sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Perante "o mais importante"!...


O MAIS IMPORTANTE

«Nenhum sportinguista de boa-fé pode retirar a Bruno de Carvalho o mérito de ter salvo o clube do abismo, de ter dirigido uma renegociação da dívida com a banca, de ter tapado milhares de buracos financeiros e legais, de ter contribuído para encher o estádio semana após semana, de ter devolvido aos adeptos o seu orgulho. Tudo isto chegaria para fazer um balanço muitíssimo positivo do mandato que ele pretende renovar. E se isto não chegasse, o pânico de assistir ao regresso da brigada do croquete travaria a vontade de mudar de Presidente. Mas não impede recordar para que serve um clube como o Sporting: para ganhar títulos. Sobretudo no futebol.

A contratação de Jorge Jesus foi acertada. Isso nota-se nas exibições da equipa, de que os dois jogos com o Real Madrid e o último com o Benfica foram, apesar dos resultados, bons exemplos. Mas o melhor treinador só se confirma como o melhor quando ganha. E as duas derrotas até ao jogo de ontem valem quase um campeonato. Num clube como o Sporting, que é sempre candidato ao título, o tempo para confirmar o valor que se reconhece não é ilimitado. E isto também se aplica a Bruno de Carvalho. Estou-me nas tintas para o seu estilo, que tanto parece irritar aqueles que gostavam do Sporting manso dos gestores que foram falindo o clube. Mas não me estou nas tintas para o facto de, chegado o Natal, estar em 4º lugar, a oito pontos do primeiro e sem um único campeonato ganho desde que se prometeu uma revolução no clube. Quero Bruno de Carvalho a dirigir o Sporting. Pelo que fez e por não querer um regresso ao passado. Mas, no fim, sei que contam os resultados. E não me chega a justificadíssima indignação com a escandalosa ajuda que o Benfica está a ter neste campeonato. Como acontece a todos os dirigentes desportivos, o futuro de Bruno de Carvalho também depende dos títulos.»
(Daniel Oliveira, Verde na bola, in Record)


Não tenho o privilégio de conhecer pessoalmente Daniel Oliveira. Menos ainda, de poder ser seu amigo e dizer-lhe, quiçá com embaraço, quanto o admiro, neste e noutros "carnavais"!...

Será talvez a única pessoa no universo sportinguista, que me consegue fazer esquecer o "estilo" de Bruno de Carvalho e com isso obrigar-me a passá-lo para um plano secundário...

Perante "o mais importante"!...

Leoninamente,
Até à próxima

3 comentários:

  1. Também gosto de ler as cronucas do DO...
    E " fuci feliz"...
    Por concluir...que afinal " não estou só..."
    Por isso tudo...
    Também quero a continuidade de BC...
    Sporting Sempre...
    SL

    ResponderEliminar
  2. Isto de escrever num teclado em que um dedo " apanha" três teclas e depois o " aparelho" é tão inteligente que " assume" por ele às vezes o que não deve...e ainda por cima se comenta quase às 2 da manhã...
    Tem- se muita possibilidade de errar...

    Então o que gosto de ler são as " crónicas" do DO...
    E " fiquei feliz"... Por não " estar só" na minha visão das coisas...
    As minhas desculpas...
    SL

    ResponderEliminar
  3. Excelente texto amigo Álamo, houvesse na família Sportinguista, um "pouquinho" da lucidez de DO, e quase de certeza, que hoje não se estaria a verificar, qualquer tipo de divisão entre os Sportinguistas, faz sempre bem ler um texto de um Sportinguista lúcido...
    Desejo ao amigo Álamo, assim como a todos os Sportinguistas, um excelente Natal, cheio de paz e saúde, "acompanhado" daquelas "venturas" que tanto desejámos para o nosso Sporting...

    Abraço e SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE