quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Mal empregado investimento e tempo perdido!...



Mais um jogo com final dramático para o Sporting! Desta vez no andebol e no Pavilhão Casal Vistoso, onde os leões receberam a formação do Porto, na noite desta quarta-feira, em partida relativa à jornada 22 da Fase Regular do Campeonato Nacional de Andebol. 

A 11 minutos do final do encontro a equipa de Zupo Equisoian vencia por um concludente 26-19. Mas como vem sendo hábito no futebol, mais uma vez os leões decidiram "passar pelas brasas", juntamente como seu atarantado treinador e, com um parcial demolidor de 8-0, a equipa nortenha acabou por decidir a contenda a seu favor, fixando o resultado final em 26-27!...

Mal empregado investimento e tempo perdido!...

Leoninamente,
Até à próxima

8 comentários:

  1. aqui sim tens de criticar o treinador..zupo nao sabe defender e se o ataque falha um pouco..jogo perdido..carlos resende era uma aposta excelente pra nos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está visto que o fenómeno é endémico: o Sporting, desde o topo da pirâmide até à base, não sabe defender quando o alarme toca!!!...

      Eliminar
  2. Realmente é inadmissível estar a ganhar por 8 a 11' do fim e deixarem-se perder. Erros infantis, falhas técnicas e mentalidade perdedora é o que tenho visto ao longo dos anos. Enquanto não mudarem a forma como encaram o jogo, nunca vão chegar a lado algum. A ganhar por 8, a 11 minutos do fim, tenho dúvidas que qualquer equipa do fim da tabela perdesse um jogo, fosse com que adversário fosse. Tenho pena, pois o Andebol tem muita tradição e títulos no Sporting. Reúnam com Miguel Albuquerque e Nuno Dias do Futsal, para que lhes sejam dadas aulas de motivação, garra e espírito de vencedor! Às vezes mais vale ter 25 modalidades vencedoras que 30, 40, 50 ou 60 em que uma grande parte não é vencedora. E isto não é critica a BdC que tem feito tudo para que as modalidades sejam vencedoras. Aliás, penso que é um excelente presidente. A.A. SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Além da função desportiva no plano competitivo, as modalidades têm uma função desportiva de cariz social já que estimulam e facilitam a prática do desporto junto de muitos cidadãos.

      Não sei até que ponto o investimento (de dinheiro e tempo) no Andebol do Sporting beneficiam a população e os sportinguistas em particular. A questão estende-se às outras modalidades e BdC (como qualquer outro presidente) deve ser avaliado e responsabilizado pelo que vem fazendo por e com as modalidades.
      Quanto ao "tudo" que BdC tem feito para que as modalidades sejam vencedoras, os resultados vão falando por si mesmos.

      Eliminar
  3. 8 minutos sem marcar um golo!!!!! UM, ONE, UNO, um rematezinho torto, um pirolito, uma chouriçada, um auto-golo, sem querer, a bater no GR e a entrar... nada!! Será que alguem é responsavel, ou é como no futebol, no hoquei. Só falta perder no futsal para começarmos a chorar a sorte.Sorte???Cresçam mas é!

    ResponderEliminar
  4. A equipa não sabe jogar contra um sistema individual em todo o campo e desuniu-se... com o treinador a assistir e a reagir tardiamente.
    Penso que a passividade do treinador contribuiu muito para a quebra (ou terá sido mesmo desorientação?) da maior parte dos jogadores.

    ResponderEliminar
  5. VERGONHA...!!!

    Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
  6. Há uma endêmica falta de preparação psicológica no adn SPORTING...

    É de levar às lágrimas este permanente estado de espírito... São casos atrás de casos de 'mortes na praia'..., de quases e palmarés(es) virtuais e morais... Assim não há argumento, nem destino, que nos valha...

    VERGONHA...!!! Mas que raio de atletas são estes que desaprendem, que se desestruturam e desiquilibram (caindo inevitavelmente) sempre que entram por estas portas adentro...

    SPORTING... Assim não vais lá das pernas...

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE