sábado, 26 de novembro de 2016

O horizonte é escuro!...


Estorvo no bolso


«Dizer que o Sporting desiludiu neste regresso aos grupos da Liga dos Campeões é capaz de que ser um furo gigante na caixa da honestidade analítica, se tivermos em linha de juízo que a equipa leonina teve de se bater com Real Madrid (campeão em título) e Dortmund por uma vaga nos oitavos de final. Todavia, podemos virar o contexto de pernas para o ar e afirmar, sem margem de erro, que esta Champions foi uma desilusão para os verdes e brancos, que antes do sorteio não admitiam menos do que a passagem à fase seguinte da prestigiada e prestigiante competição. A uma jornada do fim desta fase, a ambição da equipa de Jorge Jesus está reduzida à qualificação para os "16 avos" da Liga Europa, um objectivo que, no entanto, tomando como guia de avaliação o recente discurso do treinador, não será secundário ou irrelevante. A reflexão final sobre a campanha europeia, essa fica para daqui por duas semanas, quando os números esganarem as projecções e forem definitivos... em vésperas de dérbi com o Benfica. Mas os dados actuais já têm expressão para inspirar conclusões. Uma delas é que o plantel terá de ser repensado e reconfigurado em Janeiro, porque a redução de expectativas (desportivas e financeiras) recomenda cortes na densidade de recursos - reflectida na folha de vencimentos - que se tornam redundantes. Por um conjunto de razões diversas, reforços como Meli, Petrovic, Douglas e Elias passaram ou têm passado ao lado da época. Sem Champions, a quantidade converte-se em estorvo. Com o mercado de Inverno à distância de um mês, há decisões antipáticas para tomar.»
(João Sanches, Opinião, in O Jogo)

Por mais voltas que possamos dar ao texto de João Sanches, muito dificilmente se encontrará contraditório, caso o bom senso impere e não se pretenda "tapar o Sol com a peneira"!...

As expectativas criadas pelo acesso à Liga dos Campeões, com o mercado aberto até às calendas gregas, impuseram a assumpção de riscos nas contratações. Que acabaram em grande parte por se revelar pouco felizes.

Agora, quando chegar Janeiro, alguma coisa terá que ser feita para minimizar prejuízos, já que a nova janela de mercado o permite e a avaliação de necessidades futuras também.

A palavra "estorvo" não sendo simpática e fácil de digerir para alguns dos visados, não deixa de fazer sentido, e com toda a certeza será um complicado sistema de equações para quem o tiver de resolver, o que nos leva a crer que muito antes da reabertura do mercado começará muita gente a ter motivos para noites mal dormidas. E uma coisa é certa...

O horizonte é escuro!...

Leoninamente,
Até sempre, Sporting Sempre!...

6 comentários:

  1. Alguma vez tinha de ser... Mas desta feita não concordo, em absoluto, com o que o caro Álamo escreve, ou melhor, subscreve desta prosa (cheia de espinhos) com pronúncia do norte...

    O fcp anda aflito, numa guerra interna sem quartel, mais parece um 'saco de gatos' em lutas figadais... Mas sobre isso, nem uma palavra, uma linha sequer nesta 'imprensa desportiva á portuguesa', ou seja, totalmente controlada por quem, nos bastidores manipula tudo e quase todos os que estão envolvidos no mundo do pontapé na bola cá do burgo... Interessa é falar dos outros (sobretudo SCP) por forma a que não se escrutine o que se passa quer na suinicultura das antas, quer no aviário mal lavado de carnide...

    Pois é caro Álamo, como os brasileiros dizem "pimenta no cú dos outros, para mim é refresco"... E neste caso esta gentalha das antas sabe-a toda... Afinal foram mais de 25 anos a dominar isto tudo... No entanto há uns anos atrás surgiu um "orelhudo" que lhes tem passado a perna e à grande... Mudam-se os tempos, muda o poder de mão, mas... o 'modus operandi' continua o mesmo, não olvidar que o "orelhudo" andou a aprender muitos anos com o 'papa de contumil' como manobrar e manipular o futebol neste jardim á beira mar plantado...

    A triste realidade é que passamos de uns trauliteiros (fcp) que ameaçaram, agrediram, corromperam todos os organismos do futebol e do desporto em geral para uns galináceos bem falantes que sob a égide da defesa da verdade desportiva assumiram o controlo dos tais bastidores a que aludi anteriormente (incluam-se as redacções desportivas de rádios, tv's, jornais), e depois com a arregimentação, através de contratos directos, avenças, malas, vouchers, pó branco, etc, etc, etc, têm efectuado uma alienação em torno do clube dos aldrabões como só por alturas do Estado Novo tinhamos assistido... Mentem na data da fundação daquela agremiação, no nº de sócios, no nº de títulos, nas contas do clube vs sad, etc, etc, etc.

    Depois do #colinho (2013/14), do #andor (2014/15) e do #empurrão (2015/16), que produziu o tricampeonato da corrupção... Esta temporada temos uma forma mais sofisticada de fazer as coisas, ou seja, sorteios 'martelados', o 'jogo das malas', jogadores comprados, clubes manipulados, e por aí fora. Este fim de semana vamos ter mais um episódio desta triste novela colombiana, o Moreirense vai jogar na Etar de carnide sem treinador. Isto depois de jogarem com um Maritimo estranhamente, ou talvez não, macio. Por isso e desde já baptizo esta época dos lãpiões como a época do #tapete encarniçado... É que tem sido um fartote de jogos pré-combinados no campeonato, para que eles vão triunfando, mas nos jogos mais complicados, não venceram um que fosse...

    Em suma, como Leão de juba bem crescida, já vi tanta coisa que... como diz o ditado "quando a esmola é muita o cego desconfia"... E, temos provas que chegam e que sobram sobre a perfídia que tem sido veiculada por forma a tentar descredebilizar, menorizar, enxovalhar o Sporting Clube de Portugal, mas sobretudo o trabalho que esta Direcção tem desenvolvido e que se consubstancia no reerguer dum clube histórico, mas que tão mal tem sido tratado desde que esta gentalha tem corrompido tudo e todos... No entanto, reforço o enorme ORGULHO que me tem preenchido a alma Leonina ao observar o reatar de modalidades históricas que finalmente irão ter a sua/nossa casa no Pavilhão João Rocha (espero em breve ver o Basket e o Voleibol de novo em actividade).

    Em suma, este tipo de reflexão deixa-me sempre com 'a pulga atrás da orelha'... Falem dos problemas directivos da sad da pocilga das antas, do Brahimi, do Aboubakar (e recentes declarações após encavar a lãpionagem), do plantel mal construido, das contas negativas da sad desses suinos... E deixem o Sporting Clube de Portugal trabalhar...

    Aquele Abraço Leonino

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para que não lavre em erro, garanto ao amigo Yazalde que a prosa deste jornalista NUNCA poderia estar "cheia de espinhos", pela simples razão de que esses espinhos se cravariam na própria carne! Surpreendido?! Pois é assim mesmo e não está só naquele jornal! Acompanham-no JPL, FAD, RT e MD, sob minha garantia absoluta.

      Nem tudo o que parece é!, meu amigo! Para além disso, a crónica de JS traduz exactamente o que penso. Já me conhece e saberá que os meus posts são muito reflectidos e que apenas os publico quando entendo dever fazer chegar a mensagem que possam conter aos alvos certos, na hora certa e sempre, mas mesmo sempre, para benefício do nosso grande amor! É o caso em apreço e julgo ser mais sério do que possa aparentar...

      Grande e leonino abraço

      Eliminar
    2. Bem sei que a pluralidade de opiniões, alicerçadas em argumentos reais e factuais constitui o fulcro deste Leonino cantinho da blogosfera Leonina... Claro está que as opiniões obtusas e ordinárias daqueles malcheirosos com penas acabam, e bem, na guilhotina...

      No entanto, e aludindo à tal pluralidade de opiniões, sob a batuta do "podemos discordar, concordando", compreendo que para se garantir o lugar (posto de trabalho) nestes meios de comunicação desportiva em Portugal, por vezes tenham que enviesar os textos... Mesmo assim, não partilho desta visão de que o 'horizonte está escuro'... Bem pelo contrário, por isso escrevi o que sinto... É que nunca devemos olhar o que se está a passar de forma isolada (isso fica para os laboratórios de investigação pura e não aplicada), antes deveremos não confundir a árvore com a floresta... Eu, prefiro manter-me confiante de que, apesar dos alçapões, minas e armadilhas, que esta gentalha coloca no caminho do clube do Leão Rampante, a estratégia definida por esta Direcção é a correcta e, como tal, estamos no caminho certo. Não pretendo com isto dar a impressão de uma confiança cega, absolutista ou autista, antes que continuo a ver o Sporting Clube de Portugal a crescer em todos os seus dominios, mas sobretudo a fortalecer-se de tal maneira para que o que se passou nos últimos 15 anos antes de Março de 2013 não mais se volte a repetir.

      Aquele Abraço Leonino

      P.S. - Hoje vamos novamente disputar um jogo que tem um 'boi de apito na boca' que pode criar muitos problemas ao SCP. Espero e desejo uma vitória para iniciarmos o ciclo de Dezembro de forma positiva.

      Eliminar
  2. Caro amigo Álamo, acredite que preferia não ter razão, mas praticamente desde o início da época que venho dizendo que necessitamos de um DD e de um DE. Se há posições onde temos excesso, nestas temos escassez, sobretudo de eficiência e clarividência.
    Um abraço e fortes SL.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo Ernesto Marques, ao que tenho vindo a saber, mas como aos porcos não se podem oferecer pérolas, não seria eu a fazer aqui haraquiri! Porém, julgo que a lateral esquerda já estará resolvida e na direita estará em vias de o ser. Difícil será a abordagem da matéria deste post...
      Abraço e fortes SL

      Eliminar
  3. Concordo que é de repensar alguns jogadores como Petrovic e Elias, mas Meli nunca teve oportunidades de mostrar o que vale. Acho injusto que se mande embora um jogador que não tem oportunidades.

    Em relação à "quantidade", ainda temos a hipótese de Liga Europa, portanto, jogadores extra ainda podem ajudar.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE