunciá-la. Porque... 

Quem não se sente, não é filho de boa gente!...

Leoninamente,
Até à próxima

1 comentário:

  1. Ele tem todo o direito a ser assim, mas... Eu cá não gosto deste tipo de Sportinguistas.
    Para mim ser sportinguista é ficar f... se o sporting não ganha, dormir mal nesse dia, mas no dia a seguir ir em frente. Tenho muita dificuldade em parabenizar adversários nessas situações, fico calado.

    Mas esse sou eu...Porque acho que se todo fossemos como o NS, o puro sportinguismo nunca era passado ;-)

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE