quarta-feira, 21 de maio de 2014

Até os burros são mais inteligentes !!!...



Há quem pense que entre a inteligência e a esperteza, talvez alienado pela campanha publicitária de agentes com o mesmo perfil, apenas haverá como barreira de separação, uma linha muito ténue, que corre à frente do dedo indicador de todas as mulheres irresistíveis e loiras, aprovadas nos castings. Erro crasso, esse que cometem todos os que o presumem. Entre o dom maior da espécie humana e o patamar máximo da capacidade intelectual dos animais menores, corre um "amazonas" de largura próxima do infinito.

Na classe dos jornalistas portugueses reina uma tremenda e generalizada confusão sobre a espessura da tal linha da verdade - haverá felizmente excepções, que mais não fazem que confirmar a regra. Se alguma dúvida persistia na bonomia típica da nossa gente, a roda de imprensa ontem promovida no Auditório Artur Agostinho, terá acabado inexoravelmente na sargeta. Um grande maioria dos nossos escribas de meia-tijela, não passam de uma cáfila disfarçada, senão mesmo de uma asinina récua de indigentes.

Não foi possível assistir ontem no auditório leonino, a uma única questão colocada pelos jornalistas, que visasse a questão central, naturalmente material, embora subjectivamente colorida pelo próprio com nuances politicamente correctas, da opção de Leonardo Jardim. Consumada a despedida do técnico leonino, o que apenas passou a interessar a toda essa gente, era saber o nome do rei que substituiria o deposto.

Bruno de Carvalho, sem papas na língua, convidou de forma enfadada e de certo modo peremptória e agreste, os jornaleiros a desistirem do propósito de levarem nos seus caderninhos de gatafunhos, as capas das edições de hoje dos seus tablóides. Mas qual quê! As bestas porfiaram na "chico-espertice" e perguntaram-lhe se o novo treinador, que afirmaram subentender ser Marco Silva, teria dado o aval às duas contratações já confirmadas com a apresentação pelo Clube dos dois atletas. O ovo de Colombo, consubstanciado no exibido, presunçoso e triunfante sorriso, daqueles que colocaram a questão.

A resposta veio, cortez, mordaz e gélida e os sorrisos transformaram-se em esgares: "as contratações tiveram o meu aval, o de Augusto Inácio e o de Virgílio Lopes, e reparem que é um aval de peso"!...

Todos se lembrarão de há muitos anos, estava D. Bufas Corleone a colocar os primeiros tijolos do "sistema", uma outra geração de jornaleiros, levou "bailes" parecidos com estes e rapidamente concluiu que o caminho estava errado, tendo alterado o rumo, a grande parte com subserviência, a outra parte, quase discipienda, com indiferença ou ostracismo. Esta nova geração de agentes jornalísticos, quer-me parecer possuidora de atributos intelectuais bem mais modestos: já lá vai bem mais de um ano e ainda não terá percebido a qualidade do muro onde insiste, de forma dolorosamente masoquista, em dar sucessivas cabeçadas! Até os burros são mais inteligentes !!!...

Leoninamente,
Até à próximo

12 comentários:

  1. "as contratações tiveram o meu aval, o de Augusto Inácio e o de Virgílio Lopes, e reparem que é um aval de peso". Aqui está mais uma razão para LJ nos ter abandonado. Quando a direcção quer mandar no trabalho do treinador, nunca dá bom resultado...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com o devido respeito pela opinião de Leão de Coimbra, não a subscrevo, bem pelo contrário! O que mandou na decisão do treinador, foram os milhões do Mónaco...

      Eliminar
  2. Se for Marco Silva o SCP fica tao bem ou melhor servido como ficou com LJ.Nos dias de hoje em Portugal faz sentido que seja a estrutura a contratar jogadores e nao os treinadores porque eles hoje estao na cadeira de sonho mas se lhes cheirar os euros ou libras ja teem as malas feitas.

    ResponderEliminar
  3. Marco Silva, um lampião assumido no nosso Sporting??
    NUNCA!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Jesus é sportinguista e foi jogador do Sporting. O Leo é sportinguista e quis ir embora. O Sá Pinto era o herói das claques e correu mal. O que queremos é um profissional que dê tudo pela sua profissão e que queira triunfar. E o Marco não é lampião assumido, não o revelou em publico.

      Eliminar
    2. Há cada teoria... JJ é sportinguista assumido! Fernando Santos é benfiquista assumido! E que por acaso algum deles fez fretes quando ao serviço de outras cores?! Já o mesmo não se pode dizer de outras personalidades azuladas que estão no futebol apenas e só para fretear em favor do dono!
      Leonardo Jardim afirmou estar no seu clube de coração, um grande clube! Mas bastou acenarem-lhe com uns milhões e lá foi o coração às ortigas...
      Em que ficamos? Pretendem gente séria, profissional e que cumpra os contratos, ou gente para quem apenas conta o dinheirinho!
      Como escreveu o nosso poeta António Boto:

      O dinheiro é tão bonito!
      Tão bonito o manganão!
      Tem tanta graça o maldito!
      Tem tanto chiste o ladrão!...

      Eliminar
  4. Não concordo com esta ideia de que foi por a Direcção querer mandar no trabalho do treinador que Leonardo se foi embora...
    Acho que (quando não se vai além do que se deve ir...) é uma mais valia ter uma Direcção que saiba daquilo que num Clube como o Sporting mais impulsiona os adeptos, que é o Futebol (ninguém terá dúvidas de que o Sporting não seria o que é...sem o futebol...)...
    Ter uma Direcção que percebe de futebol, evitou que "enfiássemos" os barretes que anteriormente foram enfiados em profusão ao longo dos tempos...
    Perceber de futebol, ajuda a fazer as escolhas certas (mesmo quando se enfia um ou outro barrete...muito menos onoroso do que habitualmente se enfiava por norma anteriormente, com uma ou outra excepção...)...

    Que continuem assim, porque me deixarão muito mais descansado do que noutras épocas estive...!!

    SL

    ResponderEliminar
  5. " cortez, mordaz e gélida"

    Sinónimos de uma direcção BRILHANTE até à data.... e que me deixa descansado nos destinos a dar ao meu clube....!!!

    Era isto que desejava, desde que me lembro de pensar SPORTING....!!!

    E nada melhor que pôr os 'tabloideiros', quais baratas tontas, a MARRAR contra as paredes sem saberem com o que conspurcar, as páginas dos seus mandantes....!!!

    TOMA LÁ... DISTO....!!! IDE-VOS TER PRAZER CONVOSCO PRÓPRIOS....!!!

    SL

    ResponderEliminar
  6. Grande hino à burrice dos jornalecos, o seu texto amigo Álamo.....e grande presidente que temos , que mete estes parasitas todos da CS, dentro do bolso, estou encantada com esta forma de trabalhar......que continuem este belo trabalho por mtos e bons anos....
    Ps: Só já falta um poucochinho para conhecermos o novo treinador...

    SL

    ResponderEliminar
  7. Muito obrigado por mais um texto marcante amigo Álamo,

    De tantos parágrafos emblemáticos (tipo a resposta do NOSSO Presidente) há uma frase que gostaria de destacar... "Um grande maioria dos nossos escribas de meia-tijela, não passam de uma cáfila disfarçada, senão mesmo de uma asinina récua de indigentes." ... Infelizmente, é a mais pura das verdades do que temos na NOSSA praça jornalistica desportiva... Mais, ele é erros ortográficos mirabolantes, construções (mentiras) engendradas em locais 'escuros' e por aí fora... Se calhar fazia-lhes bem passar por aqui mais vezes caro Álamo, podia ser que se lhes abrisse o léxico...


    Abraço e Saudações Leoninas

    P.S. - E hoje ao fim da tarde parece que iremos ter a apresentação do novo treinador do SCP. Não sei porque, mas gosto muito desta maneira de trabalhar desta Direcção do SCP...

    ResponderEliminar
  8. Acontece-me raramente, mas desta vez não estou 100% de acordo com o "Leoninamente". Aos jornalistas cabe realizar as perguntas que interessam à audiência do respectivo jornal sem se estarem a auto-censurar. Às pessoas a quem são dirigidas as perguntas cabe discernir até onde querem ir. Diria neste caso que tanto os jornalistas como o presidente BdC estiveram bem, cada um dentro do seu papel.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE