quarta-feira, 26 de março de 2014

Sporting, o vai e vem da especulação !...



Ao que vai chegando ao conhecimento dos adeptos sportinguistas, pese embora o facto de o final da época ainda estar longe, a estrutura do futebol do Sporting Clube de Portugal, parece já ter arrancado com o normal e necessário "balanço/inventário", como em qualquer "organização organizada" que se preze.

É hora de preparar atempadamente uma nova temporada, sem descurar, por um segundo que seja, o encerramento da actual, se possível utilizando uma "chave de ouro", apanágio de uma história centenária que sempre há-de ser cumprida e honrada.

E a "cartilha" de quatro páginas, que Leonardo Jardim tão frontal e linearmente "publicou" no recente Forum da Maia, avaliação, identificação das necessidades, organização/desenvolvimento da equipa e continuidade, qual "livro sagrado" desta nova vida sportinguista, já está aberta em todas as secretárias dos gabinetes da "estrutura", longe e imune a toda e qualquer espionagem e alcovitice a que o Sporting vinha habituando os interesses adversários, independentemente do seu raio de acção se situar à volta dos gabinetes congéneres ou andasse espalhada pelos labirintos de uma comunicação social, manifesta e maioritariamente afecta aos mesmos.

Terá chegado então a hora de "avaliar o património" e fazer uma rigorosa "identificação das necessidades". que depois hão-de dar lugar às necessárias decisões, sempre balizadas fundamentalmente por uma subordinação inflexível às nossas capacidades económico/financeiras e a todos os compromissos assumidos, que como instituição e pessoa de bem, o Sporting Clube de Portugal, cumprirá religiosa, honrada e pontualmente.

Completamente à margem do segredo dos deuses da nossa "hoje felizmente aplaudida e estanque estrutura", os adeptos sportinguistas vão sendo, como sempre, confrontados com as habituais especulações de quase todos os orgãos de informação, a que naturalmente somam as suas próprias opiniões e os seu legítimos prismas de observação. Ser adepto sportinguista, não se resume ao aplauso, à celebração de vitórias ou à penitência de resultados menos bons. Ser adepto leonino é viver o Sporting, cada um à sua maneira e pensá-lo em liberdade, segundo o seu pensamento.

Dizem os "opinion makers" que se presumem bem informados,  depois de terem dado William Carvalho como um negócio fechado com o MU, que Rojo é pretendido em Itália, Capel e Jefferson serão desejados em Espanha, para não falar nos propalados interesses em Rui Patricio, Carrillo, Cedric, Carlos Mané, Montero, Slimani. Quem sabe se um dia destes não haverá um clube qualquer interessado em Leonardo Jardim, ou até em Bruno de Carvalho. Durão Barroso era 1º ministro de Portugal e foi "contratado" para a presidência de UE.

Por outro lado, há quem diga que os leões estarão atentos a Pedro Tiba, Bebé, Sebá, Sami, assim como vão sendo anunciadas já as possíveis dispensas de Welder, Magrão e Vitor e ainda agora a procissão vai no adro. Quase todos os orgãos da nossa pobre comunicação social, particularmente os desportivos, vivem disso e o mal estará em quem lhes compra o papel, onde escarrapacham toda essa matéria especulativa.

Mas o pensamento do admirável universo sportinguista, não revela a abrangência de uma CS ávida de vender papel. Será bem mais redutor e menos extemporâneo, fixando-se, mais uma vez, na "cartilha de Leonardo Jardim": a vitória no próximo jogo! Que todos desejam já no próximo sábado, com o Vitória de Guimarães, em Alvalade!

Leoninamente,
Até à próxima

1 comentário:

  1. Nem sei com que equipa iremos jogar a próxima época...

    Talvez com "o que sobrar" dos B's, reforçados com um ou outro júnior...

    Está visto...que nos "vão levar" os jogadores todos...!!

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE