terça-feira, 5 de janeiro de 2016

É mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha!...



É mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha!...

Leoninamente,
Até à próxima

10 comentários:

  1. é mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha que um rico entrar no reino dos céus. Mas neste caso também está bem metida
    SL e Bom ano 2016

    ResponderEliminar
  2. Há "figurões" neste País à beira mar plantado...
    Que nasceram com a "estrelinha da sorte" a iluminá-los...
    Há sempre um "juiz" conhecido..."preparado" para "fintar" a justiça...!!

    É mais fácil como diz o amigo Álamo "empurrar um camelo" (e estamos para aí cheio deles...!) pelo buraquinho da agulha...!!

    Há um "gang à solta" em Portugal e dele farão parte certamente...: politicos, juizes, advogados, homens ligado à bola...a "trampa" do país devidamente reunida...

    Felizmente também existem muitos cidadãos exemplares...não estão é "para se ralar"...

    Abr e SL

    ResponderEliminar
  3. Bom dia, como posso entrar em contacto convosco?
    Obrigada
    Sílvia Baptista

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. À atenção da caríssima Sílvia Baptista, ao fundo do blog, está a resposta que espera.

      SL

      Eliminar
  4. Se escapou ao apito dourado...
    Rui Silva

    ResponderEliminar
  5. Ter cadastro e um "must" dos candidatos a presidencia do fcporto e benfica.

    SL

    ResponderEliminar
  6. Sim amigo Álamo, "É mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha!...Plenamente de acordo, o que podemos esperar de uma justiça que consegue "ilibar" o barão da corrupção no processo "apito dourado"? Nunca a frase de BdC "Há muitos inocentes presos, e muitos culpados em liberdade" fez tanto sentido como agora...

    SL

    ResponderEliminar
  7. Não creio, mas no outro caso do "Vítor do ouro" que é mesmo grave, parece-me que os juízes "borraram a pintura". Alguém com 2 dedos de testa, acredita nisso? Mandar ao "charco" uma investigação de 2 anos? Só neste país! não é estranho?

    ResponderEliminar
  8. Estranho caro A.Martins (por acaso eu também sou A.Martins...com A de Alves)...acha estranho...?

    Olhe que depois que o "outro" viu um porco a andar de bicicleta já nada é estranho neste País...

    "Estranho" seria haver um juiz que pegasse num caso devidamente investigado, o levasse até às ultimas consequências e aplicasse a Lei a quem ele devesse ser aplicada...
    Dificilmente conseguiremos ver uma coisa assim...!

    E um juiz "que deita assim ao charco" uma investigação dessas, "fica assim" sem quaisquer consequencias...?

    Uma situação destas num País mesmo com "máfias à mistura", que fosse um País "a sério"...
    Pelo menos o juiz...não se ficaria certamente a rir...!

    SL

    ResponderEliminar
  9. Se calhar,
    se tivéssemos um Ministro da Justiça a sério,
    se para estes casos mediáticos fosse nomeado um juiz sério,
    se... a sério, este juiz ia ajuizar para outra freguesia, que a comarca já era.

    Fico com a ideia de que Sócrates era, apenas, um político a descartar, por ter deixado de ter interesse para alguns figurões; entretanto, para esses ou outros figurões, é capaz de ser (muito) conveniente que se mantenham activos alguns figurões do futebol...

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE