domingo, 1 de novembro de 2015

Primeiro e sempre o Sporting!...


Jorge Jesus faz leão acreditar no título


«Belo jogo de futebol em Alvalade. Sporting e Estoril fizeram valer a pena o bilhete pago pelos mais de 40 mil que se deslocaram ao estádio para apoiar os leões. Uma primeira parte impressionante dos canarinhos, que não fosse Patrício tinham mesmo marcado. Uma resposta excelente dos da casa, a fazerem por merecer um triunfo complicadíssimo.

A arbitragem de Jorge Ferreira não foi isenta de erros. Pelo contrário. Felizmente, como foi mais do que um, acabaram por não trair o resultado. Porque também ele contribuiu de forma clara para o grande jogo em Alvalade. Deixou jogar como poucos e o futebol foi rei. Pena os penáltis. Não estragou a coisa e nos dias que correm não pedimos mais do que isso. Mesmo que seja pouco.

Mas a grande figura do Sporting é mesmo Jorge Jesus. O técnico que Bruno de Carvalho contratou para ser campeão está a fazer tudo para merecer o muito que ganha. A sua experiência é neste momento importantíssima para os leões. É ele quem marca a agenda, quem marca os ritmos, quem faz as regras. É verdade que o presidente continua a falar todos os dias, mas é para o treinador que os adeptos hoje olham com esperança de matar o jejum na liga. Eles sabem que JJ sabe como se faz. E olham para os jogadores, para o que fizeram no dérbi e percebem que também os craques acreditam. Daí os 40 mil.

Jesus já avisou. E bem. O mais difícil está para vir. Aguentar a pressão e chegar ao fim na mesma posição que agora ocupam. O Sporting depende apenas de si próprio, mas precisa que Bruno de Carvalho mantenha a pressão, JJ a qualidade do futebol e os jogadores a fibra. Num plantel de qualidade mas curto, todos os pormenores contam. Mesmo todos.»
(Bernardo Ribeiro, Entrada em Campo, in Record)

Os adeptos acreditam! Até aqueles que ocupavam grande parte do seu tempo e do seu afecto leonino a dar pontapés nos móveis da casa, estarão agora mais distraídos com a liderança e com os problemas da fé. A gente vai por aí dar uma volta e regressa  a casa menos ressabiado com o que se nos depara: muito sportinguista deixou de bater no céguinho! Já fazia falta esse "armistício", esse "embainhar de  espadas", que ninguém é de ferro, carago!...

E o catalizador começa a ser consensual, respeitado e credor de elogios e créditos o que, no universo leonino, ninguém de bom senso poderá afirmar que seja uma situação comum, habitual, natural, normal!... No Sporting sempre foi comum, habitual, natural, normal, dizer-se mal até da roupa que trazemos vestida! Jorge Jesus estará a conseguir fazer germinar as sementes que lançou no estádio José Alvalade no dia da sua apresentação: a união entre sportinguistas, a fixação dos grandes objectivos comuns e a subalternização do tudo o que é acessório., numa palavra...

Primeiro e sempre o Sporting!...

Leoninamente,
Até à próxima

1 comentário:

  1. "As coisas estão todas certas" e cada um está fazer o que se "lhe pedia" em cada momento do jogo...

    O Presidente, para mim, deve continuar (sempre que necessário) a falar (note-se que eu escrevi...: sempre que necessário), a falar...
    E neste momento isso ainda acontece.

    Eu não tenho quaisquer dúvidas de que o árbitro teria concerteza feito uma arbitragem. ainda pior...se acaso o tivessem deixado chegar a Alvalade sem lhe "porem as orelhas a arder"...

    Estou mesmo convicto de que o fora de jogo não foi visivel (eu estava bem posicionado e nada vi...) para a equipa de arbitragem, se o fosse o lance teria sido anulado no seu inicio (e bem, diga-se de passagem...eu não quero "desses favores"...)...
    Só que não podemos esquecer que poucos momentos antes, nos tinha sido subtraído um penalti e por isso "escreveu-se direito por linhas tortas", embora por lapso arbitral e não por tentativa de compensação (que seria péssima...)...

    JJ está bem (nunca gostei da sua maneira de ser treinador...), mas estou rendido à sua classe (Ah Sporting..."obrigas-me" a cada coisa...)...
    Vamos lá esperar que as coisas continuem a decorrer normalmente, ou seja...continuemos a vencer...

    Há aqui também uma importante situação a não deixar esquecida...: os adeptos continuam a acreditar que o "Sporting é o nosso grande amor...!"

    A Comunicação Social já está a fazer o seu papel de apoio a uns em detrimento de outros...:
    Este titulo...: "Sporting é o mais beneficiado da Liga pelos penáltis" não será inocente...

    Mss para mim, a pergunta não deveria ser essa mas sim...:

    1º - Quantos penaltis foram marcados a favor do Sporting, que efectivamente o não tenham sido...?
    2º - Quantos deixaram de ser marcados a favor, que seriam penalti...?
    3ª - Quantos foram marcados contra o Sporting, que efectivamente o não eram...?
    4º - Quantos deixaram de ser marcados contra o Sporting e que eram mesmo penalti...?

    E já agora, deveriam fazer o mesmo exercício em relação aos mais directos adversários...

    Só isso seria jornalismo decente...mas reconheço que também isso...seria pedir demasiado a quem não sabe ser isento...

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE