domingo, 27 de julho de 2014

Leão mecânico ou leão robótico ?!...



Leonardo Da Vinci era um génio! Quase 500 anos após a sua morte - 12 de Agosto de 1519 -, ninguém se atreverá  a dizer, se era físico, engenheiro, alquimista, mecânico, pintor, escultor, inventor, poeta, músico, etc. - talvez etc. tenha sido o seu mais importante atributo. E entre as suas incontáveis criações, terá "pintado", durante uma estadia de três anos que terá passado num castelo do vale de Loire, a convite de Francisco I de França, para divertimento do monarca seu amigo, em retribuição da sua gentileza e preferência, um "leão autómato" a que, rezam as crónicas, teria chamado T-800.

Graças a relatos escritos de quem o viu e desenhos deixados pelo artista, o "leão mecânico" de Da Vinci, terá sido "recuperado" - do original ninguém parece saber o paradeiro! -, em resultado do talento do mestre dos autómatos Renato Boaretto e da sua equipa de engenheiros e técnicos, que foram capazes de recriar o "animal" para o Château du Clos Luce, onde ele pôde ser visto como parte da exposição sobre Leonardo Da Vinci, que ali esteve patente nos finais de 2010 e cujo vídeo deixei acima.

O "leão de Boaretto", em tamanho real, precisa que alguém lhe dê corda, como um relógio antigo. Então, ele anda dez passos para a frente, balança a cabeça para os lados, abre e fecha a sua feroz mandíbula e balança a cauda para cima e para baixo.

Vem este meu "prefácio" a propósito de uma local de um desportivo qualquer, onde o Sporting, após conseguida exibição e expressiva vitória por 3-0, sobre o F.C. Utrecht em jogo de preparação, surge apelidado de... "leão mecânico"!

Claro que aparentemente, o "manhoso título" pretenderia significar que o Sporting havia revelado um evidente progresso nos automatismos de jogo, nessa sua sexta apresentação. Mas só aparentemente. Porque é notória e flagrante a pretensão de associar o agradável desempenho actual dos leões, à herança deixada por Jardim, desvalorizando o trabalho de Marco Silva.

A meu ver, haverá uma diferença muito grande entre um "autómato" e um "robot"! Entre o "leão mecânico" herdado da época passada e o sofisticado "leão robótico" de Marco Silva, se entendermos que "autómato" significará "mover-se sózinho", enquanto que os "robots" executarão muito mais coisas, mediante os circuitos que integrem o seu "cérebro" e a programação a que obedeçam.

O Sporting de Marco Silva, não será, a meu ver, um "autómato" herdado de Jardim, que funcione sózinho, bastando para isso dar-lhe corda. O Sporting de Marco Silva não é um "leão mecânico" como "manhosamente" foi sugerido. Antes um "leão robótico", preparado para reagir ao mais leve impulso do seu criador, porque foi exactamente concebido para isso. Poderá aproveitar, inteligentemente, toda a poderosa mecânica instalada por Jardim, mas vai muito mais longe nos seus movimentos, de cuja amplitude só agora nos começamos a aperceber e cujos limites ninguém se atreverá a imaginar.

Em remate direi que, na minha modesta opinião, o "leão mecânico" do final da época passada, era desconsoladamente previsível, sem que de algum modo pretenda retirar-lhe a mais minúscula partícula das inúmeras virtudes exibidas. 

Ao "leão robótico" de Marco Silva, atrevo-me a prognosticar uma contrastante imprevisibilidade, resultante da tremenda capacidade de "programação" de que o seu criador o estará a dotar. Só o tempo e os resultados o poderão confirmar.

Leoninamente,
Até á próxima

10 comentários:

  1. Estou positivamente surpreendido com o modelo de jogo apresentado pelo Marco Silva e apesar de parecer ter como base o 4-3-3 do Leonardo Jardim, basta observar os movimentos dos jogadores com atenção para perceber que as coisas são feitas de maneira bem diferente. Ninguém sabe como vai correr a época, que vai ser longa e com várias dificuldades (em especial as da esfera da APAF), mas até agora parece-me que a nível de futebol jogado, o futebol desta época vai ser uma versão 2.0 do futebol da época passada. Do meio campo para a frente há um pouco de tudo (fiabilidade, velocidade, fantasia), com diversas soluções para diferentes tipos de jogos. Quase tão importante como ganhar, é passar um bom bocado a ver o Sporting jogar e espero que isso aconteça este ano (pelo menos, são bons os indicativos!).

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Subscrevo inteiramente o pensamento do amigo Kawir. E tanto assim é que, pesem embora o sentido figurativo e as analogias que utilizei no texto, pretendi, exactamente, situar nesse plano as minhas expectativas.

      SL

      Eliminar
  2. Caro Álamo, que este Leão "mecânico" ou "robótico" nos continue a dar alegrias nos jogos mais a sério...e fazer-nos recordar a Laranja Mecânica! :)

    SL
    NFA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O sonho do amigo NFA, é alto, mas que mal virá ao mundo se ele for alargado a todos os sportinguistas?! Afinal, o sonho comanda a vida!...

      SL

      Eliminar
  3. E se "quisessemos" entrar no campo do imaginário...poderíamos até dizer que Leonardo da Vinci...foi o "primeiro a descobrir" o Leão e sendo assim nada me proibiria de afirmar que data de mais ou menos1519...a "Fundação" do Sporting...~

    Ah, ha, ah..."se eu tivesse " uma costela de galinha (vade retro satanás...) já estaria para aqui a afirmar, que mesmo antes da "invenção" do futebol..."já existia" o Sporting...!!

    Era uma afirmação muito "manhosa"...bem ao geito de uns quanto que nós muito bem conhecessemos...e de ginjeira...!!

    E esta hem...?


    Isso...cacarejem, que eu "já pulverizei"...os vosso 110 ...!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai amigo Max, a sua ideia é completamente... ARRASADORA!... Fiquei com pena das galinhas! Coitadas, até o "milho" o amigo lhes tirou...

      SL

      Eliminar
  4. É com prazer que visito o blog todos os dias, raramente comento mas neste post tenho de lhe tirar o chapéu caro Álamo, do video ás analogias tudo muito bem "esgaido"
    Saudações Leoninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado caro "Anónimo das 22.45"! Mas lanço-lhe o repto de imitar o "Anónimo das 21.56": deixe duas ou três iniciais e já não me verei constrangido a tratá-lo como anónimo. De qualquer modo retribuo as

      Saudações Leoninas

      Eliminar
  5. Analogia brilhante, como sempre amigo Álamo, estou a gostar imenso de ver o nosso Sporting a jogar, e cada vez me convenço mais, de que a saída de Leonardo Jardim, foi um mal que veio por bem, a táctica utilizada por MS parece-me mais arrojada, isto sem demérito para LJ claro...Tb achei brilhante a ideia do amigo Max, "do nosso Sporting já existir há 495 anos", quem nos diz a nós, que se hoje fosse vivo, Leonardo Da Vinci, não era Sportinguista?????!!!!!!

    SL

    ResponderEliminar
  6. Caro Álamo,

    Mais uma vez um 'post' mais que pertinente!

    Creio que para a engrenagem do "Leão mecânico" já estão reunidas as peças e os materiais necessários, contudo, na zona das "garras" creio que faltam 'afiar' duas... A saber, o Defesa Esquerdo para concorrer pelo lugar e o extremo/avançado canhoto...

    Se para suprir a primeira 'garra' a que aludi, o Jonathan Silva me parece ser solução, já para a outra a situação estará ainda no "segredo do reino do Leão rampante"... A seu tempo seremos bem informados, seja aquando da foto do "bacalhau" presidencial no site leonino, seja nos noticiários da Sporting TV!!!

    E sim, caro Álamo, mais uma vez terei que subscrever tudo o que refere quanto ao "Leão robótico" e seu programador! Deixem-nos sonhar!

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE