segunda-feira, 5 de maio de 2014

João Mário pré-convocado por Paulo Bento



Esta notícia poderá, a muito curto prazo, nada significar. Numa convocatória que Paulo Bento admitiu ontem no Trio de Ataque, ir para além de 40 atletas, a inclusão de João Mário hoje anunciada pelo Vitória de Setúbal, apenas será o reconhecimento da valia e do trabalho que o médio leonino vem desenvolvendo sob a liderança de José Couceiro mas, não acredito que ele alguma vez venha a fazer parte dos 23 que o seleccionador terá em mente levar ao Brasil. Outros valores mais altos se alevantam, direi eu. 

De qualquer modo equivalerá para alguém dentro do Sporting, a um indigesto "sapo vivo", que terá de engolir com um sorriso nos lábios e um comprimido de  carbonato de di-hidróxido de alumínio e sódio debaixo da língua, se é que a questão possa vir a ser encerrada de forma tão inocente e pacífica.

O "caso João Mário" terá constituído a mais inusitada e surpreendente prova de que algo no Sporting não estará a funcionar como seria de desejar. Ruben Semedo, Patrice Fokobo e outros que por aí vão chegando ao conhecimento dos sócios e adeptos sportinguistas, enfileirarão num tipo de processos que julgávamos extirpados de Alvalade. E que não o tendo sido até agora, se torna imperioso, inadiável e urgente resolver. Doa a quem doer, episódios desta natureza não são compatíveis com a grandeza do Sporting Clube de Portugal.

Agora já sob outro prisma de observação, importará questionar as razões que levaram a Académica de Coimbra e ambos os Vitórias - Setúbal e Guimarães - a divulgar os nomes de atletas seus pré-convocados por Paulo Bento, quando os restantes clubes até ao momento gerem silêncios?! Que responda quem souber...

Leoninemente,
Até à próxima

Sem comentários:

Publicar um comentário

PUBLICIDADE