quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Esta será uma obra que valerá mais que um milhão de palavras!...


Aguardo com profunda convicção que a actual e quase certa futura Direcção do Sporting venha muito rapidamente desmentir a mui propalada extinção da equipa secundária de futebol sénior do Sporting que, sem surpresa, tem vindo a ser veiculada pelos habituais orgãos de comunicação social (OCS), quiçá interessados em proporcionar à candidatura oposicionista nas próximas eleições leoninas de 4 de Março, o trunfo eleitoral que aquela até este momento não foi capaz de descobrir para contrariar o sentimento generalizado do universo sportinguista.

Os argumentos até agora utilizados como podendo estar na origem da onda especulativa inventada à pressa para servir de suporte a esse desesperado e estapafúrdio "trunfo", pese embora a "triste figura" que João de Deus e os seus pupilos têm vindo a protagonizar na II Liga, hão-de esbarrar, hoje e sempre, nas razões soberanas que suportaram a sua criação e que, por pudor e até vergonha, me recuso a deixar por aqui enunciadas, tão definitivo, concludente e incontornável  é o seu postulado.

Outra coisa de inegável evidência, mas que jamais constará das competências, desejos ou interesses dos citados OCS, será a necessária, imperiosa e urgente reavaliação por parte da actual e probabilíssima futura Direcção do Sporting, sobre toda a organização, métodos e objectivos da nossa equipa secundária, cujo modelo a "praxis" tem vindo a revelar excessivamente oneroso e de resultados desgraçadamente modestos, por via de incorrectas escolhas do modelo e lideranças e de um inadmissível corte do cordão umbilical que inapelavelmente deverá ligar sempre as duas equipas séniores do futebol leonino, como se estivéssemos, por absurdo, em presença de dois clubes diferentes e independentes, cada um a puxar para o seu lado para satisfação dos egos ou espúrias e arcaicas convicções de quem os lidera, em vez de uma balizagem revolucionariamente inovadora, num rigoroso e total aproveitamento das sinergias que do projecto deveriam decorrer.

Esta será uma obra que valerá mais que um milhão de palavras!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Obrigado Álamo por tocares num assunto importante. É confrangedor por vezes assistir aos jogos da equipa B. A qualidade anda por lá mas a direção seguida é completamente errada. Vejamos o que está neste momento a acontecer nas camadas jovens em que estamos praticamente em 1º lugar em todas as competições, algo que deveria de estar a ser seguido pela equipa B. Penso que o João de Deus e sua equipa não têm o estofo e carisma para comandar jovens adultos prontos a dar o salto para a alta roda do futebol. Será que não temos nenhum ex jogador verdadeiramente Sportinguista que esteja preparado para tomar conta da equipa? Estes jovens estão numa altura de injecção de moral e mística coisa que de momento não acontece. Vejam o trabalho que o Porto e Braga tem desenvolvido. Ter despachado o Abel provavelmente não foi uma boa solução.
    Além de toda a preparação de jogadores que possam vir a dar de imediato a sua contribuição à equipa principal, a equipa B poderia servir também de escola para um futuro treinador da equipa principal, mais não fosse como adjunto, como aconteceu durante anos com o saudoso Fernando Mendes ou com o Carlos Pereira.
    Com o fim das equipas de reservas as equipas B são fundamentais para darem suporte às equipas principais, mas não como estamos a fazer em que cada equipa têm uma forma diferente de jogar, com sistemas e filosofias completamente diferentes, assim torna-se impossível criar entrosamento entre os jogadores e fazer trocas quer da principal para a B quer da B para a principal. A direção de futebol devia estudar bem este dilema porque todos os anos temos jovens a sair dos juniores que deveriam de rodar na B além de serem emprestados para outras equipas, provavelmente dentro da filosofia dos clubes satélites como aconteceu à alguns anos com o Torreense por exemplo.

    ResponderEliminar
  2. Há dois treinadores, ex jogadores, que eu gostaria de ver no SPORTING B. O Litos e o Beto, por esta ordem de preferência. Sei que outros haveria mas não vejo que para tal estejam disponíveis.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE