quinta-feira, 20 de março de 2014

É hora de fechar o circo !!!...



Está na hora de Bruno de Carvalho deixar de pensar apenas no seu umbigo ou, se se quiser, na sua justa indignação! Está na hora de pensar que o motor principal de toda a vida do Sporting Clube de Portugal, precisa de paz e tranquilidade. Está na hora de escolher o melhor e decisivo caminho para atingir a Champions. E não me parece que o confronto com qualquer dos dois adversários directos que se nos apresentam que, por sinal, já não se cruzarão connosco até final desta época, seja o melhor caminho!

No seu estilo sereno, arguto ou, se se quiser, profundamente inteligente e assertivo, Leonardo Jardim terá proclamado hoje, aquilo que o Presidente do Sporting Clube de Portugal, parece pretender teimar em não compreender:

«Tudo o que se passa fora das quatro linhas e que os jogadores e a equipa técnica não conseguem controlar, passa-nos um pouco ao lado. O que realmente é importante para nós é trabalhar durante a semana, projectar o jogo do adversário, tentar melhorar nos comportamentos que pretendemos, aplicá-los no jogo e conseguir os nossos objectivos. Tudo o resto é acessório para nós e não vai interferir no próximo jogo».

Mas uma coisa será levar a cabo o trabalho que Leonardo Jardim preconiza, num clima sereno de paz e tranquilidade e outra coisa muito diferente, será trabalhar na Academia ao som das explosões do vulcão em que Bruno de Carvalho vai transformando Alvalade. Tudo tem o seu tempo.


Com o devido respeito e muita gratidão pelo trabalho desenvolvido por Bruno de Carvalho ao longo deste seu primeiro ano de mandato, entendo que estará na hora de, e perdoe-se-me a expressão, "acalmar a passarinha" e subordinar os interesses da equipa principal de futebol, a tudo o resto! Tenho a certeza de que uma larga faixa de sportinguistas, entre eles muita gente da estrutura do futebol, comungará do meu pensamento. E só não o clamará com desassombro e frontalidade, porque... pois, fico-me por aqui.

Tudo o que Sporting tinha para dizer ou fazer, já foi dito e feito, se calhar com alguma dose de excesso. Mas, bem ou mal, está feito. Não caiamos então na tentação de repetir a história do "vem lobo", que de tantas vezes repetida, originou a tragédia que todos conhecemos, quando o lobo veio mesmo a sério.

Quando a época terminar e os objectivos puderem ser alcançados, que se aproveitem as férias do jogadores, para fazer o que agora deverá ser urgentemente suspenso. Agora é hora de fechar o circo, mesmo que os "palhaços contratados" teimem em fazer-nos rir! Que saia de cena quem não é de cena!!!...

Leoninamente,
Até à próxima

16 comentários:

  1. Espero que o Presidente "passe por aqui"...ou que alguém lhe transmita isso mesmo...

    Está na hora de juntar as munições espalhadas...
    Olear as armas...
    Limpar as trincheiras...

    E deixar o treinador trabalhar sem "outras pressões" que não sejam as normais de cada jogo...

    Vamos lá deixar os outros a falar uns tempos sózinhos...esperando que nada mais seja como antes...!!

    É isso mesmo...saia de cena...quem não é de cena...!!

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E com o amigo Max, passamos a ser três! E ainda nos hão-de chamar "lambuças", já viu amigo?! Para o que um homem está guardado!...

      Abraço e SL

      Eliminar
  2. Eu quero lá saber o que me possam chamar...!!

    Eu quero é ser como sou...sempre fui e serei...!

    Uma pessoa que gosta das coisas feitas correctamente ...que nunca teve medo de apontar defeitos, mas também sempre esteve disponível a realçar virtudes...!!

    E até ao presente, salvo um ou outro pormenor sem grande interesse...continuo a confiar no nosso Presidente...!!

    E "chamo-lhe nosso", precisamente porque incarna os interesses do nosso Sporting...
    "Lambuças" o diabo que os carregue...que é para não dizer outra coisa...!!

    Abraço e SL

    ResponderEliminar
  3. Nao concordo. parece-me ke pela primeira vez os jogadores sabem ke sao defendidos intransigentemente pela direçao e pelo presidente. abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caríssima Jessica Tavares, nada do que está contido no seu comentário, foi por mim colocado em causa. E se visita este blog, pelo menos desde que BdC foi eleito, saberá porquê. A questão que coloquei no texto que publiquei, deverá ser vista por outro ângulo: a relação custo/benefício de tão excessiva intervenção e os efeitos nefastos que poderá provocar no clima que deveria rodear a equipa. E Jardim parece-me ter sido claro...

      Abraço e SL

      Eliminar
  4. Ninguém coloca em dúvida o magnifico trabalho do Presidente...
    mas talvez fosse mais acertado neste momento...deixar poisar os pardais...

    Uma permanente guerra, acabaria por "desgastar" não só p Presidente...como também o Sporting...

    Mas sim...é inegável que o BC defende com unhas e dentes tudo o que respeita ao Sporting...!!

    SL

    ResponderEliminar
  5. perdoem-me ir contra a vossa opiniao..(olá amigo Max e Álamo), mas...

    nao se deixem enganar com a aparente acalmia que vai no "futebol" portugues...
    entendo aonde querem chegar, com o acalmar, para os jogadores nao se desconcentrarem, mas se repararem é agora que as forcas vigentes estao a preparar a proxima leva de corruptos, para lhes garantir mais vitorias nas epocas vindouras....ele é o figueiredo que é abalroado...ele é o vitinho a mudar as nomeacoes, sóporque sim, preparando caminho para os proximos assalariados da fruta...tudo está em movimento e desta vez nem tanto ás escondidas, como costumava ser feito(perda de qualidades do Papa??), mas a maquina do sistema nao pára, portanto, por muito barulho que B.C. va fazendo, tem de o fazer agora, para alertar quem possa andar distraido e traze-lo para o lado da transparencia e da isencao antes que se mudem para o DARK SIDE...eheheh...

    só por isso nao posso concordar com voces , pelo menos até os lugares estarem distribuidos e termos a certeza que haverao pessoas idoneas e independentes nos lugare sporque se luta agora...já por muitas vezes, (por preguica ou por outros motivos, quem nos governou, seguiu o mesmo pensamento, e agora por isso mesmo, nao temos voz em nenhum dos orgaos que mandam no futebol portugues)

    nao quero dizer com isto que queremos lugares para fazer o que os outros fazem, mas só estando nesses lugares, poderemos garantir isencao e tratamento igual para todos...
    bem hajam
    Fernando Silva

    ResponderEliminar
  6. Amigo Fernando Silva...
    A minha ideia não é "baixar a guarda"...
    a minha ideia é estar atento...mas aguardar serenamente, para ver o que "as coisas dão"...

    E talvez até nem seja necessário esperar muito...o jogo do próximo sábado "vai mostrar-nos" até que ponto as coisas estão, ou não...a ficar mais clarificadas...

    O problema com Mário Figueiredo é um caso de "faca e alguidar"...a ex-mulher do dono do carro que abalroou (ou foi abalroado...) é a namoradinha (não de um amigo meu como a canção do Roberto Carlos...) precisamente do Mário Fiqueiredo...por isso ´um "negócio de saias" que nada deve ter a ver com o futebol...
    Se bem que os "da fruta ou chocolate"...não se ensaiassem nada se "fosse necessário" albarroar o Figueiredo...até porque são também..."especialistas em saias"...!

    Abraço amigo e que não hajam dúvidas...:

    Estamos do mesmo lado da barricada...!!

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nem nunca essa duvida passou pela minha cabeca amigo Max...

      o que diz dizer é que algumas pessoas (neste caso quem vai decidir lugares na Liga), precisam de ser relembradas do que foi o "futebol" portugues debaixo da asa do corleone da costa, do lourenco "dos arbitros" pinto, di adriano "chitos" pinto e outros que tais..
      se queremos um futebol limpo temos de tirar esse caciques dos lugares de poder...e fazer com que as regras sejam iguais para todos...

      bem haja amigo, e nunca pense que eu nao sei de que lado é que o amigo está eheheh
      fernando silva

      Eliminar
  7. "Apesar de tudo", estou com o Álamo e com MaximinoMartins.
    Aceito, sem grandes incómodos, a posição de BdC (da Direcção?) porque não sei o que anda a ser jogado nos bastidores e, aqui, tenho bem presente o comentário do "Anónimo" Fernando Silva.

    Eu também preferia que BdC fizesse agora um interregno nas intervenções públicas que mexem com a arbitragem e classificações, pois receio que o excesso possa conduzir a resultados contraproducentes. Considero que, neste momento, árbitros, assistentes e CA estão já suficientemente expostos à opinião pública, pelo que 2-3 semanas de acalmia na situação poderia ajudar todos.
    Mas esta é a opinião de quem está de fora -e "quem está de fora, racha lenha"!
    Nada, nem ninguém, me garante que "o monstro", parecendo morto e enterrado, afinal não esteja vivo e bem vivo.
    Mais 2 dias e já teremos uma ideia do que aí vem. O "sistema", tal como o entendemos, protege quem julga mais forte, quem julga ter mais poder -e aqui o lã-foi-se leva-nos a dianteira, com grande avanço. Mas esse mesmo "sistema", do mesmo modo que nos foi considerando "um corpo estranho" e se preparava para nos destruir, pode estar a encontrar em nós uma resistência inesperada, uma força que suplante ou ameace suplantar já uma das outras forças dominantes.
    Precisamos, pois (e pegando na ideia de Fernando Silva) de ganhar força e peso na super-estrutura que vai governando "a loja". Ganho que seja esse patamar, nada me surpreende que "o sistema" nos absorva, expurgando um corpo lá existente que, entretanto, definhou.
    Talvez seja esta a luta a que estamos a assistir, pelo que aceito perfeitamente as ações de BdC -mas, "apesar de tudo", estou convosco, Álamo e MaximinoMartins.

    ResponderEliminar
  8. Excelente post. Totalmente de acordo. SL

    ResponderEliminar
  9. Como vocês estão enganados... O golo, em milimétrico off-side, no jogo passado vai-lhes servir de arma de arremesso, até ao fim do campeonato, para branquearem os roubos que nos vão fazer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parafraseando o desaparecido líder comunista Álvaro Cunhal, ao seu interlocutor socialista Mário Soares, eu gostaria de contrapôr ao meu grande amigo "8": "Olhe que não, doutor" !...

      E para que o meu grande amigo, desmonte um poucochinho que seja o seu cepticismo, também gostaria de lhe lembrar, que "o cântaro, de tantas vezes ir à fonte, um dia deixou lá a asa"!...

      Finalmente, para rematar, como muito bem diz o nosso "sábio"(?) Povo, "não há mal que sempre dure, nem bem que nunca se acabe", sendo que ambos sabemos demasiado bem, por onde têm andado, tanto o mal, quanto o bem!

      Um grande e leonino abraço ao "nosso 8". Boa sorte amigo, faz por mim as honras da casa, aí no Funchal! Não te esqueças de dar por mim, um grito de apoio, ou muitos, aos nossos leões!!!... SL

      Eliminar

PUBLICIDADE