terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Porque nenhum dos "velhos do Restelo" que cirandam à nossa volta, impedirá que se cumpram os nossos desígnios!...



A comunicação frenética do presidente do Sporting Clube de Portugal

«... A verdade é que Bruno de Carvalho não precisa de fazer muito para encher o espaço mediático com a sua voz grossa: basta-lhe escrever no Facebook e ir à televisão do clube, a Sporting TV, para ocupar o espaço mediático – sempre em defesa do clube e não deixando ninguém sem resposta ou sem recado, inclusive, funcionários ou figuras menores de clubes adversários. A mensagem do dirigente leonino propaga-se a grande velocidade, desde logo nas redes sociais, e, depois, sob a forma de notícia, porque os meios de comunicação, em especial os jornais desportivos, que há 20 anos só publicavam conteúdos exclusivos, transformaram-se em difusores de todas as declarações, em função de uma concorrência feroz.

Deste modo, o presidente do Sporting Clube de Portugal é talvez a figura pública portuguesa da actualidade que melhor utiliza a Internet e as redes sociais para comunicar com os seus públicos sem o filtro dos meios de comunicação social. E garante a presença nos meios de comunicação porque eles publicam tudo e repetem-se uns aos outros.

Nos primeiros dois anos da sua gestão, esta “comunicação frenética”, como eu a designo, colocava Bruno de Carvalho muito em evidência, transformando-o no único grande protagonista do clube. Mas a estrondosa contratação de Jorge Jesus, em 2015, treinador bicampeão nacional ao serviço do Benfica e, por isso, celebridade no futebol português, diminuiu os holofotes que focavam o presidente. Hoje, o projecto desportivo do Sporting assenta na comunicação frenética e nas decisões de gestão do presidente Bruno de Carvalho e no trabalho competente e incansável do treinador Jorge Jesus, que, ainda há dias, confirmou aquilo que alguns já sabiam: é capaz de perturbar o sono dos elementos da sua equipa técnica a qualquer hora da noite só para partilhar uma ideia sobre o treino do dia seguinte.

No fundo, tanto o presidente Bruno de Carvalho como o treinador Jorge Jesus são incansáveis no seu trabalho e essa dedicação total e exclusiva transmite ao clube a urgência de ganhar, estimulando o empenhamento de todos na concretização dos objectivos da organização, nem que para isso tenham de assumir riscos. Depois de anos afastado da luta pela conquista do titulo de futebol, é assim que está em reconstrução uma cultura ganhadora no clube de Alvalade. E, contra as previsões iniciais, o Sporting Clube de Portugal segue na liderança do campeonato português de futebol, sendo notórias as vitórias categóricas sobre Porto e Benfica, os adversários directos. O que significa que a estratégia está a resultar.»
(Texto integral em Comunicação Integrada, por Luís Paulo Rodrigues)


Já decorreu quase um ano desde que resolvi abrir portas e janelas deste cantinho de leoninidade, para receber com o respeito e admiração que desde sempre me mereceu, Luís Paulo Rodrigues, "com extrema dose de certeza, um dos melhores especialistas portugueses, de Conselho em Comunicação". (LINK)

E os sportinguistas que de há muito se habituaram a incluir Leoninamente no seu périplo diário na blogosfera leonina, decerto terão compreendido as razões que me levaram a fazê-lo: há momentos na vida de uma instituição com a grandeza do Sporting Clube de Portugal, em que temos de juntar "a tua à nossa voz", para que a "parábola dos sete vimes" possa fazer sentido.

Quase um ano depois, volto a recorrer a esse "grande leão", porque sei, de um saber aprendido ao longo de muitos anos e experiências, que todos os grandes afectos precisam de alimento e o momento que se vive no Sporting Clube de Portugal exige que o amor dos sportinguistas se revivifique e jamais possa ser beliscado pelas "serpentes" que no nosso prório seio, persistem em semear a desconfiança, a dúvida, quiçá o descrédito.

Todo o texto de Luís Paulo Rodrigues é um hino de sportinguismo, que vivamente recomendo. Mas o excerto final que dele retirei e aqui publico é, a meu ver e sem sombra de dúvida, o alimento que atrás referi, para que o nosso amor ao Sporting Clube de Portugal e o nosso respeito e admiração por quem o dirige e serve, jamais em tempo algum possam ser colocados em causa.

Porque nenhum dos "velhos do Restelo" que cirandam à nossa volta, impedirá que se cumpram os nossos desígnios!...

Leoninamente,
Até à próxima

P. S. - Para o Brasil, um grande e grato abraço a Luís Paulo Rodrigues.

2 comentários:

  1. É muito o que o Álamo diz, e a transcrição do texto que 'postou', que revelam muito do segredo da Força que o Sporting Clube de Portugal denota na actualidade.

    Contra ventos e tempestades, o Leão segue o seu caminho. E é assim que deve continuar. Nós por cá, e por lá e por esse Mundo fora, como Leões e Leoas que somos temos que fazer a NOSsa parte!!!

    A propósito do NOSso sentimento, tão único, de ser Sportinguista, deixo aqui algo que encontrei e que julgo inserir-se no espirito desta Comunicação:

    O meu pai, fortuna minha,
    Deixou-me muita riqueza.
    Dinheiro não, que o não tinha,
    Mas virtudes com certeza!
    Nobreza é virtude rara,
    Só para gente de eleição,
    Só o “cego” não repara
    Na marca da distinção!
    Com essa característica,
    Que no meu pai se sentia,
    Quanto à ligação clubística,
    Uma apenas se admitia!
    Felizmente era um leão,
    O símbolo mais adorado,
    Verde era o seu coração,
    O meu ficou do seu lado!
    O verde é cor de esperança
    E também é de “fair play “.
    Minha escolha de criança,
    Aquela de que mais gostei!
    Não sei se é erro meu,
    Mas sempre me pareceu,
    Que quem gosta desta cor
    Acrescenta mais valor.
    Tenho uma certa vaidade,
    E orgulho, porque não?
    De sentir por Alvalade
    Uma dedicada paixão.
    O clube é sensacional.
    Como ele não há igual.
    O melhor e mais leal,
    Sporting Clube de Portugal!

    Aquele Abraço Leonino

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E a gente, amigo YaZalde, vai continuar a trilhar o caminho que nos ensinaram aqueles que foram a razão de estarmos aqui, seguindo-lhes o exemplo perante quem veio de nós! E assim perpetuaremos o Sporting! E seremos sempre diferentes, porque aprendemos que "cantando espalharemos por toda parte, com o engenho e a arte" que nos orgulha e sempre distinguirá!...

      Um grande e leonino abraço

      Eliminar

PUBLICIDADE